6 mitos derrubados sobre as bruxas atuais

Por , em 28.09.2010

Em 1999, Christine O’Donnell (uma atual candidata a senadora nos EUA, considerada uma das musas do governo americano), então inciando na política, apareceu em um programa de TV fazendo duras críticas aos Wiccas. Ela afirmou que participou de um ritual dessa religião neo-pagã, e disse ter presenciado bruxaria e práticas satânicas. Como era política – e bonita, ainda por cima -, muita gente passou a acreditar nela. Mas os integrantes dessa seita foram a público para se defender, e esclarecer alguns pontos sobre o que os leigos chamam simplesmente de “bruxaria”. Confira seis mitos sobre os Wiccas que não se aplicam à realidade:

1 – Wiccas são malignos

Total inverdade. Como em inglês a palavra “wicca” está diretamente relacionada a “witches”(bruxos), muitos formam a imagem de Wiccas, na cabeça, como bruxos estereotipados das histórias infantis, com caldeirões, magias negras e rituais obscuros. Os adeptos da Wicca, conforme o livro “wicca para a vida”, são contrários a qualquer forma de agressividade. Segundo uma de suas leis, eles devem retribuir qualquer ato bondoso três vezes mais à pessoa que os ajudou.

2 – Wicca é uma religião antiga

Quem pensa nessa religião, historicamente, deve achar que as origens dela remontam à idade média. Ledo engano. Embora sua filosofia esteja baseada em alguns ritos antigos, da Europa Oriental, que datam mais ou menos dessa época, a Wicca é uma religião muito recente. Apenas nos anos 1950 é que passaram a se organizar e ser reconhecidos.

3 – Wicca não é realmente uma religião

Principalmente entre os adeptos de algumas religiões populares e consolidadas, surgiu a crença de que os Wiccans não são uma religião que mereça ser levada a sério e receber esse nome. Pelo governo dos EUA, ao menos, são reconhecidos como um culto religioso oficial. No estado de New Jersey, por exemplo, oito feriados Wicca são reconhecidos ao longo do ano.

4 – Wiccans cultuam o diabo

Por alguma razão que se perdeu ao longo do tempo, rituais de bruxaria são relacionados à figura do demônio, diabo, belzebu, o que seja. Se eles são realmente parte ou não da filosofia dos bruxos fictícios, não se sabe. Mas esse conceito sequer existe para os Wiccans. É o cristianismo que deu origem à figura do diabo e do inferno, estas concepções jamais foram aplicadas na doutrina dos Wiccans. E mais: não apenas eles não cultuam o diabo, como também não concebem apenas um único deus. Wiccans são politeístas, assim como os hindus e os budistas.

5 – Wiccans sacrificam animais

Segundo as palavras do livro “manual dos wiccans”, eles amam todos os animais: “Nós nunca os prejudicamos ou matamos em nossos ritos ou magias. Sacrifício de sangue de qualquer tipo é contra a nossa lei. Aquela história de ‘olho de salamandra e pé de sapo’ é uma baboseira que não faz o menor sentido”. Logo, a ideia de rituais com sacrifício de bichos não encontra fundamento entre os eles. As únicas oferendas em seus rituais são pães, vinho, frutas ou flores.

6 – Wiccans têm uma “Bíblia negra”

Nem negra, nem branca, nem de qualquer outra cor. Wiccans não seguem nenhum livro sagrado em comum. A explicação é que cada adepto, após estudar as leis, pode criar seu próprio livro de referência. Este livro, chamado de BOS (Book of Shadows – livro das sombras), ajuda cada wiccan a praticar a fé a seu modo. [Live Science]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (4 votos, média: 5,00 de 5)

53 comentários

  • Pedro Henrique Dos Santos:

    Budistas não são politeistas, são ateistas

  • Raul Galdino:

