Novo traje espacial tenta imitar a gravidade

Por , em 6.09.2011

Ao falar de astronautas, todo mundo tem a visão de pessoas com trajes brancos fofos flutuando por aí. Porém, flutuar a bordo da estação espacial pode ser mais complicado do que divertido para novos astronautas, cujos corpos estão acostumados com a gravidade da Terra.

Mas, com um novo traje desenhado para imitar a gravidade, os astronautas não sofreriam tanto para fazer mesmo tarefas simples em missões longas para outros planetas.

Tal ação poderia ajudar a estabilizar os astronautas que vivem no ambiente de microgravidade de estações espaciais e naves espaciais, para evitar erros de coordenação.

A NASA encomendou o trabalho para futuras missões espaciais com base em uma ideia do Laboratório Draper.

Uma unidade de medida inercial ajudaria o traje a avaliar o movimento de um astronauta. Isso poderia permitir que giroscópios volantes – dispositivos que giram e resistem a mudanças causadas pelo movimento – aumentassem ou diminuíssem a resistência espacial em cada movimento, aumentando a velocidade ou mudando de direção.

A primeira geração dos trajes vai ajudar os astronautas a trabalharem no interior de habitats protegidos, como uma estação espacial ou nave espacial. Se o conceito provar-se eficiente, pode eventualmente ajudar a estabilizar os astronautas durante passeios espaciais, como na baixa gravidade de planetas ou asteroides.

O traje também pode ajudar os astronautas na sua volta para a vida na Terra, porque a sua coordenação muscular não teria que reajustar seus movimentos, que não precisam de resistência em ambiente de microgravidade.

Outra vantagem do traje é menos espacial e mais terrestre: ele poderia ajudar pessoas que estão passando por reabilitação física. Pacientes que sofreram danos espinhais, derrames e lesões cerebrais poderiam fazer uso do dispositivo, assim como idosos. O traje poderia ser programado para ajudar os pacientes a aprender, ou reaprender, movimentos específicos.

A equipe do Laboratório Draper fez uma parceria no projeto com cientistas da NASA e do Instituto de Tecnologia de Massachusetts, EUA, e planejam criar um protótipo de braço espacial até 2012, com financiamento da NASA. Se o sucesso atrair fundos, um traje completo pode se tornar realidade dentro de uma década, dentro do prazo para os planos da NASA com asteroides, Marte e além.[MSN]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 5,00 de 5)

4 comentários

  • juniorbrma:

    o elton paes falou tudo não é a gravidade é sim a imitação da gravidade é só um placebo

  • Ladislau Neto:

    Uma idéia tão simples. Magnífico.

  • Sidney Rocha:

    No futuro um sistema assim podera ser usado nas astronaves facilitando sua navegação no espaço e planetas.

  • EltonPaes:

    Vamos deixar bem claro aqui que pressurização NÃO é gravidade,
    o que a roupa faz é pressurizar nada mais, não é mas os dois estão ligados relativamente… no espaço que existe ar, como na lua, ele é muito rarefeito e a pressurização pode deixar o corpo mais pesado…

Deixe seu comentário!