Newton está errado e Einstein é o próximo, diz astrofísica

Por , em 3.08.2019

Uma equipe internacional liderada pela astrofísica Andrea Ghez, da Universidade da Califórnia em Los Angeles (EUA), mostrou que Newton estava errado e disse que Einstein será o próximo a ser contestado.

O estudo

Segundo os pesquisadores, quando o físico Isaac Newton fez seu trabalho inovador, ele explicou o mundo de acordo com as leis naturais, mas não tinha dados sobre a gravitação planetária ou o mundo subatômico que poderiam mudar sua compreensão da teoria.

Agora, a equipe diz que a gravidade não funciona de acordo com Newton nem no universo vasto, nem no muito pequeno.

Os dados sobre o estado da gravidade vêm de informações coletadas sobre a estrela S0-2, observada durante uma volta completa de 16 anos em torno do buraco negro no centro da Via Láctea, o Sagittarius A*, usando o Observatório Keck, no Havaí, a quase 4.000 metros de altitude.

Por conta da densidade dos buracos negros, nada pode escapar de seus “horizontes de eventos”, nem mesmo a luz. Sua influência em objetos próximos – mas não o suficiente para serem engolidos – também pode ser medida. É esse o caso da S0-2.

Quanto mais próxima do buraco negro ela passa, se move a mais de 25 milhões de quilômetros por hora. De acordo com Einstein, nessa região tão perto de um buraco negro, os fótons precisam trabalhar dobrado. O comprimento de onda à medida que saem da estrela depende não apenas de quão rápido ela se move, mas também de quanta energia os fótons consomem para escapar do poderoso campo gravitacional do buraco negro.

Newton estava errado

Perto de um buraco negro, a gravidade é muito mais forte que na Terra. De fato, os pesquisadores do novo estudo puderam ver essa “conjunção” de espaço e tempo nas proximidades do buraco negro no centro da nossa galáxia.

“Na versão de gravidade de Newton, o espaço e o tempo são separados e não se misturam; sob Einstein, eles ficam completamente misturados perto de um buraco negro”, disse Ghez.

Então Newton estava errado e Einstein – por enquanto – se mostrou certo. Mas Ghez e sua equipe acham que isso não vai durar muito tempo.

Einstein é o próximo

Os cientistas creem que a teoria da relatividade geral de Einstein é fraca porque não pode explicar completamente a gravidade dentro de um buraco negro. Embora ninguém tenha feito experimentos dentro de um buraco negro para obter dados ainda, a teoria deve vir primeiro.

Claro, os trabalhos de Newton e Einstein são incríveis e existem elementos de verdade em ambos. Einstein nos deu uma melhor compreensão que Newton com sua teoria da relatividade em 1915, mas tal entendimento da gravidade precisa funcionar em qualquer parte do universo, incluindo locais que ainda não estudamos.

Uma tarefa faraônica para qualquer físico teórico, mas uma maneira fácil de mostrar as lacunas de compreensão nas obras de “titãs” como Newton e Einstein.

Um artigo sobre o estudo foi publicado na revista científica Science. [Science20]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (141 votos, média: 3,43 de 5)

Deixe seu comentário!