    Acerca do ítem 4. O motivo não se perdeu no tempo. Está bem claro diante de nossos olhos. Os Wiccans consideram uma divindade que nos tempos remotos era considerado pelas religiões antigas algo como o “deus da caça”. Algumas referências o chamam de “deus cornudo”, e é representado por uma figura zooantropomórfica, com cabeça de animal (com chifres) e corpo de homem. Os católicos (cristãos depois da incorporação do cristianismo pelo Império Romano, que eram mais arautos do que seguiu ao império do que seguidores do Cristo) deram esse formato (semelhante ao minotauro dos gregos) ao seu diabo particular, e inventaram uma identidade entre o deus cornudo e o diabo cristão. Isso não foi acidental, está muito claro. Religiões politeístas, que rejeitem todo tipo de maldade, que não tenham uma autoridade central (que possam ser dissuadidas a incorporarem os objetivos do substituto do Império Romano), que não tenham regras e punições, são uma ameaça ao poder divino e irrevogável do Papa. Transformêmo-los em adoradores do demônio e está tudo certo.

  • Shanalise:

    Eu já vi um documentário sobre isso e pelo oque ali mostrou eles fazem feitiços, dizem eles que é para o bem.
    Cada um tem suas crenças e acredita no que quer, não podemos julgar algo que não conhecemos absolutamente.

  • samara:

    bem eu gostei mas tanbem acho q as pessoas q sacrificam os animais devem morrer jumto com eles bem é assaim q pemso quem quiser c
    cuirticar q critique mas ñ vou mudar

  • hellyaden shyru:

    nao tenho nd contra as wiccas eu tenho uma amig q eh como uma irma p mim, ela se auto denomina uma bruxa . . . eu gosto dela d coração e ela nunk me forçou a nada se eu sego este caminho hj eh um problema meu nao tenho vergonha d ser qm sou. e se alguem nao gosta das bruxas wiccas problema eh d v6 nao precisamos d v6 p ser qqm somos,

  • Maria Eduarda:

    Cara, odeio religióes que sacrificam animais ou pessoas! Dá vontade de cortar a cabeça ddeles tbm, mas não vou me igualar a essas amebas que não entendem que Deus não quer sacrifício, e sim atos de bondade. Isso relaciona-se com a religião em questão que, como tantas outras, é cercada de mitos!

  • Aloizio Fagundes:

    Lobo mal chapeuzinho vermelho etc… é muito bonitinho nos contos da carochinha,ja li muito sobre wiccans e acho uma otima filosofia de vida,vi que curtem muito as energias da natureza e isso é tudo de bom

  • josé ricardo:

    Cada um cria seu livro!
    Estranho. é a primeira “religião” que conheço que não tem leis necessariamente comuns, isso não induziria desigualdade entre eles?

    • Victor Coutinho:

      nem um pouco haha, tanto é que eles vivem em grupos, nao como o dos ciganos, mas geralmente eless se associam em pequenos grupos chamados sabbaths (eu acho). A forma de pensar deles é toda voltada pro natural, agradecimento a terra…

    • Sofia Pompei:

      Primeiro,bruxas são bruxas e Wiccas são Wiccas.
      E sim,tem suas “leis”,mas é como o budismo,cada um se adapta ao seu tempo.O legal é que eles tem o livro pra disser o que entendem do manual e como interpretam isso na sua vida.

    • Tiago Vieira da Rocha:

      Essa parte me chamou bastante atenção por sua normalidade. Parece muito com o cristianismo de hoje.

  • Noslidel:

    gostei do modo de pensar do wiccas, são pessoas realmente interessantes e gostei de voces quebrarem esse mito antigo de que wiccans mexem com o demonio e tudo mais.
    Sei disso porque ja namorei uma Wiccan nunca pratiquei e ela tambem não me forçou, são pessoas em suma gente boa que levam preconceito por algums fanatistas religiosos.

    Sigo a regra basica “se todo mundo tivesse uma religião e não ouvesse fanatistas nela , o mundo seria m lugar bem melhor.

