Holandesa cria “pele à prova de balas”

Por , em 18.08.2011

Pegue uma teia de aranha, adicione algumas células da pele humana, e, não, você não está criando um uniforme do Homem Aranha e, sim, “um pedaço de pele à prova de balas”, que pode realmente repeli-las, contanto que não estejam viajando muito rápido.

A “pele à prova de balas” mostrou sua superioridade sobre a pele humana normal ao parar uma bala disparada a uma velocidade reduzida. Porém, não é a melhor de a sobreviver a um tiro na velocidade normal de uma espingarda calibre .22.

Tais resultados não desanimaram Jalila Essaidi, a artista holandesa que criou a veste. Seu objetivo era um projeto de arte que demonstrasse o conceito relativo de segurança.

“Mesmo que a pele ‘à prova de balas’ tenha sido perfurada pela bala mais rápida, a experiência ainda é, na minha opinião, um sucesso. O projeto é baseado em arte e conduz a um debate sobre a questão: que formas de segurança são socialmente importantes?”, argumenta Essaidi.

A seda especial de aranha veio de cabras e larvas geneticamente modificadas. Pesquisadores americanos passaram anos colhendo a proteína da seda de aranha a partir do leite da cabra para tentar fazer novos tipos de fibras superfortes. Essaidi combinou a seda de aranha com células da pele humana.

Tal pele ainda tem um longo caminho até chegar a uma verdadeira proteção prática para os seres humanos, mas dá um vislumbre do que futuros soldados ou aspirantes a super-heróis poderiam esperar.

Afinal, os militares americanos e outras forças armadas têm procurado continuamente novas maneiras de proteger seus guerreiros no campo de batalha, como têm mostrado interesse em descobrir quais genes fazem um bom combatente.

Por enquanto, você pode conferir a “pele à prova de balas” em Leiden, Holanda, em exibição no Museu de História Natural, ou Naturalis, até 8 de janeiro de 2012.[LiveScience]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 4,50 de 5)

17 comentários

  • Gabriel Costa:

    Aqui no Brasil eu acho que essa idéia tem que passar longe, pois: Um país onde só os politicos e os bandidos têm dinheiro. Um país onde vc têm que se defender sozinho, pois não têm policia e leis. Um país onde a única forma mais eficaz de defeza contra um bandido, ou drogado, é a arma, o que não é permitido.
    Então o que eu vejo é: Uma forma de segurança para os politicos, e mais um escudo na mão dos traficantes!
    E como sempre, nós que trabalhamos e não matamos ou roubamos os outros, vamos ter que continuar vivendo com insegurança e na mão dos bandidos e políticos!
    Resumindo: isso é o Brasil!

  • adelimar:

    aqui neste pais a liberdade de votaçao,a uma democracia temos o poder ate de tirar o presidente da republica de la ,pelo inpechimam, nao temos ditador , nem reinados ,se voçes sao a favor de que o cidadao possa possuir arma faça caminhadas,protestem , agora dizer nao ao seu pais e errado demais ,oque temos de fazer com tanta insegurança ? saber votarmos,tirarmos de circulaçao estes politicos que so prometem ,e nao cunprem ,deixando assim a populaçao aterrorizada ,com a tomada de nosso bairro por criminosos e noiados. a minha opiniao e ,nao temos policia suficiente ,nao temos hospitais suficientes pra tanto nego que sera baleado,nao temos cemiterio suficiente,o pais e um pais fraco economicamente para tanta demanda de preparatorios ,para termos uma sociedade armada ,ai voçe diz; a mais la ,no eua pode ,mais la eles sao ricos ok.

  • adelimar:

    elton paes dexa de revolta ,cada caso e um caso,se o meu pais entrar em guerra irei lutar bravamente tiro a tiro ,homem a homem ,para que? para defender as crianças ,as nossas mulheres os idosos,e os incapazes, nao aceitarei outra pais vim ditar as ordens ,e oque acontecera ,se eu tenho que me curvar prefiro ser diante de minha bandera ,a gloriosa bandera verde amarela ,viva o brasil guerreiros.

