9 maneiras de sobreviver a uma emergência (esqueça a baboseira que você aprendeu)

Você sabe o que fazer se estiver socorrendo alguém que foi picado por uma cobra ou que sofreu um acidente de carro? Confira se suas ideias estão atualizadas em relação às últimas orientações de especialistas na lista abaixo:

9. Se cair na água gelada com colete, mexa-se bastante para gerar calor no corpo


Errado.
Caso você acabe na terrível situação de cair de um barco ou sofrer um acidente náutico e ficar esperando resgate na água gelada, o melhor é cruzar as penas e braços e aguardar. Isso se você estiver de colete salva-vidas, claro. Essa posição segura um pouco do calor do corpo, e pode te proteger da hipotermia por um certo tempo. Não tente nadar.

8. Se estiver perdido na floresta no inverno, encha as roupas com folhas mortas


Correto.
Se você estiver perdido em uma floresta sem a roupa adequada e a temperatura estiver caindo, você pode encher suas roupas com folhas secas para criar um isolamento térmico e segurar o calor perto de você. Se algo semelhante acontecer com você em um ambiente urbano, é possível fazer a mesma coisa com jornais ou papelão secos. Você não vai parecer um modelo da New York Fashion Week e é possível que insetos fiquem fazendo cócegas nas suas costelas, mas pelo menos você não vai morrer de frio tão rápido.

7.Se alguém está com hipotermia, coloque a pessoa em um banho quente


Errado.
Aquecer alguém com hipotermia rapidamente faz com que o sangue corra muito rápido nas pequenas veias recém-expandidas. Isso leva o sangue quente para as extremidades ao invés de concentrá-lo nos órgãos vitais, como cérebro e órgãos abdominais.

O que fazer: mantenha a pessoa seca e a enrole em cobertores ou toalhas. Bebidas quentes e alimentos hipercalóricos também ajudam, se a pessoa estiver em condições de engolir. Chame ajuda médica imediatamente.

6. Nunca tente sugar o veneno de cobra de uma picada


Correto.
Todo mundo já viu essa cena em filmes: a mocinha é picada por uma cobra e seu salvador suga o veneno de sua pele, salvando-a. Isso é uma péssima ideia. Uma vez que o veneno está no corpo, ele se espalha rapidamente, não fica concentrado no local da picada. Tentar sugá-lo não faz diferença e ainda vai machucar a pele.

O que fazer: primeiro, mantenha a vítima calma e não deixe que ela fique se movimentando muito. Batimentos cardíacos acelerados ajudam o veneno a circular mais rápido pelo corpo. Remova anéis ou outros acessórios que podem ficar presos por causa do inchaço. A Mayo Clinic orienta que o ferimento seja limpo mas sem usar água abundante. Cubra-o com um curativo limpo. O membro que recebeu a picada deve ser imobilizado e mantido no nível do coração ou abaixo dele. Chame ajuda médica imediata.

O que não fazer: não faça um torniquete ou aplique gelo. Não corte o local da picada. Não tente capturar a cobra. Tente memorizar sua aparência para descrevê-la para a equipe médica.

5. Você pode beber orvalho se estiver perdido na selva


Correto.
Se você estiver perdido em uma selva, você pode beber orvalho. Basta passar um tecido absorvente como uma toalha ou camiseta nas folhas das plantas ou capim logo no começo da manhã. Depois é só torcer o tecido em um recipiente. Se possível, ferva esta água antes de beber. Lembre-se de não beber o orvalho de plantas venenosas.

Outra solução para o problema da falta de água é colocar um saco plástico ao redor das folhas de uma planta não-venenosa. Em algumas horas, a transpiração das folhas vai condensar no plástico e escorrer para o fundo.

4. Use o encosto de cabeça do carro para quebrar a janela


Correto.
Se o seu carro estiver afundando na água, você tem poucos segundos para sair dali. Se a janela estiver emperrada, você pode usar a parte metálica do encosto de cabeça do assento para quebrar o vidro. O problema aqui é que nem todos os modelos de encostos são fáceis de remover. Alguns não se soltam facilmente, usando apenas as mãos. Por isso, verifique o tipo de encosto que existe no seu carro.