  • Rodrigo Paim:

    Muito bom

    Fugindo do assunto, fico cada vez mais impressionado com os comentários …

    Tão nada haver, da até pena da falta de inteligência de certos usuários

    Não encarem como ofensa, já que não citei nome de ninguém

  • =DerPriester=:

    P.s.: Adorei o Paradoxo de Epicuro Sr. Petrônio.
    Realmente um ótimo texto para refletir…

  • =DerPriester=:

    As tais “Bíblias Negras”, foram atribuídas às bruxas, mas na verdade eram os tão famosos Grimoires lendários dos ocultistas.
    Ocultistas quais,eles mesmos não tinham certeza se eram bruxos, e/ou afirmavam ser “cientistas” ou alquimistas.

    Pra mim não passa de um livro de receitas…
    Falando nisso, deu fome e eu vou comer um “bolo satânico” de cenoura do mal com calda de chocolate derretido no fogo do inferno ali na cozinha xD~

    Esses assuntos me fazem rir…
    O que mata nessa história toda, não é a falta de Deus, e sim o excesso de religiosos fanáticos.

    • Victor Coutinho:

      nao sao grimorios, é como se fosse um livro de anotaçoes, grimorios sao, na verdade, livros prontos que vc pode achar na internet facilmente, como biblias satanicas. wiccas nao sao cristaos, logo nao acreditam no mesmo Deus e enem no nosso inferno.
      eles acreditam em elementais, essas coisas de energia de cristal…

  • criancinha:

    7° mito: as bruxas não são velhas feiosas.

    Tem muita bruxinha gatinha por aí….

  • Elisiario Silveira Ferreira:

    Acho importante esses esclarecimentos sobre o assunto tão cético para muitos.Doutrina e filosofia de vida, devem ser sempre respeitadas.Wiccas ou bruxos,mas, para mim ficou escla-
    recido o entendimento dos sacrifícios dos animais como oferen-
    da ,os verdadeiros WICCAS não o praticam.Acreditar em um ser
    superior é importante, mas não é compulsório.Nem é descaminho
    para o reino dos céus.Entendo que ainda existem mais mortes no
    mundo pelo excesso de TEOLOGIA,do que a ausência .Pessoas cé-
    ticas ou atéias matam menos em nome de DEUS, do que os Teológos fanaticos.A Biblia jámais será literalmente explicada , pelo simples fato da desaprovação do CLERO.
    FILOSOFIA de vida ainda é mais seguro do que fanatismo religioso.

  • Fatima:

    Farofa, gostei muito do seu texto.
    Só queria chamar a atenção para algumas imprecisões relativamente aos solstícios e equinócios no hemisfério Norte e a sua relação com o nascimento de Jesus.
    O solstício de Inverno pode variar entre 21 e 22 de Dezembro, mas nunca chega a 25 de Dezembro (data do nascimento de Jesus. A conotação com o “nascimento” do sol pode estar correcta, já que a partir do solstício de Inverno, dia em que o dia é o mais curto e a noite á a mais longa do ano, os dias começam a ficar mais longos (mas sempre mais curtos que as noites).

    Mas essa interpretação choca com a da data da morte. Contrariamente ao que você diz, a partir do equinócio de Primavera, os dias passam a ser mais longos do que as noites, o que nunca pode ser interpretado como a morte do sol. Essa interpretação teria de ir para o solstício de Verão, a partir do qual os dias começam a ficar mais curtos, para atingirem a sua diminuição máxima no solstício de Inverno.

    Daí, que embora eu acredite que possa haver uma conotação das datas associadas a Jesus com datas pagãs, a explicação não pode ser a que deu.

  • Douglas:

    A religião não é uma coisa inútil, o surgimento dela foi decisivo para a evolução da raça humana, a crença na vida apos a morte e em seres superiores capazes de julgar o qual digno era um humano de ir para o paraíso se embasando no que ele fez durante sua vida nos tornou capazes de coviver em sociedade, antes não havia motivo para sermos bons para com os outros a prioridade era ser bom para si mesmo e garantir a própria sobrevivencia, a religião foi responsável pelo surgimento de um dos principios mais primordiais da ética “não faça ao outro oque não queres para ti mesmo”.

