Duas semanas antes de morrer, Stephen Hawking escreveu um artigo científico impressionante sobre universos paralelos

Por , em 19.03.2018

Stephen Hawking submeteu para revisão um artigo científico apenas duas semanas antes de morrer.

Escrito em coautoria com Thomas Hertog, professor de física na Universidade Católica de Leuven, na Bélgica, o artigo estabelece as bases teóricas para outros cientistas descobrirem universos paralelos.

Altamente teórico e matemático

Por enquanto, não sabemos muito sobre o artigo, a não ser que ele buscava prova matemática da teoria do “multiverso”, que postula a existência de muitos universos paralelos diferentes do nosso.

Chamado “A Smooth Exit from Eternal Inflation”, o documento deve ser publicado por alguma prestigiada revista científica, após a conclusão de uma revisão.

De acordo com o jornal The Sunday Times, o ArXiv.org, site da Universidade Cornell que rastreia artigos científicos antes de eles serem publicados, possui uma cópia do artigo. Seu conteúdo estabelece a matemática necessária para que uma sonda espacial colete evidências que possam provar a existência de outros universos.

O trabalho altamente teórico defende que a evidência de um multiverso deve ser mensurável através do rastreio da radiação de fundo até o início dos tempos. Tal radiação pode ser medida por uma sonda com os sensores certos a bordo, conforme argumentam os autores do artigo.

Rumo a descobertas

Thomas Hertog contou ao The Sunday Times que o artigo visava “transformar a ideia de um multiverso em uma estrutura científica testável”.

O físico também afirmou ter se encontrado pessoalmente com Hawking, para obter aprovação final sobre o documento antes da dupla enviá-lo para publicação em uma revista científica.

Se o artigo de fato levar a descoberta de evidências de universos paralelos, seus autores se tornariam candidatos prováveis para o Prêmio Nobel.

No entanto, como o Prêmio Nobel não pode ser oferecido postumamente, Hawking não seria elegível para recebê-lo. [BusinessInsider]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (34 votos, média: 4,68 de 5)

Deixe seu comentário!