Será que a NASA pode lançar uma missão secreta à lua?

Publicado em 18.09.2011

O novo filme “Apollo 18″ é como “A Bruxa de Blair” das viagens espaciais, exibido como se fossem imagens filmadas pelos astronautas da NASA durante uma missão secreta à lua em 1973. Na história, os astronautas encontram hostis alienígenas lunares, o caos se instala e a NASA abafa o caso todo.

É ficção científica, claro: a história é que a missão Apollo 18, junto com a 19 e a 20, foi cancelada – Apollo 17 foi a missão lunar final da NASA. Mas o novo filme certamente alimentou incêndios conspiratórios sobre as atividades secretas da agência. A NASA pode realmente ter lançado um voo espacial secreto durante a era Apollo, sem que ninguém saber?

É quase certo que não.

Segundo um historiador espacial, o desenvolvimento de todo o programa tripulado envolve 400.000 pessoas, então para cobrir a pequena viagem é preciso manter as milhares de pessoas quietas. E não são todas elas que trabalharam somente para a NASA. Uma grande porcentagem trabalha para outros contratantes, por isso seria necessário mantê-las guardando segredo para sempre.

De acordo com documentos, o número de empregados da NASA em 1973, ano em que Apollo 18 estava programado para decolar, havia caído para 200 mil. Isso é metade do número de empregos de 1965, mas ainda assim um número enorme de pessoas para ficar em silêncio.

Além disso, o historiador apontou que a agência espacial teria que ter acalmado milhões de pessoas que vissem o lançamento do foguete Saturno V (que enviou as cápsulas lunares de Apollo para o espaço), já que a plataforma fica no Centro Espacial Kennedy, na Flórida. De maneira alguma a NASA poderia encobrir tal lançamento. Eles até poderiam alegar que a Força Aérea estava fazendo isso, mas mesmo assim teriam que disfarçar completamente uma missão Apollo como uma missão de satélite da Força Aérea, o que seria extremamente difícil.

Se a NASA fosse tentar um lançamento secreto hoje em dia, em que há mais olhos atentos e mais avenidas para partilhar a informação, provavelmente a agência seria ainda menos capaz de esconder um lançamento do público.

Porém, isso não quer dizer que não poderia ser feito.

O trailer de “Apollo 18″ inclui um trecho em que os astronautas estão se comunicando com o Departamento de Defesa do Governo americano, sugerindo que ele está envolvido na missão secreta. (Os astronautas, no entanto, são vestidos com uniformes da NASA). Os cineastas podem estar brincando com o fato de que o programa espacial do Departamento é muito mais reservado do que o da NASA, tornando a premissa um pouco mais concebível (embora mais confusa, também).

O orçamento para programas espaciais do Pentágono é muito maior do que o da NASA. Além disso, disse o historiador, eles lançam missões o tempo todo, não revelam quase nada, têm a sua própria plataforma de lançamento ao lado da NASA na Flórida e outra plataforma na Califórnia.

O orçamento anual do Departamento de Defesa destinado ao espaço é de US$ 26 bilhões (R$ 44,42 bilhões); para comparar, o orçamento da Nasa é de US$ 18 bilhões (R$ 30,75 bilhões). A maior parte dos fundos do Departamento é para pagar por satélites que ajudam nas navegações, na detecção de mísseis e na precisão de bombas. A rede de satélites militares também acompanha o lixo espacial, que pode colidir com os satélites.

Obviamente, satélite não é tudo quando se trata de operações dos militares no espaço. No ano passado, o Pentágono enviou em órbita na Terra uma nave espacial chamada X-37B, que se parece com uma nave espacial em miniatura. O lançamento não era segredo – o Pentágono disse que não poderia esconder um lançamento, mesmo que tentasse – mas todo o resto sobre a missão, incluindo o que é feito e por que, está bem guardadinho.

Não há como saber se o Pentágono lançou uma missão tripulada para a lua ou não. No entanto, porta-vozes do Departamento garantem que não lançaram nenhuma missão tripulada ao espaço. [LiveScience]

Autor: Patricia Herman

é aspirante a jornalista, tem 21 anos e adora ler, principalmente poemas e a filosofia alemã do século XIX. Tem um único grande vício: música.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

71 Comentários

  1. simplesmente: NAO;
    pq? FOI UMA DAS COISAS MAIS CARAS DA HUMANIDADE, junto com o projeto MANHATTAN.

    senhores, os usa vivem d dinheiro.
    e o n-1, projeto russo para ir a lua, nao chegava nem perto do montante gasto pela nasa.

    gastar dinheiro pensando em algo q nao fosse militar/politico é impensavel — esqueçam qualquer coisa implausivel, como os ets.

    [foi mal s fui meio direto, rsrs]

    Thumb up 0
  2. Existem 2 “Áreas 51″uma no estado de Nevada e outra na lua,podem acreditar…quando nos foi mostrada a chagada do homem na lua,isso já havia acontecido bem antes,porque foram feitas manipulações nas fotos da NASA?Para esconder a verdade com relação a evolução tecnológica em parceria com os forasteiros do espaço.

    Thumb up 0
    • Amigo,o que você está alegando é de fato curioso,porém,de onde foi tirado isso?Que a Área 51 existe,é fato,já foi assumida pelos EUA,porém as bases lunares…Existem rumores sim de que existe uma base na Lua,já li sobre tal assunto,porém sem muitos fundamentos e igualmente acreditável.Os ETs acredito sim que existam,talvez façam contatos com os norte-americanos,inclusive os EUA é o pais que tem mais casos ufológicos,mas quanto aos rumores de bases e de acordo tecnológico não podemos dizer nada ao certo,então vamos esperar e ver o que acontece,e não espalhar rumores pela internet,não é mesmo?…Não lhe critico,e ao mesmo tempo o faço,mas temos de ter fundamentos e “provas” para levantar tais rumores,embora que tenho dúvidas sobre o que você fala,já que estudei o assunto e fiquei ainda mais confuso.

      Thumb up 4
    • “chagada” do homem na lua? Não seria a “cagada” do homem na lua? E o pior é q. o homem parece estar quase preste a “chagar” em vários outros planetas… vai ser uma m…

      Thumb up 2
  3. Claro que é possível, um dos poucos países que na época dominava exclusivamente e ainda domina os voos espaciais. Iria dar satisfações ao resto do mundo? Creio que não, mas tudo é mera especulação.

    Thumb up 0
  4. Olá a todos !
    Infelizmente, o orçamento para Ciência estar sendo cortado não é prerrogativa do Brasil. No mundo todo, parece que a coisa pegou, lamentávelmente. Só que os (ir)responsáveis esquecem, que, sem Ciência, qualquer nação está condenada ao atraso tecnológico e à eterna dependência de outras, mais avançadas. É burrice, mas é assim que acontece !
    Abraços

    Thumb up 1
    • Preferem investir em religião! ‘-’ Por isso que ficamos para trás em tudo! :/

      Thumb up 1
    • Na verdade no Brasil, o investimento para Ciências(Saúde, Educação, Policial, transporte, cultural e muitas outras áreas) está é no bolso dos Políticos!!!!

      Thumb up 2

Envie um comentário

Leia o post anterior:
800px-Wrinkly_fingers
Mistério dos dedos enrugados resolvido

A dúvida de séculos ...

Fechar