  • Talita:

    Farofa, eu li o seu comentário e gostei muito!
    e jaci e joão paulo, gente, fala sério, cada um segue a própria religião ( ou nenhuma) e o resto não tem nada a ver com isso!
    Sobre a wicca, eu li uma reportagem de uma revista sobre isso e fiquei com medo…
    nada contra, mais, sei lá, não gosto.Vai ver ouvi historinhas sobre bruxas demais quando era pequena!

  • Kerensky:

    Tem uma ótima verdade nesse post: a invenção do diabo e inferno de fogo é coisa da igreja católica. Não há outra menção relacionada em outro lugar da história.

  • Crystian:

    O simbolo satânico só vale pra estrela de ponta virada pra baixo, pelo que ouvi. E toda espécie de bruxaria se for verdadeira(eu nao sei se existe isso), deve ter algum poder do satan invocado nisso.

    • Rudolf:

      Que viagem a sua!

      Tente se informar melhor da próxima vez.

    • Sofia Pompei:

      Não é que era simbolo de satanás.É que satanás era um bode certo?ou pelo menos os cristãos davam esse simbolo a ele.Logo a estrela de cinco pontas de cabeça pra baixo lembra um animal de queixo fino,orelhas bem na horizontal e dois chifres.

  • jaci:

    joão vc é muito chato!!! porque será que todo crente é um pé no saco. fui!!!

  • JM:

    Vc tá certo JP a ciência ATUAL não explica os milagres e é aí que entra a fé, de qualquer forma a frase de Einsten é boa…
    Bem, eu acredito que independete de religiões, o que vale é a fé e seus bons atos… deixemos pra descobrir o que vem depois..só depois…^^
    Na real, isso aqui vai acabar se tornando mais uma discussão BOBOCA igual politica e futebol, então to só como leitor agora.

  • jaci:

    joao paulo querido se eu pudesse ter a opção de escolher qual religiao eu me tornaria!!! com certeza nenhuma .mais o que eu poderia fazer , todos sempre defendem sua religião como se fosse defender sua propria vida de algum perigo eminente.vc defende a sua e se não tem, com certeza ja teve uma.sempre a tempo de largar de ser trouxa acreditando em criador do céu e da terra.

  • joao Paulo:

    -Jaci reveja seus conceitos, pois nem Cristo foi poupado da maldade humana, quanto mais um ser comum, e nem por isso Deus se revoltou contra a humanidade e em seguida foi destruindo tudo, então reveja estes conceitos ai, e maldade e o homem andam juntos mas o conserto virá no seu tempo devido, não é do jeito que vc quer não, e quanto a igreja católica essa não foi a única atrocidade que cometeu não, vc foi se tornar católica sem nada investigar dela.

  • joao Paulo:

    _Na real JM a ciencia não pode explicar os milagres, assim como não pode explicar tudo e nem, o principio da criação, mas tem um papel importante para reforçar a idéia do projetista de toda criação, pela complexidade dela e o arranjo para que tudo funcione dentro e fora da terra no mínimos detalhes das coisas criadas, testificam a existencia do ser supremo, mesmo que ele relute em contestar.

  • joao Paulo:

    Deste jeito parece que ser um Cristão no passado era o mesmo que ser um assasino um serial killer, sendo que Jesus o fundador e comissionado pelo pai para dar a vida e não matar, em nome de Deus, pelo jeito parece isto que matar é sinonimo de cristão e vice versa, é preciso entender que Deus nada tem a ver com matanças indiscriminadas em nome Dele ou de quem quer que seja, que a falta do conhecimento é a razão das crueldades praticadas pelo homem sobre a superfície da terra, então buscam justificativas das suas atrocidades dizendo que são cometidas a pedido de Deus que eles se quer foram consultar a Deus pra saber se devia ou não matar pobres inocentes, parece que é mais fácil colocar a culpa em Deus por toda natureza de desgraça que o próprio homem semeia na terra e cosequentemente, colhe, mas se usar de raciocinio faz sentido pelo menos pensar assim, porque quando acontece algo ruim, pessoas desenformadas custumam dizer que foi Deus que quis assim, isso é comumente dito, por dezarrazoados.

