Café reduz risco de derrame

Por , em 25.02.2009

De acordo com uma nova pesquisa, beber de duas a três xícaras de café por dia, pode reduzir a chance de derrames em até 20%.

Um estudo envolvendo mais de 80mil mulheres, durante um período de 20 anos, mostrou que, aquelas que consumiam mais xícaras de café por dia, apresentavam menos problemas envolvendo derrames.

Os resultados foram surpreendentes, já que estudos anteriores haviam mostrado que a bebida, talvez, aumentasse as chances de um ataque. E, mesmo a pesquisa ter sido feita apenas com mulheres, os resultados provavelmente se aplicam, também, aos homens.

Especialistas ainda não têm certeza das causas do efeito do café. Há suspeitas que seja porque a bebida tem uma grande quantidade de antioxidantes.

Os autores da pesquisa ressaltam que os efeitos são pronunciados apenas nas pacientes que são saudáveis. O café não irá reverter as condições de ninguém que já tenha problemas no coração ou pressão alta.

Estudos anteriores mostram que o café ajuda a prevenir, também, perda de memória, alguns tipos de câncer e doenças do fígado. No entanto, já foi ligado à doenças cardíacas e a problemas na geração de bebês, quando ingerido por mulheres grávidas.

Pesquisadores também apontam que não é a cafeína a causadora do benefício. Outras bebidas que contém a substância não apresentaram o mesmo resultado do café. [Telegraph]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

2 comentários

  • Antonio Cassiano:

    Uma pesquisa diz que três xícaras de café por dia podem levar a alucinações, outra diz que três xícaras por dia, da referida substância, pode reduzir o risco de derrame…! Por precaução vou continuar tomando apenas duas xícaras do pretinho por dia e, continuar aguardando as próximas pesquisas. Rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrs…!

  • ThiagoSperandio:

    É… haja polêmica em cima do café e seus possíveis benefícios e malefícios… nunca ouvi falar tão bem e tão mal sobre os MESMOS pontos (coração, memória, derrames, entre alguns outros) do que esta bebida.

Deixe seu comentário!