Dicas para emagrecer: 10 ideias simples para você!

Por , em 9.09.2013

 

dicas para emagrecer

Dawn Jackson Blatner, nutricionista e dieticista do Chicago Cubs, está tentando mudar o sentido da expressão “Se dar um agrado”. Quando as pessoas pensam que podem se recompensar por algo, a maioria recorre a “prêmios” na forma de sorvete na frente da TV, por exemplo.

Blatner define “se dar um agrado” como se dar mais energia, ajudar a perder peso e manter a saúde. Em outras palavras, você merece se sentir bem e parecer bem e, para isto, 5 a 10 minutos de planejamento no cardápio da semana ou meia hora de academia é um ato de amor a si mesmo.

Veja aqui as dicas para emagrecer que ela tem para você:

1. Mesa, prato, cadeira

Sempre que estiver comendo, certifique-se de ter estes três itens ao seu redor: uma mesa, um prato e uma cadeira. Isto significa que você não vai estar comendo lanchinhos na porta da geladeira ou na poltrona.

Além do mais, quem está centrado no ato de comer em vez de distraído com a TV, consegue sentir melhor o sabor dos alimentos e geralmente come de forma mais saudável.

2. Exercite a força de vontade como se fosse um músculo

Segundo o psicólogo Sean Connolly, a força de vontade não é genética, é uma ferramenta que devemos aprender a usar, desenvolver e administrar. Da mesma forma que um músculo, ela pode ser esgotada.

Para estar preparado para os momentos em que sua força de vontade está mais em baixa, planeje, prepare-se para as situações como o fim do dia, e recupere todo dia a sua força de vontade com uma boa noite de sono.

3. Seja realista

Expectativas irreais são um obstáculo para a perda de peso — você não consegue emagrecer o que queria, ou então para de emagrecer, e acaba desanimando e desistindo da dieta. O jeito é não cultivar a ilusão de voltar a ter o peso que tinha na faculdade (para quem engordou de lá para cá).

Uma expectativa mais realista é perder uma média de 8,4%, já que essa é a média de perda de peso das pessoas que têm sucesso no emagrecimento.

4. Encontre amigos melhores

Fumantes têm amigos fumantes, beberrões têm amigos beberrões, e pessoas com sobrepeso costumam se relacionar com pessoas com sobrepeso. Se você quer perder peso, não vai mais poder sair com a turma do garfo.

Cultive hábitos saudáveis, e procure amigos que tenham hábitos saudáveis. Isto vai te ajudar — o efeito da socialização é um fato científico.

5. Faça uma checagem do carrinho de supermercado

O carrinho de supermercado deve se parecer com o prato saudável: 25% de proteína, 25% de grãos integrais e 50% de frutas e verduras. Segundo Blatner, devemos planejar dois cafés da manhã saudáveis, dois almoços saudáveis, dois lanches saudáveis e duas jantas saudáveis por semana. Depois é comprar os ingredientes e fazer a rotação do cardápio durante a semana.

Assim você tem escolhas suficientes para não ficar entediado, mas não tem escolhas demais que o deixariam sobrecarregado.

6. Não coma em resposta a adversidades ou excepcionalidades

Muita gente sai da dieta por causa de uma festa, de um cinema, ou porque o filho tirou notas altas e é o primeiro da turma. Se você quer perder peso, evite comer em resposta a “ocasiões”.

Planeje o que você vai comer nestas ocasiões especiais, ou não tão especiais, assim você não fica dependente da força de vontade. E só coma se tiver fome.

7. Diga a si mesmo “eu tenho o direito de ser magro”

A autossabotagem é um problema real: muita gente diz que quer alguma coisa e então trata de garantir que esta coisa não vai acontecer. Não é falta de desejo ou motivação – é um bloqueio da mente.

Nunca vamos obter o que necessitamos a partir de outras pessoas. Diga a si mesmo que você merece ter saúde, merece se sentir e parecer bem. E então acredite nisso.

8. Tenha objetivos s.m.a.r.t.

Este é um acrônimo: S.M.A.R.T. (que significa “inteligente”, em inglês) representa objetivos específicos (“specific“), mensuráveis (“measurable“), atingíveis (“attainable“), realista (“realistic“) e em tempo adequado (“timely“). Se seus objetivos tiverem estas qualidades, é mais provável que você consiga atingi-los.

Por exemplo, “vou me tornar mais ativo” é um objetivo, enquanto “vou caminhar 30 minutos todos os dias no próximo mês” é um objetivo S.M.A.R.T. Ele é específico, por que diz quanta atividade você vai fazer, é mensurável — você sabe se caminhou 30 minutos hoje ou não, é atingível e realista, já que todo mundo pode separar 30 minutos do seu dia, e para caminhar não precisa de equipamento especial ou treino. Também é adequado porque você vai poder avaliar no fim do mês se atingiu ou não esse objetivo.

9. Levante-se

A maioria de nós fica oito horas por dia sentado no trabalho, e mais duas a três horas sentado em casa. É muito tempo sentado – mesmo duas horas de academia por dia não são suficientes para compensar.

A sugestão é manter-se consciente da falta de movimento, e tentar compensá-la levantando-se, por exemplo, enquanto atende o telefone, ou caminhando até a mesa de colegas para discutir assuntos de trabalho, em vez de mandar e-mails ou usar o bate-papo. Além disso, usar as escadas em vez de elevador, e estacionar o carro um pouco mais longe da onde deveria ir são metas simples.

10. Aprender a lidar com o estresse

Ninguém está livre do estresse – ele sempre vai aparecer no seu dia-a-dia, de uma forma ou de outra. Lidar com ele com doces e álcool não é uma boa ideia; é melhor aprender a lidar com esse sentimento de uma forma positiva.

Se o trabalho está estressante, talvez uma caminhada de 10 minutos em vez do pacote de bolacha na sala do cafezinho seja boa ideia. E depois de uma semana longa e estressante, uma aula de ioga. E quando tiver que atender uma ligação telefônica particularmente estressante, respire fundo várias vezes. E se dê como prêmio um dia sem estresse. [CNN]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

2 comentários

  • Plíscilla Vasconcellos:

    EU FIZ UMA DIETA DO CARBOIDRATO E PERDI 18K … MAS DEIXEI DE FAXER A DIETA E JA ENGORDEI 6K … QUERO VOLTAR A FAZER A DIETA MAS NAO ESTOU CONSEGUINDO …PRECISO DE AJUDA …

    • Dinho01:

      Não aconselhável fazer dieta eliminando apenas um tipo de alimento. O importante é fazer uma reeducação alimentar aliada a alguma atividade física.

Deixe seu comentário!