  • JM:

    Pode até ser incomum, mas saiba…..

    “A religião sem a ciência é cega, porém a ciência sem a religião é manca”
    Albert Einstein

    ^^

  • jaci:

    eu era catolica até seis meses atrás .depois de muito ver noticias ruins falando que padres e bispos eram denunciados por abusos sexuais de jovens e crianças, que fiquei tão impressionada com isso que até mesmo deixei de acreditar em deus.porque parei pra pensar sobre tudo que acontece e aconteceu em toda a historia da humanidade ,nas atrocídades que o homem cometeu .papas ,bispos e padres abusado de crianças que nem de sexo nada sabem.logo esses caras que se dizem religiosos e que temem a deus? fala serio !!! eles que deveriam morrer de medo de ir para o inferno, ja que leram tanto a biblia . e ainda fazem isso? por isso e por muitas razões que eu virei ateu da noite para o dia. porque se deus existisse mesmo, nada de ruim aconteceria com nossas criancinha que são tão inocentes que nem se quer sabem se defender. vejo tantas noticias ruins cometidas por pessoas que nem deverias ter nascido. crianças sendo estupradas,torturadas,mortas ,enterradas vivas , jogadas no lixo e passando fome em em todo o mundo. fora que se for pesquisar na internet tem muitas coisas que você ficaria revoltado com isso. agora me diz, deus existe?

  • Joca:

    Legal fazer “política” da Wicca, maravilha!

    Agora, é só fazer das outras também!

    Um site científico justificando uma crença específica? Muito incomum.

  • ThiagoSperandio:

    Legal fazer “política” da Wicca, maravilha!

    Agora, é só fazer das outras também!

    Um site científico justificando uma crença específica? Muito incomum.

  • Farofa:

    Autorizem meu comentário, não ofendi ninguem, nem maltratei, so expus fatos veridicos

  • Farofa:

    Cesar eu já psquisei muito sobre a wicca, principalmente por meu irmão seguir a religião… Você diz que os wiccan não seguem a religião da deusa mãe, mas se você levar em conta autores como Edie Van Feu (ou seria melhor dizer Eddi Van Falsa) você realmente chegará a essa conclusão, o que ela faz em suas revistinhas mensais nada mais é do que um “Salada Mistica”, ums s|_|r|_|ba de religões. Tente ler coisas que realmente valem a pena como Gardner, alguns livros muito bons sobre Wicca: Wicca para bruxos solitários, Wicca a Religião da Deus, mesmo a bruxaria contemporânea não usava sacrificios de sangue, pode até ser que antigamente algumas culturas utilizavam do ritual de sangue, mas a verdadeira bruxaria, a que originou a Wicca não usava.

