10 magníficas fotos espaciais

Por , em 3.10.2011

O concurso Fotógrafo de Astronomia 2011 da National Geographic desse ano trouxe belezas espaciais incríveis a nosso conhecimento. Conheça algumas das fotos premiadas:

Vencedor Absoluto: “Júpiter e suas luas” / Fotografia cedida por Damian Peach

Um retrato incrivelmente claro do rei do nosso sistema solar, Júpiter, ganhou honras superiores na competição Fotógrafo de Astronomia 2011.

O vencedor tirou a foto do Caribe, capturando não somente as faixas de nuvens do planeta, mas também os discos de duas de suas maiores luas, Ganimedes (superior direito) e Io. A captura ganhou o primeiro lugar na categoria “Nosso Sistema Solar”, bem como o título de vencedor.

Parece uma imagem do Hubble. O detalhe das nuvens e das tempestades de Júpiter é incrível, e o fotógrafo também conseguiu capturar detalhes de duas das luas do planeta, o que é notável para uma imagem tirada do chão.

Vencedor de Espaço Profundo: “Remanescente da Supernova Vela” / Fotografia cedida por Marco Lorenzi

Pendurada num dos anéis da constelação de Cygnus, o cisne, está a nebulosa remanescente da supernova Vela – tudo o que resta de uma estrela que explodiu há 12 mil anos.

A estrutura parecida com uma teia, que fica a mais de 800 anos-luz da Terra, é vista em expansão através de um campo de estrelas na foto vencedora da categoria “Espaço Profundo”.

O mais impressionante das remanescentes são suas diferentes composições. Afinal, vários dos tijolos de construção da vida são criados durante esses eventos apocalípticos.

Vice-campeão de Terra e Espaço: “Presença Divina” / Fotografia cedida por Ole Christian Salomonsen

O céu noturno está inundado com uma fina camada de auroras verdes, acima da paisagem árida da Noruega, como se vê na segunda colocada da categoria “Terra e Espaço”.

O fotógrafo agarrou os fogos de artifício cósmicos, quando o campo magnético da Terra foi fustigado por partículas carregadas que saem da superfície do sol.

Como partículas solares foram canalizadas para atmosfera do nosso planeta, elas colidiram com as moléculas de oxigênio e nitrogênio, fazendo com que elas brilhassem como cortinas de luz dançantes.

Vencedor de Terra e Espaço: “Paraíso Galáctico” / Fotografia cedida por Tunç Tezel

O Triângulo de Verão e o arco da Via Láctea elevados acima das colinas ao longo da costa de Mangaia venceu a categoria “Terra e Espaço”.

O fotógrafo costurou digitalmente um mosaico de nove fotos de 30 segundos de exposição através do céu. Ao fazer isso, ele capturou a luz combinada de centenas de milhões de estrelas que compõem os “braços” da Via Láctea.

A imagem tem uma sensação verdadeiramente mágica. É muito bonita a forma como os campos ricos de estrelas da Via Láctea parecem seguir a linha do horizonte. Uma olhada mais atenta pode, ainda, observar muitas nebulosas rosas aninhadas dentro dos braços espirais da nossa galáxia.

Menção Honrosa de Espaço Profundo: “Dragões do Ara Lutando” / Fotografia cedida por Michael Sidonio

Conhecidas como os Dragões de Ara Lutando, duas nuvens de gás coloridos parecem estar posando em posição de ataque em uma imagem que recebeu menção honrosa na categoria “Espaço Profundo”.

O fotógrado capturou tons sutis de roxo, laranja e verde da gigantesca nuvem de gás e poeira, que fica 4 mil anos-luz da Terra, no sul da constelação de Ara.

A nuvem molecular de 300 anos-luz de largura está sendo moldada pela radiação de jovens estrelas massivas formadas em seu interior durante milhões de anos.