Os homens do vídeo abaixo mostram como quebrar o vidro apenas batendo a parte metálica na janela:

Mas há um jeito mais fácil para quem tem pouca força, como a menina do vídeo abaixo demonstra no vídeo (usando a parte metálica como alavanca no canto do vidro):

De qualquer maneira, o mais garantido é ter um martelo no carro. Existem alguns modelos projetados especificamente para isso, com uma parte cortante para o cinto de segurança, como este que é demonstrado no vídeo abaixo:

3. Se o freio do seu carro não funcionar, puxe o freio de mão


Errado.
Puxar o freio de mão em alta velocidade pode causar um terrível acidente. Por isso, é necessário diminuir a velocidade de outras formas antes de tentar usá-lo. O indicado é pisar rápida e repetidamente no pedal do freio. Isso pode causar pressão hidráulica suficiente para diminuir a velocidade. Se isso não funcionar, você deve ir diminuindo a marcha até a primeira. Apenas então o freio de mão deve ser puxado.

Veja o que acontece se o freio for puxado em alta velocidade no vídeo abaixo. Ele foi gravado em 2016 no México, e mostra um motorista apostando corrida com várias motos em uma estrada. O passageiro do carro se assustou com a alta velocidade e puxou o freio de mão. Por incrível que pareça, os dois sobreviveram ao acidente.

2. Em um acidente, grite: “alguém chame o SAMU!”


Errado.
Se você estiver socorrendo vítimas de um acidente qualquer e for um dos primeiros a chegar, nunca diga “alguém chame o SAMU”, porque é provável ninguém faça isso, pensando que outra pessoa vai fazer.

O que fazer: aponte para uma pessoa específica e diga para ela ligar para o número de emergência. “Você de vermelho, ligue para o 192!”. Aqui vai um lembrete dos números de emergência do Brasil:
100 – Secretaria dos Direitos Humanos
180 – Delegacia da Mulher
181 – Disque-Denúncia
190 – Polícia Militar
191 – Polícia Rodoviária Federal
192 – SAMU
193 – Corpo de Bombeiros
194 – Polícia Federal
197 – Polícia Civil
198 – Polícia Rodoviária Estadual
199 – Defesa Civil

1. Se alguém estiver envenenado, não o faça vomitar


Correto.
Forçar a pessoa a vomitar nem sempre é vantajoso. O melhor é ligar para o SAMU (192) nos casos de emergência ou para o Centro de Controle de Envenenamento, se a pessoa estiver estável.

O número nacional do Disque-Intoxicação da Anvisa é 0800-722-6001. O usuário que liga de qualquer local do Brasil é direcionado para um dos 36 Centros de Controle de Envenenamento nos diferentes estados. (Confira a lista completa aqui).

Como saber se a pessoa está envenenada? Preste atenção a estes sintomas:

  • Queimaduras ou região avermelhada ao redor da boca;
  • Hálito que tem cheiro de produtos químicos, como gasolina ou thinner;
  • A pessoa está vomitando;
  • Dificuldade em respirar;
  • Sonolência;
  • Confusão ou estado mental alterado.

Quanto ligar para o SAMU:

  • A pessoa está sonolenta ou inconsciente;
  • Está com dificuldade em respirar ou parou de respirar;
  • Está agitada;
  • Está tendo convulsões;
  • Já tomou grandes quantidades de um remédio ou outras substâncias de propósito.

Quando ligar para o Centro de Controle de Envenenamento:

  • A pessoa está estável e sem sintomas;
  • A pessoa está prestes a ser transportada para um local de atendimento de emergência.

Nos dois casos, se possível, tenha as informações sobre o paciente reunidas:
sintomas, idade, peso, medicação que ela toma ou qualquer informação sobre o veneno. Veja se há alguma embalagem de produto ou de remédio perto da pessoa. [Cracked, Mayo Clinic, Anvisa]

 

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (16 votos, média: 5,00 de 5)
Curta no Facebook:

Deixe uma resposta