Biodiversidade: conheça novas espécies descobertas em 2010

Por , em 25.05.2011

Conheça agora as novas espécies descobertas em 2010, entre elas uma sanguessuga com dentes gigantes, um fungo bioluminescente, um cogumelo com guelras para respirar embaixo da água e uma aranha que tece uma teia 10 vezes mais forte que a fibra sintética Kevlar.

Sanguessuga

No topo da lista está o “sanguessuga tirano rei”, Tyrannobdella rex, que mede cerca de cinco centímetros, mas com apenas uma mandíbula e dentes enormes. Esse bicho foi encontrado na mucosa nasal de uma pessoa no Peru.

Cogumelo aquático

O cogumelo Psathyrella aquatica é a única espécie conhecida que cresce na água.

Peixe

O peixe morcego “panqueca”, da Louisiana, EUA, vive em uma área coberta pela mancha de óleo derramada no Golfo do México. O pálido Halieutichthys intermedius se movimenta pelas profundezas desajeitadamente com suas barbatanas que lembram braços.

Bactéria

A bactéria Halomonas titanicae foi encontrada no Titanic. Ela se prende em superfícies de ferro e cria saliências de materiais corrosivos.

Cogumelo bioluminescente

Biólogos da Universidade Estadual de São Francisco, EUA, descobriram um cogumelo de 8 mm, ao qual deram o nome de Mycena luxaeterna (luz eterna), porque ele é bioluminescente.

Aranha

Uma aranha de Madagascar tece teias grandes o suficiente para atravessar rios e lagos, podendo chegar até dois metros, de acordo com pesquisadores da Universidade Estadual do Arizona. O material da teia é 10 vezes mais forte que Kevlar, usado para fazer coletes à prova de balas.

Essas espécies bizarras são apenas a ponta do iceberg, segundo cientistas. Pesquisadores acreditam que todas as espécies descobertas desde 1758 representam menos de 20% da vida na Terra, diz o entomologista Quentin Wheeler, da Universidade Estadual do Arizona. “Uma estimativa é que ainda restam 10 milhões de espécies a serem descritas, nomeadas e classificadas antes que possamos entender a complexidade e diversidade da nossa biosfera”, disse Wheeler.[POPSCI]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

18 comentários

  • Cristina Werneck Canto:

    Gostaria de receber novos artigos por e-mail.

  • Marcelo:

    Sera que com esses cogumelos da pra ficar doidão?

  • Alice:

    Nossa!Cogumelos aquáticos!Nunca tinha visto!

  • Demonarca:

    fica a duvida nesse sitezinho metido a hype , porque em tudo vcs jornalistas colocam a palavra BIZARRO ???????

  • Bruna Mattos:

    Muito interessante, é emocionante o quanto diversa e rica é a imensidão terrestre.#A teia da aranha pode chegar até dois metros, não ela própria. Okay?

  • jessica:

    ai que medo dessa aranha de dois metros aah tenho medo até de 1 cm aaaaaaaaaaaaaaaaa que qui sera de min muito medo imagina encontrar uma dessas deus que me salve

    • tico:

      diz que a maior aranha do mundo não tem mais que 40cm.

    • Hen:

      é a teia com 2 metro kra…

  • ezio:

    kkkkkkkk peixe pastel

  • Lucas Miranda:

    (…)“sanguessuga tirano rei”(…)que mede cerca de cinco centímetros(…)Esse bicho foi encontrado na mucosa nasal de uma pessoa no Peru.”

    como um animal de 5cm pode ser descoberto dentro do nariz de uma pessoa? mundo loco!

    • pânico:

      na nareba do luciano huck, ela conseguiria sobreviver imperceptivel

  • Marte:

    “Uma estimativa é que ainda restam 10 milhões de espécies a serem descritas, nomeadas e classificadas antes que possamos entender a complexidade e diversidade da nossa biosfera”

    Esses caras estão com sorte: 99,9% dos seres que já passaram pela Terra estão extintos.

    • tico:

      Eu diria ainda mais, apenas se desenvolveram uns 10% de seres à superficie da terra, outros 90% ainda surgirão até que seja impossível haver vida na terra.

  • ShadowsAV:

    Cogumelos estão dominando o mundo! Além de se destacarem no escuro ainda nadam O.O”.

  • anderea:

    2010?

  • FelipeBleichvel:

    do jeito que a coisa anda as especies vao ser extintas antes de serem descobertas

    • Lucas:

      kkkkkkkkkkk, verdade

    • Vivian Kovak:

      kkkkkkkkkkk, verdade (2)

Deixe seu comentário!