Terapia para Diabetes tipo 1 é descoberta

Por , em 5.05.2009

Cientistas acreditam ter descoberto uma forma de tratamento preventivo para Diabetes 1. Ele funciona fazendo com que as células imunológicas do corpo, que matam as células produtoras de insulina, tolerem estas células, deixando-as intactas.

A diabetes 1 é uma doença auto-imunológica, na qual o corpo ataca as próprias células. É uma doença série e começa a manifestar-se, normalmente, ainda na juventude. Pessoas com esse tipo de diabetes precisam fazer um tratamento de monitoramento e de injeções de insulina durante toda a sua vida.

Pesquisadores do Instituto de Pesquisa Médica de Sidney conseguiram demonstrara como uma molécula em particular pode ser usada no futuro como uma espécie de tratamento preventivo.

As células imunológicas do corpo incluem células do tipo B e do tipo C. Células B produzem anticorpos e apresentam os antígenos às células T, que identificam estes corpos estranhos e os eliminam.

Em estudos anteriores sobre diabetes 1 foi demonstrado que as células B do organismo migram para o pâncreas, identificam insulina como antígeno e “dizem” para as células T que elas devem eliminar esta substância. Logo, as células T eliminam as células produtoras de insulina.

Então os pesquisadores descobriram que se controlarem um determinado hormônio – que é essencial para a sobrevivência das células B – suas cobaias (ratos) não desenvolvem diabetes.

Removendo as células B, pelo menos por um certo período de tempo, as células T funcionam como deviam, e não matam as células produtoras de insulina.

A molécula usada por Grey, conhecida como BCMA, já está sendo usada para tratar doenças como Lupus e Síndrome de Sjorgren. [Science Daily]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

Deixe seu comentário!