Injeções podem curar fobias

Por , em 23.03.2010

Medo de aranhas, altura, cobras, cachorros, etc. Tudo isso poderia ser curado com uma simples injeção?

Uma equipe de pesquisadores descobriu que o cérebro pode ser reprogramado para superar alguns de nossos medos mais básicos.

Como o medo seria um hábito que aprendemos, os cientistas afirmam que poderiam simplesmente “desligar” a fobia com uma injeção.

Testes em peixes mostraram que, quando eles eram submetidos a tratamentos com uma droga chamada lidocaína, eles eram incapazes de sentir medo. A medida, embora drástica, pode ser a solução para aquelas pessoas que sofrem de fobias tão agudas que não podem nem ao menos sair de casa.

A pesquisa, feita na Universidade de Hiroshima, estudou o cerebelo, região do cérebro que está relacionada com o medo. Usando condicionamento por choques leves, os pesquisadores ensinaram os peixes a ficarem com medo de um determinado tipo de luz. Depois de um período levando choques quando aquela luz era acesa, os peixes passaram a esperar o choque junto com a luz – mesmo quando apenas a luz era acesa.

Quando eles estavam sob efeito da lidocaína, no entanto, eles não demonstravam estarem com medo. Mas o efeito era temporário – assim que a droga saía de seus organismos eles voltavam a sentir medo da luz. Seria como um anestésico de medo. Mas, de acordo com os cientistas, esses resultados já oferecem grandes esperanças para aqueles com fobias agudas.

Fonte: Telegraph

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

14 comentários

  • Ana:

    Eu sofro de fobia especifica e sou a favor dessa injeção, mesmo achando que isso nao seria tratar a fobia , mas apenas amenizar os sintomas . Nos casos de pessoas como eu que apenas tem fobia com determinado animal, vale a pena tomar a injeção apenas na hora da crise, pois mto atrapalha a vida social tbm! Meu sonho e ter uma injeçao dessas na bolsa!

  • luana:

    porra cara vcs ficam dando risada ai
    mas nao e vcs que sofrem disso
    certas coisas ki acontecem é como si levasse
    a morrte para vcs pode ser uma coisa bem simples
    mas pra quem tem é totalmente difícil
    “EU TENHO SIM FOBIA”
    E NAO TENHO VERGONHA DE FALAR
    “TENHO PÂNICO DE FICAR COM MUITAS PESSOAS ESTRANHAS
    E AINDA MAIS SI FICAM ME OLHANDO
    EU JA DESMAIEI POR ISSO
    DE TANTA DOR DE CABEÇA
    E APAVORANTE
    FIKO LOKA COM ISSO
    DESCULPA MAS NAO E VC QUE PASSAM POR ISSO
    OQUE RESTA PRA VCS É SO RIR MESMO
    PODEM RIR
    OQUANTO KISER
    MAS DE TANTO QUE É RUIM
    EU NAO DESEJO ISSO PRA NINGUÉM

    OBRIGADA

  • Murilo:

    É fácil rir quando não está na pele da pessoa que sofre com alguma fobia.
    Queira Deus que ilumine estes cientistas para que torne o efeito definitivo.
    Pois vai ajudar milhões de seres humanos.

  • Jose Henrique:

    Certeza felipe!

    Imagine só, o cara tem fobia social, todo dia vai ter que tomar uma dessa pra sair de casa. Passa-se determinado tempo, ele vai precisar andar com “vidro de soro” pendurado no braço… Vai se tornar a pessoa mais social do mundo!

    Abçs!

  • magaly dantas:

    Esses comentarios foram muito engraçados, morrir de rir.

  • felipe:

    Quando eles estavam sob efeito da lidocaína, no entanto, eles não demonstravam estarem com medo. Mas o efeito era temporário

    ¬¬

    putz, isso é tornar o fóbico em um viciado não???

  • Felipe:

    o cara toma um remédio pra dormir profundamente e depois leva a injeção? [;)]

    huahuauh

  • MMALOTE:

    boa boa…. Jose
    agora tem que fazer uma injeção pra quem tem medo de injeção kkkkkkk….

  • Edu:

    Deve ter lidocaína em supositório Henrique…kkkkkk

  • Farofa:

    hahahahhahahahh chorei de rir com o comentário josé

  • Rosangela:

    Excelente observação Jose Henrique. 🙂

  • Jose Henrique:

    E para as pessoas que tem medo de injeção??? 😉

  • Manuel Bravo:

    Uma coisa é ficar “pedrado” e outra coisa é perder o medo.
    Tenho a impressão que os peixes ficaram drogados, logo a
    seguir o efeito da droga passou, não curou os peixes.

  • Stephy:

    Que malvadeza com os peixinhos 🙁

Deixe seu comentário!