Distúrbios mentais geram reações controversas das pessoas em torno do doente

Por , em 12.04.2012

Segundo uma nova pesquisa, ser rotulado como tendo uma doença mental grave e visível, como esquizofrenia ou transtorno bipolar, tende a expor os doentes a reações um pouco contraditórias.

Essas doenças têm características fortes. Algumas formas de esquizofrenia e a fase maníaca do transtorno biopolar atraem a atenção dos outros porque envolvem excessos emocionais e comportamentais.

Em contraste, pessoas com transtornos mentais caracterizados por déficits, tais como depressão profunda, são vistas como socialmente não engajadas e incapazes de fornecer companheirismo ou intimidade.

A pesquisa descobriu que as pessoas que abertamente possuem esses distúrbios são mais vulneráveis ao estigma e a discriminação. Mas também, ser rotulado como doente mental pode evocar uma resposta forte de apoio de amigos íntimos e familiares.

O estudo analisou entrevistas com 165 indivíduos com transtorno bipolar, esquizofrenia, depressão e outras doenças menos graves. Todos estavam passando por tratamento de saúde mental pela primeira vez.

Os resultados indicaram que a depressão profunda e sintomas relacionados a ela não evocavam tanta resposta das pessoas em torno do doente. “Talvez porque muitas pessoas são diagnosticadas e posteriormente tratadas com sucesso, os sinais de depressão não alarmam amigos e familiares do mesmo jeito que outras doenças conhecidas por afetar gravemente o funcionamento [do indivíduo]”, disse Brea Penny, da Universidade de Kentucky, EUA.

A reclusão emocional e social associada com a depressão também pode deixar os doentes menos propensos a ter ou aceitar ajuda de amigos e familiares. No entanto, em comparação com os esquizofrênicos e bipolares, as pessoas com depressão e transtornos semelhantes também são menos vulneráveis ao estigma.

Ou seja, pessoas com esquizofrenia e transtorno bipolar recebem mais ajuda, invocam mais suporte, mas também são mais alvos de preconceito. [LiveScience]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

1 comentário

  • anonimo:

    Acredito que essas pessoas sofrem de qualquer maneira. Quando as pessoas ao redor não sabem do estado clínico mental, elas demonstram reações adversas pelo comportamento da pessoa. Quando sabem o nome clínico, só ajuda a reforçar.

    É muito difícil…

Deixe seu comentário!