Vice-Campeão de Jovens Astrônomos: “Céu Noturno Estrelado” / Fotografia cedida por Nicole Sullivan

A fotógrafa vice-campeã de Jovens Astrônomos tem 15 anos e capturou centenas de traços circulares de estrelas acima das montanhas.

Em uma imagem de longa exposição, as estrelas parecem girar em torno de um ponto, destacando a rotação do planeta em seu eixo.

Vice-Campeão de Pessoas e Espaço: “Caça à Lua” / Fotografia cedida por Jean-Baptiste Feldmann

A lua crescente ofereceu ao fotógrafo a oportunidade perfeita para criar uma lúdica silhueta, e o resultado lhe rendeu o segundo lugar na categoria “Pessoas e Espaço”.

Durante a lua crescente, a luz solar que atinge parte da lua cria uma forma curva, enquanto a parte mais escura do disco ainda é visível graças à luz refletida da Terra, conhecida como brilho da Terra.

Vencedor de Jovens Astrônomos: “Eclipse Lunar e Ocultação” / Fotografia cedida por Jathin Premjith

O disco da lua cheia ficou vermelho sangue acima da Índia, como se vê nesta foto do vencedor de 15 anos da categoria Jovens Astrônomos.

O eclipse total da lua ocorre cerca de duas vezes por ano, quando a lua entra na sombra em forma de cone produzida pela Terra. Os tons avermelhados projetados na superfície da lua são criados pela luz solar através da refração da atmosfera da Terra, que está cheia de poeira e poluição.

Vencedor de Pessoas e Espaço: “Observação de Estrelas” / Fotografia cedida por Jeffrey Sullivan

O fotógrafo recebeu o título de vencedor da categoria “Pessoas e Espaço” com seu autorretrato, tirado de um morro remoto nas montanhas de Sierra Nevada.

O campo da Via Láctea que se estende sobre a cabeça dele é apenas um dos dois principais braços espirais que compõem a nossa galáxia, que contém mais de cem bilhões de estrelas.

A imagem coloca a humanidade em perspectiva, lembrando como somos uma pequena parte do universo.

Vice-Campeão de Espaço Profundo: “Trio do Leão” / Fotografia cedida por Edward Henry

Este “retrato de família” de três galáxias – conhecidas como Trio do Leão – ganhou o segundo lugar na categoria “Espaço Profundo”.

Localizadas a 35 milhões de anos-luz da Terra, cada uma dessas galáxias espirais é inclinada em um ângulo diferente da nossa linha de visão. Isto oferece vários pontos de vista das estruturas das galáxias espirais, incluindo os nós e faixas de poeira escura, onde as novas gerações de estrelas estão se formando. [NationalGeographic]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (4 votos, média: 5,00 de 5)

64 comentários

  • Nanci Gomes Belluzzo:

    Maravilhosas!Magníficas!Povoam meu imaginário,pena que não dá para compartilhar no face!Ou dá eu eu não sei como fazer!

  • Nidy:

    Fotos maravilhosas. Quero decorar minha casa com fotos e cartazes grandes e gigantes.Alguém sabe como obter ou comprar fotos, como essas, sobre astronomia em formato grande?

    • Ezio Jose:

      Faça você mesmo!
      Fotografe as fotos que você queira usando uma máquina simples, mesmo, de mais de 10Mp e depois é só levar num laboratório ou gráfica e mandar imprimi-las em tamanho de até 1,00 x 0,60.
      Para fazer foto de fotos é necessário um pequeno tripé ou condições que a câmera fique bem estática. Use o temporizador depois de enquadrar a imagem na definição macro. Pronto! Você terá as mais belas imagens. (fotos de fotos)

  • Rafael:

    Seis perceberam naquela da lua vermelha á alguma coisa ali um ponto brilhando bem ao lado da lua extremamente brilhante que parece orbita-la se fosse um dos satélites de pesquisa apareceriam mais deles

    • pereira:

      Concordo!
      Na foto de Júpiter, cade o reto do espaço!