    Todos vocês dizem do demonio Satã, Lucifer, behemoth, leviatã, bapohomet, mas não sabem nem a origem deles… e dizem várias coisas sobre Deus, Jesus Cristo, Virgem Maria. Deixa eu ensinar algumas coisinhas que talvez a sua religião tenha omitido de voces.
    *Satã: A igreja católica o transformou em um demonio para dizer que deuses de outra religião são o Diabo e dizer que somente o seu deus é unico, na verdade Satã era o Deus Cernunnos (O Deus dos animais, em religiões pagãs)
    *Lucifer era um anjo, que por desobedecer Deus (ele procurou sabedoria) foi expulso do paraiso, você deve aceitar a palavra de deus como única, e não procurar as suas próprias interpretações da palavra de Deus se não você é um demonio herege.
    *Behemoth era um hipopótamo que provavelmente a religião catolica transformou em demonio e o colocou na biblia devido aos Egipcios que havia um Deus que era um hipopótamo.
    *Leviatã: Uma serpente gigantesca, que de suas narinas saia fogo, e ele destruia embarcações, seu halito era de enxofre e todos o temiam. Alguém já leu a lenda do Crocodilo do Nilo, leiam, muito esclarecedor.
    *Baphomet: O meu favorito, se você pensar em demonio, logo a sua imagem vem a cabeça: Corpo masculino, com seios de mulher, cabeça de bode, duas luas, uma minguante negra no canto superior esquerdo e uma crescente branca no canto inferior direito, seus braços um para cima e um para baixo, na testa um pentagrama, asas negras sentado em cima de um circulo (o mundo), um caduceu dentro de sua calça: Vamos as explicações simbólicas. Ele não é um demonio como muitos pensam, a Igreja católica fez um bom trabalho para enfiar essa imagem em seus fiéis, na verdade ele é um deus da dualidade, dos opostos, do bom e do mal, ying-yang (como quiserem chamar). Foi “demonizado” pela igreja católica lá pelo ano de 1300, Os templarios o cultuavam no templo de Salomão. Agora vamos as explicações simbólicas. O corpo masculino e os seios femininos mostram a dualidade do Homem e da Mulher, a cabeça de bode é em contraste com o corpo masculino: O ser humano e os animais), as duas luas indicam o começo (crescente) e o fim (minguante), as cores simbolizam o bem e o mal, seus braços um para cima e um para baixo fazem apologia a um ditado antigo modificado: “Assim em cima como em baixo”, ou “Tanto no Céu como na Terra” (notem que não é no inferno e sim na terra), o pentagrama em sua testa simboliza a sabedoria (para que nunca procurou sobre simbologia, o pentagrama é um dos simbolos mais sagrados do mundo, indica sabedoria e proteção) a testa é o chacra da sabedoria, da consciencia, enfim… Suas asas negras simbolizam duas coisas: alusão aos animais novamente e em conjunto com ele sentado em cima do mundo: a velocidade em que a igraja católica se espalhou pelo mundo (porque um demonio carregaria um simbolo a favor da igreja catolica?), o caduceu era um simbolo alquimico, simbolizava a sabedoria antigamente, hoje em dia a medicina o usa como “emblema”, se notar bem dentro do caduceu existe uma cobra branca e uma negra enrolada novamente o bem e o mal).
    Agora sobre os “Deuses”
    *Deus: a maioria das pessoas tem como imagem de Deus um senhor de idade, cabelos brancos e compridos, forte, exatamente a mesma imagem de Zeus, Deus do Olimpo para os Romanos, não seria coincidencia, usarem a imagem do principal Deus pagão Romano como imagem de Deus, unico e todo poderoso? Eles usaram propositadamente a imagem de Zeus, para atrair fiéis Romanos dizendo que seu Deus era unico e todo poderoso e somente através dele poderia ser a salvação, fica mais facil eu acreditar em um deus de uma outra religião se ele é parecido com o meu.
    *Jesus Cristo, Rei dos Reis, nascido em 25 de Dezembro, morreu 3 dias antes da Páscoa aos 33 anos. Qual é o astro Rei? o Sol, e qual o dia do Sol? 23 de Dezembro no hemisfério Norte (Solsticio de Verão) Dia em que pagão cultuavam o renascimento do Deus Sol, pois ele havia morrido e retornado, podendo assim gerar uma colheita boa… Coincidencia Jesus Cristo Nascer no mesmo dia que o Deus Sol pagão? Acho que não… Agora sobre morte, morreu 3 dias antes da Pascoa, e ressucitou na pascoa. Pascoa em Ingles: EASTER, existe uma festividade pagã chamada ESTARE pode ser chamada também de OESTER, valendo uma balinha para quem adivinha o que essa festa comemora? Ganhou quem respondeu a morte do Sol, exatamente. Bem perto da páscoa comemora o Equinocio o dia em que o dia e a noite tem exatamente a mesma duração, e a partir desse dia as noites ficam mais longas e o dia mais curto no Hemisfério Norte.
    *Virgem Maria: Mãe Virgem de Jesus Cristo, usa manto azul: Nada mais é do que uma versão cristianisada da Deusa Mãe, que era mãe do Deus Sol, seu manto azul, é o mesmo que a cor azul dos mantos que os pagão usam para fazer seus rituais, chamado de Roupa de Céu, embora alguns pagãos digam que o Manto Céu, nada mais é do que a sua pele, fazendo os rituais nus.
    Coincidencia: Não apenas a sua religão que incorporou vários elementos de outras religiões para atrair fiéis… Agora entendem as asas de Baphomet?