  • EltonPaes:

    Lembrando de armas, lembrei do exército, lembrei do governo, onde eles querem que nós cidadãos de bem nos desarme, deixando os bandidos fazer o que quiser, pois sabe que ninguém anda armado, aí me vem a cabeça, como o governo quer que nos desarmamos e depois de vc dar baixa no exército, no certificado de dispensa de incorporação militar (Reservista) está escrito:

    Em caso de convocação deve apresentar-se imediatamente.

    Ora, mas como posso pegar em armas para defender um País que me nega o Direito de possuir uma arma para defender a minha Família e o meu Patrimônio?

    Se o governo não confia no Cidadão, quando este deseja uma arma para se proteger, o mesmo “raciocínio” deveria ser aplicado caso o país sofra algum perigo.

    Ou seja: Em caso de convocação ignorar imediatamente…

    Sei que não tem nada a ver com o tópico, mas fica ai a ideia…

    • Deep:

      Houve um plebiscito e a maioria votou “não”.
      Ou seja, a comercialização de armas ficou como era, legal e possível!
      Se o bandido pede a vc que entregue sua arma, não é apenas porque pediu que vc deveria entregar!
      O mesmo é válido para o governo!
      Mas é interessante notar que os reservistas têm um compromisso com seus país, algo muito, mas muito diferente dos governos, transitórios.

    • EltonPaes:

      Vc não vê que a cada dois ou três anos tem de novo um plebiscito para aprovar essa merda?
      eles querem nos vencer á força, vc não quer ver o que esta diante dos seus olhos!

    • Emilio:

      CONVOCAÇÃO?
      Eu não entrei para o tiro de guerra por excesso de contingente, então, tive que jurar a bandeira pra poder tirar a reservista, senão, NINGUÉM iria me dar emprego.
      Resumindo: somos obrigados a jurar todo aquele blablablá senão, a vida inteira está perdida

      e ainda por cima, nos comprometemos a matar gente que nunca nos fez mal pela “pátria”?

      Sinto muito, qualquer convocação será sumariamente ignorada.

    • Nik:

      O primeiro pensamento que me vem a cabeça quando ouço a palavra “desarmamento” é que isso evitaria acidentes, PRINCIPALMENTE se você tem uma FAMÍLIA em casa que ama muito e não desejaria jamais (lógico) que fossem vítimas de uma arma. Tente pensar nisso.

    • Chicxulub:

      Não é por aí, se for assim então vamos proibir também a comercialização de carros e motos, pois creio que nada causa mais acidentes, mortes e mutilações do que essa popular dupla.

  • Broke:

    Não precisa proteger de balas para ter utilidade.

  • vicente:

    hehehe lembrei do halo

  • burro:

    Pra ser boa,essa pele tem que parar uma bala de AR15…

    • zeus:

      Aí vai uma dica burro,pra ser boa essa pele deve deter a bala disparada do seguinte fuzil:AS50 SNIPER SEMI-AUTOMÁTCO…

  • ON:

    Realmente desnecessário isso , até parece que o infrator do disparo não ira usar os mesmo recursos de proteção da vitima!!
    Pensa bem se eu fosse roubar eu iria colocar essa pele blindada
    para eu causar o crime pois é questão de segurança mesmo eu sendo o infrator!!!
    Apenas aprimoramos as armas do inimigo!!! fato

    • Andy:

      Não acho desnecessário. Pense nisso como uma evolução artificial, uma espécie de proteção extra para nos proteger de imprevistos como uma bala perdida ou outros acidentes fatais.

  • Manoel:

    Seria melhor se não houvesse nenhum disparo, mas num mundo extremamente violento, é um primeiro passo para proteger as pessoas, principalmente crianças,idosos e os que trabalham e lutam para defender um mundo melhor.

    • Nivek:

      Claro. Mas com avanço da defesa como fica o ataque? Provavelmente eles vão fazer armas superiores que passem da defesa!

Deixe seu comentário!