A felicidade vem com a idade

Por , em 19.05.2010

Você é feliz? Se a resposta for não, eis aqui um bom argumento: espere para ficar mais velho. É o que anuncia um estudo da Stony Brook University, de Nova York (EUA). A pesquisa, ainda em andamento, está analisando o bem-estar e satisfação pessoal de acordo com a idade das pessoas. Eles revelam que, em linhas gerais, pessoas acima dos 50 anos tendem a ser mais felizes.

O estudo quis fugir da linha de raciocínio afetada por fatores muito determinantes, como o fato de ser casado ou não, ainda ter filhos em casa e estar trabalhando. Para obter resultados que mostrassem a influência da idade, por si só, eles observaram dois “tipos de felicidade”.

O primeiro é o bem-estar global. Trata-se da felicidade, digamos, generalizada, superficial. É o que a pessoa responderia sinceramente à pergunta: “você é feliz?”. A outra, mais específica, é o bem-estar hedônico. É baseado em experiências de bem-estar momentâneo, tais como alegria, raiva, stress, preocupação, e tristeza. São sentimentos passageiros, que influenciam indiretamente na felicidade global.

Para um estudo minucioso, eles categorizaram esses sentimentos com a idade, tomando três pontos: o início da vida adulta, digamos, independente, os 50 anos de idade, e a terceira idade, enfim, o período final da vida. Stress e raiva diminuem constantemente desde o começo da vida adulta. A preocupação é constante até os 50, para só então começar a cair. A tristeza mantém-se constante, com um ligeiro aumento aos 40 anos e declínio aos 50. Por fim, a alegria, apresenta o padrão mais incomum: uma forma de U. Até os 50 anos, cai constantemente, para então voltar a subir.

Analisar estes fatores é importante, mas não pode ser a única fonte de análise, explicam os pesquisadores. Por isso é que o estudo ainda não está concluído. Falta saber o que influencia exatamente, além dos sentimentos citados, no bem-estar global.

Há teorias para explicar porque pessoas velhas são mais velhas. Uma delas diz que, com a experiência, os idosos são melhores para controlar suas emoções. Outra, mais profunda, tem a ver com o afastamento da juventude. Quando jovens, nossa grande quantidade de ações e atividades acumula experiências negativas. Em idade avançada, estamos mais distantes dessas experiências, podendo esquecê-las. Consequentemente, a felicidade aumenta. Por fim, há a teoria de que, depois dos 50, nós deixamos de remoer as frustrações, aquilo que deixamos de conseguir, e passamos a nos focar em como aproveitar, da melhor maneira possível, a vida que nos resta. [Science Daily]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

9 comentários

  • maiara:

    emvelerçer e bmmm

  • Regina Mena:

    envelhecer é fato,ficar velho é opção somar a experiencia da vida com a sabedoria o resultado é: VIVER SEM MEDO DE SER FELIZ.

  • Edinaldo Pereira Trindade:

    A vida é constituida e divididas em períodos progressivos de 7 em 7anos. 1ª fase: de 0 à 7anos (criança) 2ª fase de 7 à 14 anos ( adolescentes) 3ª fase: 14 à 21 anos ( preparatório para idade adulta.
    À 4ª fase, 5ª fase e 6ª fase de: 21 à 28 anos: 29 à 35 e 36 à 42 ) Integração à Escola ou (faculdade da vida) 7ª fase: 34 à 49 anos Estágio, para somar tudo que aprendeu das experiencias e conhecimentos da vida de um modo geral para usurfluir com sabedoria e começar a ser realmente feliz. Existe um proverbio que diz: a vida começa após os 40. Na minha consepção viver a vida é ser feliz, e eu comecei a viver verdadeiramente aos 49 anos. E sou muito feliz e desejo que todos sejam também. Muito obrigado!

  • Bruna:

    Eu acho que deve ser porque, com a idade as pessoas aprendem a valorizar as coisas mais simples da vida, como por exemplo estar com quem ama e a agradecer pelo simples fato de estar vivo…

    penso que este deve ser o segredo da verdadeira felicidade…

  • Fernando Sávio:

    Os velhos que nós rodeiam não tem a capacidade de pensar e sentir como nós!!
    Eles tem muito mais capacidade!!
    Eles tem experiência, já tem a calma e a tranquilidade que para muitos é conquistada com anos de experiência…
    O problema mesmo são as gerações que estão chegando. É uma geração que acha que não tem que ouvir os velhos. Para eles os velhos incomodam. Na minha família nunca teve esse desrepeito e quando tiver meus filhos também não vou admitir que eles me desrespeitem. Os filhos tem que entender que não é facil botar a comida na mesa pra eles comerem, e isso que eu nem toquei no assunto dos presentes…
    Uma vez eu ouvi alguém dizer para os pais:
    “Tu me botou no mundo, tem a obrigação de me sustentar!”
    Me deu vontade de dar um tapa na orelha da infeliz que falou isso. Se ela fosse uma criança abandonada num orfanato ela nem pensaria nessa frase…
    Sem mais demoras encerro meu comentário esclarecendo que tenho 24 anos e não sou tão velho assim para dizer “no meu tempo”, mas posso dizer “na minha familia” nao tem esse tipo de coisa..

  • Ricadão:

    Queria sempre ser jovem e viril, ain da bem que qdo eu for velho já terá tecnologia pra eu continuar viril né Lidia Campos…totoza…

  • Lidia Campos:

    Olá, bom dia.

    Sinceramente, tenho uma enorme vontade de envelhecer, sem o medo das perdas geralmente associadas à juventude. Acredito que é possível ser feliz em qualquer fase da vida, e não considero a felicidade ligada diretamente a inexperiência de um corpo jovem.

    Tenho 20 anos, e consciência de que meus atos hoje consequentemente alteram minha vida no futuro.
    Lógico que alguns meios de convivência social são típicos da juventude, mas isso não exclui vida após os 30 anos.
    Em todas as idades temos alegrias, conquistas e angústias.

    Reavaliem a concepção de velhice que nos rodeia, essas pessoas ainda têm capacidade de sentir e pensar, assim como nós.

  • Wesly Hubris:

    A Natureza minimizaria o encolhimento do cérebro velho, mais racional, com uma coisa chamada APRENDIZADO, que eventualmente se transformaria em SABEDORIA.
    Como a elite biológica do mundo são os jovens, os idosos perdem as disputas sexuais por parceiras, para as novas gerações, e ao envelhecer perdemos neurônios.
    Seria comum que os idosos emocionais fiquem com as suas estruturas cerebrais tão fracas que termine se agarrando nas supostas “recompensas” sobrenaturais…
    Principalmente se o indivíduo for alguém frágil, sofrido, sozinho, do tipo que nasceu para obedecer ou alguém que perdeu algo muito importante.
    Pois quanto mais decrépito, mais submisso, mais sozinho, mais emocional, mais místico ou mais infantil for o indivíduo, mais ele precisaria de algum suposto Deus em quem possa se agarrar.
    Esse é o motivo porque os que não têm sorte, não têm boas idéias ou não tem riquezas, ao envelhecer, ficar decrépito, perder milhões de neurônios, perder a saúde, perder a juventude, ficar obsoleto, perder algo muito querido, se arrepender do que fez ou deixou de fazer, ser pressionado por agressivas doutrinas religio$as, ou se conscientizar de que a morte é uma etapa inevitável da vida biológica… Se voltaria para algum suposto Deus.

    • kid redman:

      Wesly, meu caro, tenho 59 ! Tenho grana, bom carro, boa casa, não perdi porra nenhuma nessa vida que fosse importante tirando meus “velhos” ,claro. Não preciso disputar mulher com ninguém pois tenho a minha, que ainda amo, por sinal. Não preciso nem mais trabalhar, pois cheguei ao ponto de viver de renda, por mim mesmo, nada de INSS. Tenho um milhão de amigos, ainda faço surfe, mergulho no verão na Bahia, sou feliz e acho a vida bela.
      E, mesmo assim, acredito em Deus. Deus para mim não é uma muleta, como um dia vai ser para vc, pois um dia vc perceberá que vai passar dessa pra uma melhor, sim. Vai deixar de ser “elite” biológica (que grande merda !) tão preocupada em manter a aparência e de alguma forma subir na vida, cheio de pressões desgastantes e num mundo cada vez pior e mais competitivo, poluído, numa civilização fadada ao fracasso pela ganancia e total falta de valores morais, que me dá até pena o seu ateísmo atual.
      Abre o olho, véio ! A vida é pra profissionais e o buraco bem mais em baixo. Existe um Governo cósmico por trás do aparente caos. Tente andar no caminho da luz, vai ser melhor pra vc. Desejo que a sabedoria divina invada o seu ser e vc possa ser feliz a vida toda e se realize como ser humano.
      Somos todos filhos da mesma estrela. Boa sorte, irmão.

Deixe seu comentário!