Buraco misterioso e gigante aparece do nada na Sibéria

Por , em 17.07.2014

Um buraco misterioso e gigante apareceu do nada na Sibéria, na Rússia. Ainda não temos muitos detalhes sobre o que é, como aconteceu e por quê, mas o vídeo capturado de um helicóptero mostra uma configuração estranha com escombros e sinais de combustão em torno dele.

Foi uma explosão, um impacto, ou alguma perfuração violenta? MAS QUE DIABOS É ISSO?

Veja se não é de deixar qualquer um impressionado:

O buraco misterioso da Sibéria

O buraco tem aproximadamente 80 metros de diâmetro e certamente não se parece nada com um sumidouro, embora seja pssível ver uma grande caverna ali.

O vídeo acima foi filmado de um helicóptero que sobrevoou a península de Yamal, a localização de grandes campos de gás descobertos em 1972, que atualmente está sendo explorada pela gigante empresa de energia russa Gazprom.

Claro, a internet está enlouquecida com rumores de que isso é realmente coisa de outro mundo. Normal, né? É o jeito mais fácil, para não dizer previsível, de explicar coisas que não entendemos logo de cara.

Mas a explicação mais palpável até agora sugere que a realidade é bem menos emocionante e não conta com discos voadores nem alienígenas.

De acordo com o jornal Siberian Times, Anna Kurchatova, do centro de pesquisa científica Sub-Arctic Scientific Research Centre, acha que a cratera foi formada por uma mistura de água, sal e gás que provocou uma explosão subterrânea – o que é uma das consequências do agravamento do aquecimento global. Ela afirma que o gás acumulado no gelo pode ter se misturado com a areia localizada abaixo da superfície, que por sua vez também está misturada com sal – já que cerca de 10.000 anos atrás essa área era um grande mar.

Essa é uma hipótese bem mais plausível do que as teorias alternativas, que envolvem coisas como meteoros, vermes gigantes do inferno saindo de sua toca, discos voadores perfuradores e por aí vai.

Ainda segundo o jornal russo, há uma expedição a caminho do local que pretende recolher amostras de solo, ar e água do tal buraco misterioso.

Outra possibilidade

Para o cientista polar Dr. Chris Fogwill, é provável que este seja um fenômeno geológico formado por um bloco de gelo que cresceu em uma pequena colina no solo ártico congelado. Essa terra congelada poderia ter centenas de metros de espessura, permitindo a grandes formações de gelo.

Esta é obviamente uma versão muito extrema, e se houve qualquer interação com gás na área, essa é uma questão que só pode ser respondida indo até lá mesmo. De qualquer forma, o agravamento do aquecimento global é o maior suspeito. Todos, até o momento, concordam que o buraco se relaciona com esse alto grau de aquecimento em torno destas áreas árticas altas que estão experimentando algumas das maiores taxas de aquecimento do planeta. [GIZMODO]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 5,00 de 5)

7 comentários

  • Andreia Oliver Bell:

    Tem vários aparecendo por ai, e aconteceu até em uma casa, há um vídeo no YOU TUBE que mostra isso, e contaram como, mais um desses aparecimentos estranhos de buracos na terra. Já pensou??? A pessoa em sua casa e de repente abrir um desses buracos debaixo de sua casa?

  • Jhonata Ferreira:

    Na Florida – EUA isso é bem comum. Mas só não entendi foi a terra na borda do buraco.

  • Rodrigo Said:

    YUYU HAKUSHO < Perdeu o comande , no jogos das trevas e o desejo foi realisado …. triste história

  • Marco Proença:

    Sem exageros..Eu acredito que tenha sido algo te tecnologia desconhecida, para extração do solo para analise ou algo do genero, assim como recentemente tivemos aquele evento no SOL onde um objeto estava proximo ao SOL sugando algo, assim pode ter acontecido aqui, em menor escala. Quem garante que não?

    • Cesar Grossmann:

      Marco, eu vi o vídeo, e te garanto, não tinha nenhum objeto sugando energia do Sol. Esta história de objeto gigantesco sugando energia do Sol é exagero de ufólatras.

  • Patrick Gonçalves da Trindade:

    Se você for no GMaps e olhar a região, vai perceber que esse tipo de formação lá é bem comum. O lugar parece um queijo!

  • Manoel Messias:

    Eu fico com a teoria dos vermes gigantes do inferno…disco voador e coisa de maluco 😉

Deixe seu comentário!