Aquecimento global 250 milhões de anos atrás causou “inferno na terra”

Por , em 21.11.2011

O maior estudo já feito da extinção em massa que ocorreu na Terra no período Permiano-Triássico concluiu que o evento foi provavelmente causado por emissões catastróficas de gases do “efeito estufa”.

Ou seja, naquela época, enormes quantidades de dióxido de carbono e/ou de metano, a partir da maior erupção vulcânica da história, criaram altas temperaturas, provocando incêndios que destruíram florestas e tornaram terras férteis em desertos.
Enquanto isso, os ambientes marinhos rasos foram drenados de oxigênio.

O cataclismo matou 95% da vida marinha e 70% de toda a vida na terra. Na época do desastre, a vida estava apenas começando a ganhar impulso no planeta. Vertebrados de quatro membros estavam começando a se diversificar em grupos que incluíam anfíbios, répteis e ancestrais primitivos dos mamíferos.

A nova pesquisa se baseou em uma variedade de técnicas de datação e análise de rochas sedimentares na China e no Tibet. O estudo aponta o evento de extinção para 252,28 milhões de anos atrás.

Os cientistas acreditam que ele foi provocado por uma erupção massiva das Armadilhas da Sibéria, um sistema de vulcões no que hoje é a Rússia.

Todo o evento durou menos de 200.000 anos, com a maioria das espécies se extinguindo em um período de 20.000 anos.

Os pesquisadores disseram que o momento e o ritmo da extinção em massa indicam que ambos os ecossistemas terrestres e marinhos se colapsaram “de repente”. O rápido aquecimento global teria causado “aridez continental” e “incêndios florestais generalizados”.

Os cientistas adicionam que não estão discutindo a mudança climática moderna, mas que obviamente o aquecimento global é uma preocupação da biodiversidade hoje. “O registro geológico nos diz que ‘mudanças’ acontecem no clima o tempo todo, e deste evento de grande extinção, a vida conseguiu se recuperar”, afirmam.[Telegraph]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

12 comentários

  • José Oliveira Ribas:

    Não precisamos se preocuparmos em proteger o planeta ele se recupera sempre, mas os seres humanos não conseguem.

  • Incrédulo:

    A elevação devido a presença humana atual é notório e não há como duvidar. O problema é que nosso impacto perto dos outros eventos de extinção em massa são de ordens muito diferentes. A preocupação não é que essa elevação causada pela nossa presença será um desastre monstruoso. Longe disso. O problema é que podemos evitá-lo, diferentemente de um evento natural. Para que aumentar o custo de vida com um meio de vida consumista irresponsável. O que se prega é responsabilidade para evitar custos muito maiores. Só isso.

  • Danilo Morães:

    Tem gente que tem a coragem de pegar uma cidade isolada e comparar as temperaturas. Puts =/
    Alezandre, me fala um pouco sobre as geleiras que estão se partindo, os montes que estão derretendo e virando picos de terra. Me fala sobre as mudança de temperatura medidas hoje e as calculadas a milênios atrás.
    Vai mesmo querer comparar a temperatura da sua cidade? =S
    Tu não vê corais não, né? Ah sim, entendi. Tu é daquela espécie de cético “muito inteligente” que não estuda, mas tem opinião formada. Legal 😉

  • Alexandre:

    Alguem deve estar lucrando com esse assunto de aquecimento global, pelo menos aqui no Rio Grande do Sul isso não existe, onde ja se viu no auge da primavera amanhecer com 14°C? E o inverno em Porto Alegre bater recordes de frio? Enfim, como diz padre Quevedo, “ISSO NO ECZISTE”.

    • CASTOR:

      boto fé … essa parada de cada vez mais quente não ta rolando

      a destruição da natureza me preucupa muito mais
      deveria rolar outra revolução industrial por conta da natureza e da poluição que a destroi
      agora esse assunto de que a terra esta esquentando é papo furado

  • Nik:

    Nessa altura do campeonato nem quero mais saber a verdadeira causa do aquecimento global (se é o homem ou a natureza), só quero saber como sobreviveremos a isso!

  • Felipe:

    Aquecimento global (as causas) como alguns descrevem hoje é um mito!

    Antes de me darem “negativo” pelo meu comentário, leiam artigos em inglês que não sejam do Al Gore.

  • 3dx:

    our own universe was hot and densy and a four billion years ago the expansion started grow it.
    assistam THE BIG BANG THEORY

    • Kalel:

      O certo é “our whole universe was in a hot dense state, then nearly fourteen billion years ago expansion started”.

  • Glauco:

    A 250mi de anos atrás, geologicamente falando a Terra já estava pronta. Para tantos vulcões entrarem em erupção e causarem problemas no mundo todo, alguma coisa externa deve ter entrado em jogo. A Terra não produz tanta energia sozinha. Mas sobre isso eles não falam…

    • Incrédulo:

      Esse processo levou 200.000 anos. Dessa forma tanto o Sol quanto os processos internos (sub e sobre superfície) foram completamente capazes de elevar a temperatura do planeta a níveis muito altos.

      Nenhum evento “externo” seria necessário para explicar o evento.

    • Ezio José:

      Pressumidamente não foi feito um “recall” antes de surgirem os primeiros problemas de aquecimento.

Deixe seu comentário!