Brasil começa a produzir soja resistente à ferrugem asiática

Por , em 31.05.2009

O Brasil vai começar a plantação de uma variedade de grão de soja com um gene que faz isso resistente a devastadores fungos de ferrugem asiáticos, que é o início do desenvolvimento da tolerância para fungicidas convencionais. Cultivadores locais poderiam reduzir os custos da produção se a nova variedade, que está sendo produzida pela Fundação MT no estado brasileiro líder no cultivo dos grãos, Mato Grosso, se mostrar efeitiva.

O estado e toda a região centro-oeste, que inclui a maior parte da soja no Brasil, tem condições climáticas que são ideais para a ferrugem asiática. Dario Hiromoto, diretor da Fundação MTV, disse notar que nos últimos anos, visto o sucessivo uso de fungicidas na soja, alguns importantes componentes químicos estão perdendo a eficiência. Em algumas áreas no Mato Grosso, produtores têm que aplicar o spray de fungicidas de quatro a cinco vezes por estação. Se não tratar, a ferrugem pode acabar com 80% dos campos de soja em semanas.

Produres perderam mais de dez milhões de dolares nos últimos oito anos desde que a ferrugem chegou no país, tanto perdendo a produção, quanto aumentanto seus custos. A variedade convencional de soja comercial, que pesquisadores integraram com um gene de uma variação do grão de um banco de sementes internacional que mostra resistência ao fungo, está sendo estudado há três anos no Brasil. A essa nova variedade resistente a ferrugem, foi dado o nome de Inox.

A fundação vai começar a primeira aplicação comercial em setembro e outubro, quando a nova estação de plantio começar no centro-oeste brasileiro. No plantio de 2010/11 os produtores esperam expandir a áreaa plantada com Inox para seis milhões de hectares.

O Brasil é o segundo maior produtor de soja do mundo, seguindo os EUA. A China é a maior compradora dos grãos brasileiros. A nova variedade não libertar os produtores de aplicações de fungicidas, mas vai evitar que tenham que aplicar repetidas vezes. [Reuters]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

Deixe seu comentário!