20% das plantas do planeta estão ameaçadas

Por , em 30.09.2010

Segundo um novo estudo, uma em cada cinco espécies de plantas do mundo está em vias de extinção. Os pesquisadores puderam comprovar o que suspeitavam: a principal causa da ameaça de extinção é a perda de habitat induzido pelos seres humanos.

O estudo revelou que a perda de habitat devido ao uso da terra para agricultura ou criação de animais é a maior ameaça para a vida das plantas. As florestas tropicais são as mais ameaçadas dos ecossistemas vegetais.

Os pesquisadores também disseram que as gimnospermas, o grupo de plantas que inclui as coníferas (pinheiros) e cicadáceas, são as plantas mais ameaçadas da Terra. Ao todo, o relatório revelou que as plantas estão mais ameaçadas do que os pássaros, e tão vulneráveis quanto os mamíferos do planeta.

Este estudo é um dos mais abrangentes já realizados que examinou o estado das plantas na Terra. Ele levou vários anos para ser concluído, sendo que centenas de cientistas no mundo todo examinaram milhares de espécies, usando uma variedade de métodos de imagens de satélite e modelagem no computador para análise de amostras de plantas arquivadas.

Esta é a primeira vez que vemos a verdadeira extensão da ameaça em que se encontram as plantas do nosso planeta. Estima-se que há 380 mil espécies de plantas do mundo, e os resultados do estudo, que se focou em 4.000 espécies de plantas mais cuidadosamente avaliadas, aponta que 20% delas estão ameaçadas.

O relatório da pesquisa mostrou as plantas e as regiões mais ameaçadas. No entanto, cerca de um terço das espécies analisadas são insuficientemente conhecidas para que os pesquisadores realizassem um diagnóstico de conservação.

Segundo eles, começa por aí a dimensão da tarefa que os cientistas ainda têm pela frente. Os pesquisadores disseram que para responder a perguntas cruciais, como a rapidez com que estamos perdendo espécies e por quê, e o que podemos fazer sobre isso, eles precisam estabelecer uma base, podendo a partir daí medir a mudança.

A conclusão dos cientistas é que a diversidade de plantas sustenta toda a vida na Terra, por isso, é muito preocupante que a nossa própria espécie esteja ameaçando a sobrevivência de milhares de espécies de plantas.

O estudo veio em tempo certo. Governos de vários países estão se preparando para definir novas metas em direção a um esforço global de conversação do meio ambiente, em uma cúpula de biodiversidade da Organização das Nações Unidas (ONU), que acontecerá em Nagoya, no Japão, no próximo mês. [LiveScience]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 1,00 de 5)

6 comentários

  • paulo donizetti:

    As vezes devemos analisar e ver se realmente são os proprietarios(os culpados) de devastam, na verdade eles contratam pessoas sem conhecimento algum do que estão fazendo e destroem porque não foram treinadas pra nada apenas recebem um pouco de comida pelo trabalho de destruição…falta na verdade conhecimentos e deve-se iniciar este processo nas escolas e nos lares (20%tambem desses lares são destruidos/desajustados).Temos um futuro nada promissor, precisamos criar uma cultura onde a base é todos cuidarem de tudo a favor de todos…valeu.

  • yuji:

    Preocupante está situação .

  • chiba santos:

    Não é preciso ser um cientista, para ver a distruicão da nossa flora. A mata atlantica esta sendo devastada, dando lugar a pastagem, criação de gado…esta é a verdade…

  • joyce:

    oiiiii adorei o documentario de voxs beijossssssssssssss!!!!!!!!!!

  • victhoria:

    oiiiiiiii gostei desse site muito bom valeuuuuuu

  • ira:

    É assim,quando a vegetação estiver extinta,os grandes gananciosos que passaram a vida devastando tudo na busca desenfreada pelo dinheiro,terão um consolo,comerão as suas proprias reservas de CÉDULAS.

Deixe seu comentário!