‘Vidência’ humana explica ilusões de ótica

Por , em 3.06.2008

Os seres humanos podem ver o futuro, de acordo com um cientista cognitivo. Não tem nada haver com os supostos poderes de Nostradamus, mas nós temos um vislumbre de eventos a um décimo de segundo antes que eles ocorram.

Revista HypeScience
A ilusão de Hering: apesar das linhas vermelhas parecerem curvas, elas não são

E o mecanismo por detrás disso pode também explicar o porquê nós somos enganados por ilusões de ótica.

Segundo o pesquisador Mark Changizi começa com um atraso neural que a maioria das pessoas experimenta. Quando a luz chega à retina, cerca de um décimo de segundo se passa antes que o cérebro traduza o sinal em uma percepção visual.

10 incríveis ilusões de ótica

Mark diz que nosso sistema visual evoluiu para compensar os atrasos neurais, gerando imagens do que irá ocorrer um décimo de segundo no futuro. Essa previsão mantém a nossa visão do mundo no presente. Dá informação suficiente para pegar uma bola em pleno ar (ao invés de tomá-la no rosto) e manobrar suavemente entre uma multidão. Esta pesquisa está detalhada na edição de maio/junho da revista científica Cognitive Science. Continua…

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (4 votos, média: 5,00 de 5)

5 comentários

  • Vander Port:

    A ilusão de ótica é fantástica e se percebe que o homem aind não conhece totalmente o cérebro humano. Abraços…

  • Trikaya:

    Tema interessante sem dúvida. Entretanto é importante entender como só uma teoria mesmo.
    Outras investigações demonstram que também é possível prever um acidente antes que ele aconteça. Mais que isso, não é possível explicar porque nosso cérebro pode processar informação do passado e não ter a mesma dinâmica em direção ao futuro, considerando o tempo como o que ele parece ser.
    A física quântica está fazendo rever várias “teorias” que foram e são consideradas “vacas sagradas” entretanto na verdade não temos uma idéia concreta sobre nem mesmo o que é a matéria ou a gravidade. Elementos como tempo, espaço, dimensões, mente, sistema cognitivo, campos eletromagnéticos e sus interpretação, envelhecimento celular, e um longo etc. ao parecer estão inter conectados e devem ser reunidos para uma compreensão mais plena do decidimos chamar de “realidade”.
    Tomara que possamos ver um futuro mais iluminado pela nossa própria vontade que por reações de fatores externos que definitivamente parecem ser somente teorias mesmo. Construamos uma realidade plena de PAZ? Eu estou tratando, querem ajudar? Visitem aquí: http://www.trikaya.org
    Felicidade

  • Danilo Moraes:

    Isso não se chama “prever o futuro” e sim imaginar o resultado final. Quando você ve alguem arremessar uma bola em sua direção, antes mesmo que essa pessoa largue a bola, você já irá tomar posição defensiva. E porque? Porque você já está tão acostumado em ver alguem tomando aquela posição e você sentindo dor depois que já vai reagir para tentar evitar a dor. Não quer dizer necessariamente que você prevê o futuro e sim que você, ou melhor, seu cérebro faz milhões de cálculos em uma fração de segundo para saber no que vai dar aquela reação de erguer o braço.

  • Douglas Miranda:

    Muito interessante! Entretanto eu prefiro chamar essas pequenas previsões simplesmente de ‘reflexo’. E realmente são reflexos, como deu a entender…
    Ficou tudo muito bem esclarecido. Só não me entra na cabeça uma coisa, mesmo eu já sabendo que são retas e tendo visto várias vezes a ilusão de Hering, continuo vendo as linhas em curva! Será que é bug cerebral? rsrs… Não é possível que depois de algum tempo o cérebro se acostume com essas situações? Caramba, vou parar de ler esses artigos, tô ficando paranóico! o.O

  • Neto:

    Então eu previa o futuro e nem sabia….puxa vida que legal!

Deixe seu comentário!