    • Lilica:

      Também concordo!
      Cade o resto do espaço?

  • joao:

    Voces sao burros!!! isto fo tirado da net!!!

    • Lilica:

      As imagens foram tiradas da net, mas o estudo foram os donos do site que estudaram sobre isto, o estudo foram tudo procurados, tudo.

  • thacilla beatriz pereira valença.:

    a ta discupa penssei so em mim.gostei muinto das fotos principalmente da menininha tentando pegar a lua. mas tenho sertesa de que ela nao vai conseguir tao fassio assim

    • Ezio José:

      Está desculpada. Também penso só em mim e gosto muito de fotos. Lógico, meu hobby é fotografia e acredito que a foto da lua não mostra uma menininha e, sim, uma pessoa adulta. Tenho certeza que ela não pegaria a lua mas o felizardo do fotógrafo pegou toda a imagem num belo clic. Não é fácil encontrar momentos inusitados assim.

  • thacilla beatriz pereira valença.:

    quero algumas dicas sobre isso.tenho mostra cientifica sobre astronomia.ai vai o tema”astronomia.o homem realmente foi a lua”

    • Ezio José:

      Será que foi mesmo? Acho que o homem foi amar-te e resolveu marcar uma presença na Lua. Pousou naquele deserto que acredito que seja Sara Nossa Terra. Fincou o mastro da bandeira, hoje falida, naquele chão. O Dragão fugia da lança de São Jorge que cavalgava em busca de capturá-lo e com suas ventas apenas soprando por falta de combustível inflamável acabou-se só por sobrar a referida bandeira.

  • clarice:

    SIMPLESMENTE M A R A V I L H O S A S !!!!!!!

  • resident:

    muito lindas as 10 imagens mostra que somos um ponto insignificante num cosmo imenso que mostra coisa que são muito bonitas que muitas pessoas adoram e acabam sendo astronomo eu tiro o chapeu diante dessas imagens.

  • claudemir da silva:

    são imagem bonitas

  • resident:

    fantastico isso mosto gigante glamuroso muito bonito essas fotografias mecereceram mostra que somos pequenos num cosmos imenso

  • Jonatas:

    Fotografar também é uma arte.

    • Ezio José:

      Realmente. E mais do que isto é um exercício para despertar a observação minuciosa de tudo que nos cerca. Geralmente o fotógrafo tem um olhar clínico. É um observador incansável.

    • Eduardo:

      Concordo, fotografar não só é uma arte como também um meio de registrar memórias. Esses planetas, galáxias, nebulosas ou o que for, podem não estar mais presentes um dia, mas uma coisa que gosto no universo é isso: a estrela morre, mas deixa um fragmento de sua existência no infinito do cosmos. Acho que nada acaba, tudo evolui. E nessa imensidão há dos mais variados tipos de coisas, que, creio eu, nem sonhamos que possam existir.

    • Jonatas:

      Refaço meu comentário, Fotografar é uma Arte, e também uma Ciência.

  • Karol:

    Fantástico!

    • João da cruz vieira leite:

      Adoro Ufologia, Tabem admiro muitos as belas fotos de nosso espaço cideral como estas, mui belas imagens que estes jovens consiguiram nos mandar do espaço, nota 10 para todos eles, espero que continundo imagens fatasticas assim por muito Tempo ainda.

    • Chico Lobo:

      A Ufologia poderia ser uma ciência mais séria se não fosse a influência da mistica e de especulações pseudo científicas que rondam a matéria.

  • alex:

    o q é aquilo q parece com um satelite em volta da lua?

    • kiddo:

      uma falha na foto ou… ET go home !

  • Flor de Lis:

    É por essas e outras que fotografia é uma das artes que mais amo!!! As fotos estão perfeitas!!

  • laura:

    gente, acabei de pensar numa seguinte coisa: Se os planetas e astros são redondos, nosso universo também pode ser redondo, uma esfera. E se todo círculo/esfera têm o valor de pi, então nosso univerno tem o valor de pi!