    Existem muito mais coisas entre o Céu e a Terra, no que acredita nossa vã filosofia… Hamlet – Ato I – Cena V – William Shakespeare
    Entenderam agora um dos motivos da frase? Sim Shakespeare sabia de tudo isso que eu acabei de dizer.

  • Hilton:

    Muito interessante a matéria, mas vale a pena lembrar a Wicca não é a única “religião das bruxas”. Mesmo por que a pessoa pode ser bruxa(o) sem mesmo fazer parte de nenhum grupo/coven, apenas seguindo os rituais com os quais se identifica. Quanto a sacrifícios, tanto de humanos quanto de animais, seria uma prática contraditória, visto que é uma religião que prega o amor à vida e à natureza.
    A quem critica, sugiro que se aprofunde mais e não tenha medo de ser “contaminado”.
    Tudo o que fazemos retorna para nós, uma hora ou outra, de um jeito ou de outro.

  • Petrônio:

    Puxa vida..que coisa né!
    Alguém poderia me dizer qual foi a primeira religião?
    Será que religião foi inventada pelos homens?
    E se foi? Qual o objetivo?
    Eu acredito que a natureza e os seres vivos, o universo e suas dimensões, com seus mistérios são a verdadeira religião.
    Olhe em volta. Veja a natureza! Que grandeza!
    Observe os animais! Como eles defendem suas proles! Que inteligência “Irracional” não?
    Faça o bem! Quantas religiões se dispõem a ajudar o próximo?
    Ou melhor, não religiões, mas quantas humanos estão dispostos a ajudar seu próximo?
    Buda, Cristo, Gandhi, Maomé e outros são exemplos a serem seguidos, mas não necessariamente a religião deles e sim seus feitos.
    Como está escrito “Deus fez o homem sua imagem e semelhança”. Então seríamos também deuses?
    Com esse texto me lembrei de um link que li a um tempo atras que ainda me faz pensar. Os de mente aberta leiam:
    O paradoxo de Epicuro ( http://pt.wikipedia.org/wiki/Paradoxo_de_Epicuro)

  • Nelson:

    huhuhuhuhuhuuh

    Ta na hora de queimar as bruxas

    tinha um padre na idade media que gostava de queimar bruxas,

    churrasquinho , um monte de gente inocente foi pra grelha, bastava não se deixar dominar, a #$%¨&** da política, sempre fazendo o mal, o tempo inteiro, ontem queimavam gente, hoje gastam o dinheiro do cheque em branco que nós assinamos no dia da eleição.

    Pena hoje você não poder gritar que tal político é bruxo, na idade média eles iam para a grelha.

    Bons tempos hhaahahhahahahhah

  • Cesar:

    A verdade é que os wiccans nem mesmo seguem a tradição da bruxaria ou religiões “da terra” ou “da deusa”. Os antigos povos europeus que realmente eram “wiccans” faziam, sim, sacrifício ade animais, e sacrifícios humanos também. Esta “religião wiccan” moderna é uma versão açucarada e descaracterizada, mais apropriada aos costumes modernos, mais sensíveis à visão do sangue e com mais aversão a sacrifícios humanos e animais.

    Por um lado é bom, por outro lado, quem precisa das wiccas? Não tenho nada contra rituais (principalmente rituais da fertilidade), mas as crenças absurdas que você é obrigado a engolir nas literaturas wiccas são um convite à voltar ao obscurantismo animista da era pré-cristã. E daí para voltarem os sacrifícios humanos é um pulinho…

  • Juvanildo:

    Deus está dentro de cada um de nós e cabe somente a nós e não a entidades denominadas encontra-lo. Qual seria então a verdadeira religião? Seria aquela que permitiu queimar seres humanos ou que permite ainda hoje atos de pedofilia? Seriam aquelas com pastores instruidos a extorquir seus fiéis?
    O verdadeiro encontro com Deus se baseia muito mais em atos do que em palavras, muito mais na verdadeira crença e pratica do que em falsas pregações com o intuito de conduzir a humanidade pra um ato de submissão cega e irracional.
    Deus ou qualquer outro nome responsável pela nossa existencia não é carrasco, não exige terno, cabelo comprido, lágrimas, sacrificio, mas tambem não permite a crueldade com as criaturas geradas pela sua imensa bondade.
    Independente de crença individual, não criou nosso mundo apenas para seu divertimento e sim para nossa evolução.

