Mais antigas do mundo: essaatuagem podem ter mais de 5 mil anoss ferramentas de t

Por , em 26.05.2021
Dois ossos da perna de perus previamente descobertos com pontas afiadas (topo) são as ferramentas de tatuagem mais antigas conhecidas. Outros dois ossos de peru do mesmo local (abaixo) também podem ter sido usados para tatuagem, mas faltam as pontas para análise. Crédito: A. DETER-WOLF, T.M. PERES E S. KARACIC/JOURNAL OF ARCHAEOLOGICAL SCIENCE: REPORTS 2021

Ferramentas de tatuagem antigas são difíceis de encontrar ou sequer reconhecer como instrumentos para criar desenhos de pele. Mas novos estudos microscópicos de dois ossos de pernas de peru com pontas afiadas indicam que os nativos da América do Norte usaram esses itens para fazer tatuagens entre cerca de 5.520 e 3.620 anos atrás.

Esses ossos manchados de pigmento são as ferramentas de tatuagem mais antigas conhecidas do mundo, diz o arqueólogo Aaron Deter-Wolf, da Divisão de Arqueologia do Tennessee, em Nashville (EUA), e seus colegas. O achado sugere que as tradições de tatuagem nativas americanas no leste da América do Norte se estendem mais de um milênio antes do que se pensava anteriormente.

Ötzi, o Homem de Gelo, que viveu cerca de 5.250 anos na Europa, exibe as tatuagens mais antigas conhecidas, mas os pesquisadores não encontraram nenhuma das ferramentas usadas para fazer as tatuagens do Homem de Gelo.

Escavações em 1985 revelaram esses ossos de peru e outros elementos de um provável kit de tatuagem no túmulo de um homem no local de Fernvale, no Tennessee, relatam os pesquisadores no June Journal of Archaeological Science: Reports. Os danos nas pontas dos dois ossos de pernas de peru se assemelham ao desgaste característico observado anteriormente em ferramentas experimentais de tatuagem feitas a partir de ossos de cervos, diz a equipe do Deter-Wolf.

Nessa pesquisa, linhas tatuadas em pele de porco foram produzidas por uma série de punções com ferramentas que tinham pontas revestidas em tinta caseira. A tatuagem experimental deixou remanescentes de tinta de vários milímetros nas pontas das ferramentas, um padrão também visto com resíduos de pigmento vermelho e preto nas ferramentas Fernvale.

Dois ossos de asa de peru encontrados na mesma sepultura de Fernvale exibem desgaste microscópico e resíduos de pigmento que provavelmente resultaram da aplicação de pigmento durante a tatuagem, dizem os cientistas. Conchas manchadas de pigmento na sepultura podem ter mantido soluções nas quais tatuadores mergulharam essas ferramentas.

Último vídeo do nosso canal: A Terra não orbita exatamente o sol mas um ponto virtual no espao

Deixe seu comentário!