Cigarro pode causar Morte Súbita Infantil, cientistas descobriram a causa

Por , em 4.06.2009

Cientistas já sabiam que bebês expostos a fumaça de cigarro ainda no útero tinham maiores chances de sofrer da Síndrome de Morte Súbita Infantil (SMSI), depois do nascimento. Desde 1983, a taxa de morte por SMSI diminuiu 50%, mas 2500 mortes ainda ocorrem todo ano nos Estados Unidos, causadas pela misteriosa síndrome.

Cientistas acreditam que descobriram a causa da SMSI: um estudo com ratos sugere que a fumaça atrapalha o sistema de luta ou fuga do bebê. A reação de luta ou fuga (do inglês fight or flight) é um sistema de ação do corpo humano em situações de perigo ou stress.

Quando um bebê está dormindo e não consegue oxigenação suficiente ou passa por uma situação estressante para o corpo, as células cromafins do corpo devem liberar adrenalina e outros estimulantes da reação de luta ou fuga, fazendo com que o bebê acorde e fique com o corpo alerta.

O estudo mostrou que em ratos recém nascidos que foram expostos à nicotina ainda no útero, este sistema é enfraquecido. Ratos têm organismos análogos aos humanos, mas ainda é necessário realizar pesquisas mais aprofundadas para confirmar se o mesmo acontece com pessoas. [Live Science]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

Deixe seu comentário!