  • Espedito:

    A Hiperscience tá ganhando quanto pra defender bruxa agora? 5 minutos perdidos da minha vida!

  • Liel Pires Ribeiro:

    As religiões não podem ser misturadas. Só que a maioria das irgrejas fanáticas, acha que só porque outra igreja tem uma religião diferente é demoníaca. Eu já briguei inúmeras vezes com minha mãe porque ela condena as outras religiões.
    Isso pra mim, é ato irraciona, fanatismo e ignorância.

  • wilsonr:

    acredito que o título esteja incorreto e deveria ser:
    seis mitos …..sobre a wicca. quando é dito sobre bruxaria,seria sobre todas as formas de bruxaria.
    Cada um procura seu caminho, desta forma, cada um pode encontrar o que procura. Ao encontrar, a pessoa pode não ficar muito feliz com sua decisão????

  • Patrix:

    claudemir da silva
    Atos satânicos?
    Sabe quem é Satã?
    O inimigo do Deus Cristão?
    Realmente, o cristianismo pegou o deus pagão ( Cernunnos, porém pode ter vários nomes) e o converteu no mal, o transformou no diabo, apenas para forçar a massa pagã à “conversão” do cristianismo… Religião era a política do passado, quanto mais fiéis, maior o controle…

  • claudemir da silva:

    a verdade nen sempre é descoberta a seitas quer praticas atos satânicos e se nega a confirmar

  • Patrix:

    O paganismo é a mãe e o pai das religiões atuais…
    Porém, o cristianismo fez muita questão de converter os deuses pagões em demônios…

    Tudo é mitologia, porém a “bruxaria” antiga, era uma forma de ciência. Pois era a “bruxa” que conhecia as ervas certas para determinados tipos de moléstias, era a “bruxa” a médica dos aldeões… E o que o cristianismo fez? As queimou, não por serem bruxas, mas para que servissem de exemplo que se o pagões não se “convertessem” e se permitissem serem “controlados” pelo cristianismo, o mesmo ocorreria com eles.

    Leitura sugerida[A Feiticeira – Jules Michelet]

  • vilma alves do nascimento:

    legal.
    DEUS É ACESSIVEL EM QUALQUER ATO DE FE/BONDADE.
    O SER HUMANO PRECISA SÓ DE SABER, CRER E QUERER.

  • helton:

    Geralmente apoio as materias e me divirto com todas, mas sobre esta sugiro que se aprofundem mais, apenas um lado da moeda foi exposto, e acreditem, existe dois lados.

    • Sofia Pompei:

      Helton,até a Bíblia tem dois lados,como em Timóteo 2 que fala da mulher submissa.

  • Antonio de La Maria:

    Ótimo artigo! Esclarecedor, acerca de pontos importantes deste movimento sério. Não sou adepto, mas os que conheço, são exemplos de harmonia, bondade, tolerancia, equilíbrio e bom senso

    • Aldejane:

      Eu tmbm adorei o artigo Antonio! esclareceu mta coisa! só q teve gnt q comentou lá em cima q nao entendeu que a materia é “6 mitos DERRUBADOS sobre as bruxas atuais”. gente eles nao sacrificam animais como diz aí … “As únicas oferendas em seus rituais são pães, vinho, frutas ou flores”
      as pessoas dizem q nao sao preconceituosas e vivem criticando o modo de ver e viver dos outros! tmbm nao su adepta da religiao! e tao pouco concordaria com sacrificio de animais … mas mto bom o artigo sim!!!

Deixe seu comentário!