Fotógrafo da National Geographic encara uma mortal foca-leopardo [Vídeo e fotos]

Por , em 18.11.2009

O fotojornalista Paul Nicklen, que trabalha para a famosa revista National Geographic, já fez várias imagens incríveis da natureza da Antártica nos anos em que trabalha para a publicação. Agora, Nicklen está lançando um livro das fotografias que já publicou sobre o tema para a revista, chamado Polar Obsession (“Obsessão Polar”, em tradução livre, sem versão nacional), e conta neste vídeo (abaixo, em inglês) uma história impressionante.

Na curta entrevista, Nicklen descreve o seu encontro com uma foca-leopardo na Antártica. Estes animais enormes são predadores de grandes animais, como pingüins e outras espécies de focas, e oferecem perigo inclusive aos humanos: em 2003, uma cientista britânica morreu afogada após ter sido arrastada para o fundo do mar por uma foca-leopardo.

Nicklen, por sorte, não teve o mesmo destino que a infeliz cientista. O fotógrafo conta que se aproximou da foca-leopardo — descrita por ele como a maior que ele e seu companheiro de viagem já haviam visto — e que ela colocou a boca ao redor da sua mão e da câmera, mas sem atacar. Logo depois, ela buscou um pinguim para alimentar o “companheiro”. Ao ver que ele não aceitava os pingüins, Nicklen afirma que a foca deve ter percebido que ele era um “predador inútil que morreria de fome”.

Assim, ela passou a levar vários pingüins, vivos e mortos, e tentou mostrar a ele como ele deveria se alimentar do pinguim. Durante quatro dias, o perigoso animal tentou alimentar e cuidar do fotógrafo, que descreve a experiência como a mais incrível que ele já teve trabalhando para a National Geographic. “Acho que ela pensou que a câmera era a minha boca, o que é o sonho de qualquer fotógrafo”, brinca Nicklen. [Huffington Post]

mortal foca leopardo

mortal foca leopardo

mortal foca leopardo

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 5,00 de 5)

18 comentários

  • Gean Medeiros:

    E os pinguins q s danem???? ಥ_ಥ

  • Marco Rodrigues:

    Achei mais interessante a foca tentar ensinar ele como se alimentar. xD

  • Laura:

    Nossa,eu não sabia que existiam focas tão grandes e capazes de matar uma pessoa…eu achava que era invenção de filme,vi algo parecido com isso num filme sobre uns cachorros esquecidos na Antártida(me foge o nome agora).A dimenção da suposta foca me pareceu exagerada(nota: meu refencial era um bando de huskies)e surreal,a agora achei na web que o bico existe mesmo XD!

  • eset:

    Na terceira foto parece que ela fez pose

  • Antonio Alves de Siqueira:

    Um trabalho incrível. Somente um grande profissional, dotado de uma coragem sem limites,será capaz uma façanha como essa. Parabéns pelo belo trabalho e pela grande coragem!

  • altair nascimento:

    coragem, beleza e muito perigo.
    parabens pelo trabalho, coisa de proficional.

  • rock:

    fico até com inveja da coragem deste profissional,,,o animal é incrivel e forte, parabens

  • Thiago Augusto:

    Magnífico! Belo animal

  • DANIEL KOBRA:

    ULTIMA FOTO CAPTOU UMA EXPRESSÃO FAMILIAR. PARECE MESMO UM CACHORRO!

  • Felipe:

    realmente o animal é grande … o cara foi bem corajoso!
    a Natureza é fantástica
    vamos e devemos preservá-la

  • @AtomicBlue:

    Ela mostrou como era a maior predadora por ali, e tentou ALIMENTÁ-LO com um pinguim que matou. Ela não tentou matá-lo!

    Super =D

  • Marcus:

    parece um cachorro

  • Pri:

    Nossa q legal.
    Dizem q essa foca-leopardo eh muito perigosa e q ela as vezes confunde os humanos com pinguim.
    Cara sortudo.

  • Leandro:

    Hahaha, gostei da cara de sacana do bicho na última foto 😛

  • Rogério:

    Muito boa a reportagem
    conseguiu alegrar meu fim de tarde com a foto da foca de boca aberta ded frente para a camera

  • Claudia:

    Incrível, realmente. O fotógrafo é extremamente ousado. Lembrei de um outro profissional que ousa mergulhar com tubarões brancos sem qualquer proteção (aparente). Ele bate de leve no focinho dos tubarões, ponto ultra sensível de seu corpo, quando se aproximam demais. Tem algo sobre esse cara dos tubarões?

  • Ruben Zevallos Jr.:

    Não parece tão assustador, mas não se deve brincar com aqueles dentinhos.

Deixe seu comentário!