40 fatos interessantes sobre animais para melhorar qualquer conversa casual

Por , em 28.10.2019

Às vezes, tudo o que você precisa para melhorar seu dia – ou uma conversa casual – é um fato fofo e interessante envolvendo o maravilhoso reino animal.

Estamos aqui para te ajudar. Confira as melhores curiosidades sobre nossos amigos peludos:

Gatos veem humanos como “iguais”

Ao esfregar a cabeça em você, um gato está dizendo que te vê como um igual – ou seja, não como um ser humano, mas como parte de sua família felina. Provavelmente o maior e mais desengonçado gato da família.

População de tigres

O mundo está péssimo, mas pelo menos as populações de tigres estão aumentando. Há luz no fim do túnel.

Oi, novo elefante!

Os elefantes são animais muito sociais que tendem a permanecer em grupos “familiares” por toda a vida. Esses grupos são geralmente constituídos por fêmeas (pois os machos podem deixar o grupo para se acasalar). Quando um bebê elefante nasce, todas as mães do grupo social comemoram ou anunciam a chegada do pimpolho usando suas trombas.

Lontras e seus brinquedos

Se uma lontra jovem encontra uma pedrinha, pode guardá-la por toda a vida no “bolso” formado pelas dobras de pele de sua axila. Fofo de morrer, certo?

Campo minado de pinguins

Um campo minado abandonado nas Ilhas Falkland acidentalmente criou um santuário de pinguins. As minas foram colocadas pelos britânicos quando tropas argentinas ocuparam o território em um conflito em 1982. Desde então, pinguins-de-magalhães prosperaram na área. As minas mantêm caçadores e intrusos longe, mas os pinguins são pequenos demais para acioná-las.

Cães sonham

E, sendo que sonham, o seu cãozinho provavelmente sonha com você.

Ratos minúsculos

Existem ratos tão pequenos (os Micromys minutus) que vivem em campos de cereais e podem dormir dentro de flores. Eu juro!

Pandas quase a salvo

Os pandas não são mais considerados uma espécie em perigo de extinção, e ser um cuidador desses maravilhosos animais é um dos trabalhos mais bem pagos da China.

Vacas têm melhores amigas

Um estudo da Universidade de Northampton (EUA) constatou que, quando as vacas eram colocadas em duplas, compartilhando um vínculo social forte. Por exemplo, sua frequência cardíaca era mais baixa e elas ficavam mais relaxadas.

Cochilo pós-almoço

Abelhas podem ficar sonolentas depois de beber néctar e tirar sonecas nas flores.

Cães animados

Às vezes, quando cães são usados em filmagens, suas caudas precisam se reproduzidas com efeitos especiais porque eles a balançam muito. Isso aconteceu durante As Crônicas de Nárnia: O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa (2005), quando alguns atores Husky não pareciam “ameaçadores” por causa de suas caudas felizes. O mesmo truque foi usado em Caninos Brancos (1991) e na série Game of Thrones.

Canto de mãe

Um estudo da Universidade do Sul do Mississippi (EUA) descobriu que mães golfinhos cantam (uma espécie de “apito” reconhecível) para seus filhotes enquanto estes estão no útero. Pode ser que o apito, que é um som especial e único, atue como uma espécie de “nome”. Após o nascimento, outros golfinhos adultos próximos apitam menos, provavelmente ajudando o filhote a aprender e usar o apito certo.

Cão e cheiro

Se você possui uma rotina diária, seu cão pode ficar na porta ou começar a te esperar num lugar determinado quando você está prestes a chegar. Isso porque ele pode deduzir quando você chegará graças a quanto de seu cheiro já sumiu desde você saiu de casa.

Ops!

As abelhas fazem um som tipo “ops!” quando se chocam ou se assustam.

Chapéu de orvalho

Aranhas-saltadoras acabam usando “chapéus de orvalho” às vezes.

Sotaque

As vacas podem ter sotaques, ou seja, fazer sons de maneira diferente dependendo da região em que vivem. Cabras, por sua vez, podem adotar um novo “sotaque” se começarem a passar tempo com outras cabras.

