Pessoas que comem mais peixe têm menos chances de desenvolver doenças cardíacas

Por , em 25.07.2010

Segundo um novo estudo, homens de meia-idade e idosos que comem peixe todos os dias têm menores chances de desenvolver um conjunto de fatores de risco para doenças cardíacas, diabetes e acidente vascular cerebral.

Porque a dieta de peixe é tão benéfica, entretanto, os cientistas não sabem ao certo, mas os resultados mostram que os ácidos graxos ômega-3, encontrados mais abundantemente nos peixes gordos como o salmão, cavala e atum branco, podem ter benefícios ao coração.

A pesquisa demonstra que o ômega-3 pode reduzir triglicerídios (um tipo de gordura no sangue) e também sugere que suplementos de óleo de peixe podem ajudar a baixar a pressão sanguínea e reduzir o risco de morte entre as pessoas que já tem doença cardíaca.

O estudo descobriu que homens que comiam uma porção de peixe por dia tinham 57% menos probabilidade de desenvolver síndrome metabólica em três anos do que aqueles que comiam menos de uma vez por semana.

A síndrome metabólica refere-se a um conjunto de fatores de risco para diabetes, doenças cardíacas e derrame, incluindo a obesidade abdominal, hipertensão arterial, glicemia, colesterol HDL baixo e triglicérides elevados. A síndrome é diagnosticada quando uma pessoa tem três ou mais dessas características.

Não houve essa associação entre mulheres, no entanto. A razão para a discrepância de gênero não é clara. Os pesquisadores especulam que, como grupo, as mulheres não conseguiram obter bastante ácidos omega-3 dos peixes para mostrar uma redução no risco de síndrome metabólica. Em uma porção, homens consumem 786 mg de ômega-3 por dia, enquanto as mulheres consomem 563 mg.

Os resultados precisam ainda ser confirmados. Em geral, não está clara a ingestão diária ideal de ácidos graxos ômega-3. No entanto, mesmo que comer peixes regularmente ajude a reduzir o risco de síndrome metabólica ou seus componentes, seria apenas um dos muitos fatores envolvidos. Um peso saudável, não fumar, exercício físico regular e uma dieta equilibrada, rica em frutas e legumes também são considerados importantes.[Reuters]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

4 comentários

  • jodeja:

    Dizem e até provam, que o peixe é bom pra uma porção de coisas, mas o que eles comem? Se comêssemos os vegetais marinhos talvez não houvesse necessidade de matá-los.

  • Natália:

    Queria só a receita desse prato ;p

  • dungeonmaster:

    De que ano é esse estudo? Até onde sei o consumo de peixe favorece o não surgimento de hemorragias, e isso ajuda a evitar problemas cardiovasculares. Um estudo feito por um pesquisador há algumas décadas aborda o assunto, mostrando que esquimós (que só se alimentavam de peixe e carne de foca) tinham menos problemas com doenças cardíacas. O tempo de coagulação deles podia chegar até impressionantes 50min.

    Eu prefiro não tornar peixe meu único alimento, pois manter um nível de coagulação adequado é uma ótima proteção pro corpo. Precisamos ser razoáveis!

  • Rosângela:

    Muito bom artigo Natasha, o peixe deveria estar mais presente na mesa do brasileiro. E é claro que ele sózinho não faz milagre como você bem colocou no final do artigo.

Deixe seu comentário!