    • laura:

      e se o universo for mesmo redondo e estiver em constante crescimento, significa que nunca iremos descobrir o valor de pi.
      =P não que eu acredite no que estou falando, é que isso me veio na cabeça vendo a última imagem e lendo o comentário do Dúvida, que era: Por que as galaxias ficam em forma de disco.

      hehe, mas alguem já pensou no que eu falei?

    • Renato:

      Laura, o valor de Pi é uma constante para círculos ou esferas de qualquer tamanho, tanto infinitamente pequenos quanto infinitamente grandes. upondo que o Universo esteja se expandindo na mesma velocidade em todas as direções, preservando a forma circular, estará variando somente a circunferência e o diâmetro. Pi é a razão entre estas duas grandezas.

    • Rafael:

      pq elas são uma rosquinha lendo seu comentario isso é meio obviu pq á gravidade central do buraco negro massivo bem no meio da nossa galaxia faz com que nos o sol e as estrelas girem ou seja orbitem ele

    • kiddo:

      essa era da boa…

  • Edson Rigoni:

    È uma pena que ainda existam pessoas, as quais, mesmo sabendo da existência do Vasto Universo com todo o seu conteúdo maravilhoso se vejam como superiores aos de sua espécie e se neguem o reconhecer o seu lugar de inferioridade diante de tal maravilha não obserávél a olhos nus…

    • Ezio José:

      Entre os supostamente iguais existem, sim, os superiores. Jamais alguém poderá comparar-se superior ao Universo. No próprio Universo tem Astros superores e inferiores entre tais. No reino animal e vegetal é a mesma coisa. Tudo existe o inferior e o superior.

  • ALX:

    Belissima materia, são realmente lindas, parabens! Adorei a ilusão dos dragões rsrs. So a do ceu noturno estrelado q me pareceu meio q uma montagem de computador,pelo menos essa q fiquei sem entender

  • MIG10:

    Realmente, todas são maravilhosasmente lindas.Perfeitas.
    Mas o reconhecimento pela obra deveria ser de quem a pintou e não somente daquele que a copiou.
    Existe uma foto que ainda não conseguiram tirar.A beleza que há, escondida no coração do homem que quase ninguém se atreveu a revelar. Que pena!

    • Ezio José:

      Filosofou profundo!
      Ainda bem que os laboratórios não usam tanto o antigo RX em preto e branco. Agora tudo é colorido.

  • Vianoll:

    O universo é simplesmente MÁGICO! Belas fotos…

    • José:

      Nossos olhos não são páreos para tamanha magia “extraterrestre”!!!

  • Duvida:

    Por que as galaxias ficam em forma de disco?

    • Cesar:

      Nem todas tem forma de disco.

    • Gustavo:

      a forma de disco ou espiral se deve as forças envolvidas no “giro” da galáxia sobre seu eixo.
      a gravidade e força centrifuga se encarregam de moldar os discos.
      agarre um fio com um peso na ponta e gire, o efeito é o mesmo, o fio vai tender a esticar pela força centrifuga e permanecer preso pela força gravitacional (fio) formando um disco analogo.

    • Edinei Júnior:

      BOa, Gustavo. Não poderia ter explicado melhor.. 😀

    • Edinei Júnior:

      Não sei responder ao certo, mas uma resposta errada estimula diversas respostas certas, então vou tentar:

      Não sei se vi em algum lugar ou se é fruto da minha imaginação fértil, mas creio que é por que elas tem a matéria que as compõe influenciada pelo movimento de Rotação que o centro da nossa Galáxia faz, além de ser “sugada” pelo buraco-negro supermassivo que habita no centro desta. Se vc tentar refazer o movimento em sua mente, entenderá…

      Se eu estiver errado, fico feliz em ser corrigido.. 😀

      MAs, por favor, tentem explicar com as próprias palavras e deixem de apenas copiar e colar coisas de qualquer site que vêem pela frente…

      VAleu’s,

      Edinei Júnior

  • Sueli Takac:

    As fotos são tão maravlilhosas, que nos deixam sem palavras…Nos mostra o quanto somos pequenos em relação ao Cosmos e ao Criador!

