Depois de um ano colando 42 mil fósforos, este homem toca fogo na esfera e cria uma fantástica cena

Por , em 15.02.2018

Você já deve ter tido muitas ideias bizarras e aleatórias no bar ou no chuveiro. A maioria de nós não tenta realizá-las, mas o usuário do Reddit wallacemk é diferente.

Wallace, que vive no estado americano de Nova York, estava brincando com fósforos um dia quando um pensamento “fascinante” lhe cruzou a mente: “Eu pensei como as cabeças dos fósforos são ligeiramente maiores do que os corpos. Me perguntei o que aconteceria se eu começasse a colá-los e nunca parasse. Eu imaginei que uma esfera se formaria, então eu decidi descobrir”.

O projeto

Depois de quase um ano e um gasto de aproximadamente US$ 500, Wallace finalmente teve o prazer de atear fogo em sua esfera gigante de 42 mil fósforos.

“Ao iniciar o projeto, eu estava muito interessado em tentar descobrir aproximadamente quantos fósforos eu precisaria”, escreveu no portal The Bored Panda.

Wallace usou o software de modelagem Rhino para ter uma noção do que essa esfera se tornaria em última instância. De acordo com o programa, se todos os fósforos fossem exatamente iguais (o que não são), o rapaz iria precisar de 62.654 deles para fazer uma esfera perfeita.

Wallace criou um modelo, mas seu computador não conseguiu renderizá-lo. Esse é um quarto da esfera representado em realidade virtual:

Colocando em prática

Segundo Wallace, seu estado mental e emocional variou com o tempo enquanto criava a esfera. A foto abaixo, por exemplo, foi tirada em um momento de entusiasmo e otimismo. “Minha teoria estava funcionando e a curvatura da esfera estava começando a tomar forma”, comentou.

Já a imagem abaixo marca um ponto de inflexão na trajetória de Wallace. Ele passou a ter uma forte compreensão de quanto tempo, energia e fósforos iriam levar para chegar na maldita esfera: “O formato estava indo bem, mas demorava muito tempo para fazer uma única camada de fósforos”.

Wallace começou a alinhá-los para poder colá-los mais rápido.

“A alegria de me aproximar do meio do caminho foi apagada pelo fato de eu estar usando caixas com 300 fósforos e uma caixa nem me dava uma única camada a mais. O meio foi um momento deprimente”, escreveu para o The Bored Panda.

“Mas eu continuei! Eu tive que abandonar a ideia de perfeição quando eu vi que não consegui manter um crescimento perfeito colando os fósforos apenas no olho. Eu acho que poderia ter moldado a curvatura, mas já estava tão adiantado no projeto que só queria terminá-lo”, explicou.

Wallace realizou todo o trabalho em uma oficina de metal, de forma que foi um desafio manter as faíscas longe da esfera em formação. “Grandes agradecimentos vão aos meus chefes e colegas de trabalho que me aguentaram fazendo isso em seu espaço”, disse.

Dez meses depois, Wallace terminou o projeto com exatamente 140 caixas de fósforos. Se elas de fato vinham com exatamente 300 fósforos cada, isso equivale a 42 mil utilizados. Isso é significativamente diferente da estimativa inicial de 62.654, mas muitos fatores podem ter contribuído pata isso, como o fato de que o resultado final não foi uma esfera perfeita.

A esfera pronta começou com vários tons de verde diferentes e terminou completamente preta. “A energia era palpável. Valeu a pena”, observou Wallace. Confira o momento glorioso em que o rapaz taca fogo na esfera: [TheBoredPanda]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (53 votos, média: 4,60 de 5)

Deixe seu comentário!