Você aprende mais assintindo um filme do Robin Willians do que assistindo uma palestra de eletrônica quântica

Por , em 7.06.2011

Pelo menos foi isso o que os cientistas da Universidade de Northwestern descobriram, analisando como diferentes pessoas se saiam ao resolver um quebra-cabeças. Basicamente, os participantes do estudo, após ficarem relaxados, conseguiam pensar melhor do que se eles fossem expostos a algo muito complicado.

Agora você tem motivos de sobra para assistir Flubber!

[Gizmodo]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

8 comentários

  • Wolf:

    ¬¬
    ainda prefiro meu bom e velho star wars

  • Wolf:

    prefiro star wars,se é assim eles podiam passar filmes do tipo star wars,harry potter,senhor dos anéis ou algum outro filme antes das provas na escola,e como os valentões chatos quase não raciocinam,a maioria dos alunos passaria e os valentões ficariam

  • ShadowsAV:

    Acho que as pessoas cultas – que assistiram à palestra – ficavam internamente se perguntando: Qual é a vantagem tangível de se completar essa tarefa? E então não conseguiam completar, os demais simplesmente faziam…

    • Giselle Hannah:

      Também acho que o estudo foi equivocado.
      Depois de uma palestra interessante ninguém quer saber de resolver um quebra-cabeça, apenas analisar o que aprendeu.

  • Junior:

    Nossssaaaaa, vcs viram? o ser humano consegue pensar melhor do que se fossem expostos a algo muito complicado…isso é uma lógica? será?

  • Renato Rodrigues:

    Título fail… -_-

  • Aline:

    Entao vc nao aprende mais, vc pensa melhor.

    nada a ver o titulo com a noticia, e nada a ver a comparação! #fail

    • yagor ribeiro:

      Nada a ver. Quer um filme melhor de boimecanica do que ”O homem bi-centenário”? Sobre física e o conceito de energia do que ”Flubber”? Essa coisinha verde simplesmente ignora os conceitos de cinética.

Deixe seu comentário!