  • feio:

    Infinitamente lindo!!!

  • sanep:

    São estas imagens que nos fazem sentir grãos de areia num areal imenso;somos uns privilegiados, a criação brindou-nos com a vida num planeta azul de encantos tamanhos…abaixo da atmosfera vivemos a dois ritmos, entre amor e guerra; mas o que devia adocicar a vida em pleno na terra era evitar a destruição do nosso planeta e investir-mos na descoberta dum espaço que ainda é um grande segredo para nós…obrigado pelo post!

  • Big Bang:

    Simplesmente magnífico! Mostra como somos pequenos e tão pouco importantes nesse cosmos misterioso e maravilhoso, do qual não sabemos nem se chegaremos a passar da nossa lua. Nosso tempo aqui e ínfimo, e um instante passageiro diante da enormidade do universo.

  • Lee:

    Sobre a foto ”céu noturno estrelado”…fiquei boba com a imaginação do fotógrafo ara fazer tal coisa…que isso!!!

  • Lee:

    Incríveis as fotos de estrelas…nunca olhei para o céu para ver um motante de estrelas da forma que as fotos mostram….como posso ver dessa forma???onde preciso estar???
    Maravilhosa matéria!!!

    • Ezio José:

      Vá para o Polo Norte. Lá poderás ver com precisão a olho nú. Quanto a foto, foi feita em longa exposição e isso é um assunto mais delicado e quem gosta de fotografar sabe como funciona. Fotografar com MÁQUINAS profissionais e não com as shots que usmos diariamente.

  • fernando:

    A segunda foto tem um rosto de um demônio se vcs ver os detalhes.

    • BossGrave:

      Crente detected.

    • JPX:

      Este “demônio” só está na sua cabeça perturbada cara!

    • AGA:

      Só me faltava essa !!!

    • Magda Patalógica:

      Orra, meu.

      Parece que crente vê o diabo em tudo.

      Se é pra viajar na maionese, então prefiro enxergar John Lennon, de óculos e barbicha, cantando “Imagine”.

      Fui

  • EltonPaes:

    Lindas !!

  • EltonPaes:

    VICE-CAMPEÃO DE PESSOAS E ESPAÇO: “CAÇA À LUA”

    Nossa, a minha que tirei aqui perto de Ponta Porã – Ms
    acho que ficou bem melhor em

    Confira !
    http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=17666408329833823260

  • Pedro:

    Este “CÉU NOTURNO ESTRELADO” parece mais fake … sei lá , uma pintura …

    • EltonPaes:

      Negativo! não consegues perceber o tanto de foto que foi tirada pra chegar nesta ?
      São várias fotos tiradas ao longo do dia, neste caso da noite ^^

    • EltonPaes:

      NUM DOS TRABALHOS MAIS IMPRESSIONANTES de Van Gogh, o firmamento é retratado com pinceladas fortes, onde as estrelas são manchas num céu tumultuado, com um halo sombrio contornando a lua, Vc deve ter mentalizado esta obra que traz uma vaga lembrança dessa foto ^^.

    • Ezio José:

      Nos polos de qualquer hemisfério podemos ver as estrelas tal qual está na foto sem precisar de longa exposição no registro fotográfico.

    • JPX:

      Na verdade é uma foto só com um longo tempo de exposição.

    • SFR:

      E que só capta o movimento da luz

    • kiddo:

      é quase, véio… já viu aquelas fotos de carros passando pela rua à noite ? fica a linha vermelha ininterrupta da lanterna ao longo da foto. é isso.
      obturador aberto direto, por longo período de tempo.
      é UMA foto só (loooonga)

Deixe seu comentário!