Pai e filha recriam fotografias antigas de casamento para dizer adeus à esposa e mãe

Por , em 1.01.2014

Ben Nunery e sua pequena filha Olivia protagonizaram uma série linda e emocionante de imagens em que se despedem de sua casa e de sua esposa e mãe, Ali, que morreu de câncer em 2011, aos 31 anos de idade.

Ben e Ali se casaram em 2009. Como tinham acabado de comprar sua nova casa, eles decidiram tirar suas fotos do casamento no seu futuro lar. No entanto, depois que Ali faleceu apenas 2 anos e meio mais tarde, Ben e Olivia decidiram se mudar para uma nova casa juntos. Para dizer adeus, a irmã de Ali, a fotógrafa Melanie Tracy Pace, se juntou a eles para mais uma sessão de fotos na casa onde Ben e Ali tinham vivido juntos. As fotos resultantes – algumas das quais relembram as fotos originais do dia do casamento -, são uma homenagem bonita e comovente.

Apesar de o ensaio trazer lágrimas aos olhos dos mais sensíveis, Ben não quer que elas sejam de tristeza. “Muitas pessoas têm me perguntado o que eu senti ao fazer essa sessão de fotos. O que eu quero que eles saibam é que esta não é uma história sobre luto, perda e dor. Sim, eu já passei por essas emoções e ainda passo, mas não é isso que eu quero que as pessoas vejam nestas fotos. Esta é uma história de amor”, explicou, relatando a experiência.

Confira as fotografias abaixo:

Ben Nunery e sua filha, Olivia, recriaram essas fotos especiais do casamento de Ben e Ali para dizer adeus a Ali, que morreu de câncer, e para lembrar daqueles bons tempos

Ben Nunery e sua filha, Olivia, recriaram essas fotos especiais do casamento de Ben e Ali para dizer adeus a Ali, que morreu de câncer, e para lembrar daqueles bons tempos

À esquerda, uma foto de Ben Ali e feita pela irmã de Ali, Melanie, em 2009. À direita, Ben e Olivia posam junto, em pé, na mesma porta em dezembro de 2013

À esquerda, uma foto de Ben Ali e feita pela irmã de Ali, Melanie, em 2009. À direita, Ben e Olivia posam junto, em pé, na mesma porta em dezembro de 2013

moving-without-mom-ben-nunery-3
Enquanto eles passavam pela casa, Olivia parou para brincar com acessórios de cabelo que tinham pertencido a sua mãe - incluindo um babyliss. Durante a sua produção para o grande dia, a mãe dela, Ali, foi clicada em uma situação semelhante

Enquanto eles passavam pela casa, Olivia parou para brincar com acessórios de cabelo que tinham pertencido a sua mãe – incluindo um babyliss. Durante a sua produção para o grande dia, a mãe dela, Ali, foi clicada em uma situação semelhante

Espera-se que as fotos de Melanie ajudem Olivia a lembrar de sua mãe e da casa onde ela começou sua vida

À esquerda, Ben está em sua casa vazia em 2009, aguardando enquanto sua esposa Ali desce as escadas. À direita, ele e a filha Olivia brincam nas mesmas escadas em 2013

À esquerda, Ben está em sua casa vazia em 2009, aguardando enquanto sua esposa Ali desce as escadas. À direita, ele e a filha Olivia brincam nas mesmas escadas em 2013

Espera-se que as fotos de Melanie ajudem Olivia a lembrar de sua mãe e da casa onde ela começou sua vida

"Eu fiz isso para que eu tivesse algo para mostrar o amor e a beleza que ocuparam a casa por um curto período de tempo em nossas vidas. Eu queria ser capaz de mostrar a Olivia o lugar onde sua mãe e eu começamos nossa vida juntos e sonhávamos em criar nossos filhos", escreveu Ben no blog que criou para homenagear a esposa

“Eu fiz isso para que eu tivesse algo para mostrar o amor e a beleza que ocuparam a casa por um curto período de tempo em nossas vidas. Eu queria ser capaz de mostrar a Olivia o lugar onde sua mãe e eu começamos nossa vida juntos e sonhávamos em criar nossos filhos”, escreveu Ben no blog que criou para homenagear a esposa

"Uma casa é só uma casa. Sim, eu vou sentir falta dela, mas ainda tenho as lembranças de Ali e eu ainda tenho Olivia, a evidência mais preciosa do amor Ali que eu compartilhamos um dia e ainda dividimos", descreve

“Uma casa é só uma casa. Sim, eu vou sentir falta dela, mas ainda tenho as lembranças de Ali e eu ainda tenho Olivia, a evidência mais preciosa do amor Ali que eu compartilhamos um dia e ainda dividimos”, descreve

À esquerda vemos Ben Ali e no dia do casamento, em 2009. À direita, Ben e sua filha Olivia em 2013

À esquerda vemos Ben Ali e no dia do casamento, em 2009. À direita, Ben e sua filha Olivia em 2013

Ben e Olivia, com o anjo de vidro que ela chama de "Mamãe" e com o qual brinca e conversa todos os dias

Ben e Olivia, com o anjo de vidro que ela chama de “Mamãe” e com o qual brinca e conversa todos os dias

Melanie disse que recebe regularmente sinais de sua falecida irmã e que muitas vezes penas caem do nada. Olivia achou esta pena branca durante a sessão de fotos, o que, para Melanie, foi um sinal de que Ali estava presente naquele momento

Melanie disse que recebe regularmente sinais de sua falecida irmã e que muitas vezes penas caem do nada. Olivia achou esta pena branca durante a sessão de fotos, o que, para Melanie, foi um sinal de que Ali estava presente naquele momento

Ben e Olivia estão se mudando para uma casa onde a pequena terá mais espaço para brincar e crescer

Ben e Olivia estão se mudando para uma casa onde a pequena terá mais espaço para brincar e crescer

Ben aprendeu a tocar no ukulele a canção de seu casamento, "I Believe (When I Fall In Love With You It Will Be Forever)", de Stevie Wonder. Agora ele a toca para a sua filha

Ben aprendeu a tocar no ukulele a canção de seu casamento, “I Believe (When I Fall In Love With You It Will Be Forever)”, de Stevie Wonder. Agora ele a toca para a sua filha

moving-without-mom-ben-nunery-15

“Nossas vidas vão continuar por um caminho cheio de curvas e incertezas, contudo, Olivia e eu seremos capazes de olhar para essas fotos e saber que havia um lugar onde eu era o homem mais sortudo do mundo, mesmo que só por um período curto de tempo”, conclui Ben. [Bored Panda]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

3 comentários

  • Flor de Lis:

    Não deu pra não chorar. Foi uma das coisas mais comoventes que já vi. É uma prova de que existe sim amor verdadeiro.

  • Gean Medeiros:

    Não tem como não se emocionar, não se imaginar na mesma situação.
    O que fica disso é aquela velha tônica de dar todo o amor e valor do mundo a quem nos faz feliz, pois não sabemos até quando teremos.
    Não sou tão religioso quanto a maioria, mas que Deus conforte e cuide dessa família.

  • Adrielly Chrystine:

    Uma linda história de amor

Deixe seu comentário!