Droga animal

Os golfinhos podem intencionalmente “brincar” com peixes-balão para serem picados. Isso porque o veneno nos espinhos “dá barato”.

Inteligência corvina

Corvos lembram rostos. Você tentar ser amigo de um corvo, ele vai com certeza se lembrar de você.

Pedido de casamento

Você talvez já soubesse que pinguins formam casais monogâmicos para o resto da vida. Agora, você sabia que eles procuram pedras lindas para pedir seu par em casamento?

Esquilos plantadores

De acordo com Rob Swihart, professor de ciência da vida selvagem da Universidade Purdue (EUA), esquilos enterram seus alimentos (como nozes), mas muitas vezes esquecem onde. Essas sementes enterradas têm uma boa chance de se tornarem árvores.

Seu cão te ama

Vários estudos se dedicaram a entender o amor que os cães sentem por seus donos. Por exemplo, os cientistas mediram os níveis de ocitocina (o “hormônio do amor”), batimentos cardíacos e outras biometrias em humanos e seus animais. Os resultados mostraram que, quando você acaricia seu cão, ambos produzem mais do “hormônio do amor” e também ficam mais relaxados.

Vacas se ajudam

Vacas podem se revezar para cuidar de seus filhotes. Por exemplo, uma fica com os bezerros, enquanto as outras pastam mais longe.

Mostrando afeição

Os tigres não ronronam. Logo, para mostrar afeto, eles fecham os olhos – isso significa que estão vulneráveis e confiam no outro animal.

Trombas em filhotes

Elefantes bebês demoram um pouco para conseguir controlar suas trombas.

Adoção

Esquilos podem adotar outros esquilinhos órfãos.

Cócegas

Pinguins podem sentir cócegas.

Jardim

Polvos podem fazer pequenos jardins coletando pedrinhas e coisas diferentes ou brilhantes que encontram no mar, organizando os objetos na areia.

Surfe

Patos gostam de “surfar”. Os animais já foram observados “pegando” marés e nadando de volta para surfar novamente.

Como pipoca

Porquinhos-da-índia pulam quando animados.

Casamento oportunista

Cavalos-marinhos tendem a ser monogâmicos. Quando “casados”, entrelaçam suas caudas para flutuarem juntos no oceano. Esse comportamento pode ter sido favorecido pela evolução, porque cavalos-marinhos são péssimos nadadores e precisam passar muito tempo se escondendo de predadores. Ter um companheiro para flutuar pela vida aumenta suas chances de uma reprodução bem-sucedida.

Chupando dedo

Elefantes bebês podem “chupar” suas trombas para obterem conforto, como bebês humanos chupando os dedos.

Oi, beijinho

Cães-da-pradaria “beijam” para falar oi.

Cauda ou cobertor?

Pandas-vermelhos podem usar suas caudas peludas como cobertores para se aquecerem quando dormem.

Alguns peixes podem te reconhecer

Você pode até pensar que os peixes não conseguem enxergar pelo vidro de seus aquários, mas eles na verdade têm uma visão boa. Alguns podem aprender a reconhecer seus donos.

Mais babás animais

Outro animal que fica de babá às vezes é o lobo. Alguns membros da matilha podem cuidar dos filhotes enquanto outros caçam.

Banho empoeirado

A pele da chinchila é tão densa que não é bom que esses animais se molhem. Em vez de tomar banho na água, eles se limpam com pó (algo que todos os donos de chinchilas devem saber).

Bolinha de tucano

Tucanos se enrolam quando dormem.

Coração

Libélulas formam um coração com suas caudas quando se acasalam.

Sotaque caribenho

Voltando à questão do sotaque, as cachalotes do Caribe têm o seu próprio, diferente de outras baleias cachalotes.

Espirro de brincadeira

Cães podem espirrar quando estiverem brincando de “brigar”, para sinalizar de que não estão levando a sério. [BoredPanda]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (39 votos, média: 5,00 de 5)

Deixe seu comentário!