Como engravidar já: 5 dicas para ter seu bebê

Por , em 22.03.2014

Saber como engravidar não é a tarefa mais simples para uma mulher. Todas acreditam que ter um filho pode ser uma das experiências mais felizes da vida de alguém mas, para alguns casais, esse sonho parece nunca se realizar. Quando as tentativas frustradas se acumulam em níveis preocupantes, você não precisa perder a esperança. Há uma série de formas de aumentar as chances.

Confira como engravidar:

1. Entenda seu ciclo

É importante conhecer seu ciclo menstrual para saber o melhor momento para tentar engravidar. O ciclo menstrual médio varia entre 21 e 35 dias, e a quantidade de tempo entre a menstruação e a ovulação também varia para cada mulher.

Após a ovulação, a menstruação normalmente chega dentro de 14 a 16 dias. É essencial saber seu período de ovulação, pois é nele que ocorre a gravidez. O período de maior fertilidade é durante a ovulação e entre 12 a 24 horas depois.

2. Temperatura corporal basal

A temperatura corporal basal (TCB) é a sua temperatura no momento em que você acorda. Durante a ovulação, a TCB das mulheres sobe ligeiramente. Se uma mulher medir sua temperatura todas as manhãs ao longo de vários meses, vai conseguir entender seu padrão de ovulação e saber quando é mais fértil.

A TCB varia de mulher pra mulher, por isso não há um padrão geral. A média da TCB normal para mulheres fica entre 35,5 e 36,6 graus Celsius, e, durante a ovulação, costuma ser de 36,1 a 37,2 graus.

Como a variação de temperatura é sutil, recomenda-se que a mulher utilize um termômetro sensível. A maioria das mulheres ovula dentro de três dias após o pico de temperatura. É importante lembrar que a TCB pode ser afetada pelo consumo de álcool, cigarros, sono insuficiente, febre ou frio, portanto não se esqueça de levar esses aspectos em consideração.

3. Tabelinha

As mulheres também podem descobrir seu período fértil pelo método da tabelinha. O primeiro dia da menstruação deve ser marcado como o dia 1. Considerando um ciclo menstrual com duração de 28 dias, o 14º dia marcado será o mais fértil – a margem deve ser de pelo menos três dias.

Para um resultado mais preciso, a mulher deve fazer uma tabela com o calendário do ciclo menstrual por cerca de 8 a 12 meses. Depois de marcar todos os dias no calendário (sendo o primeiro dia da menstruação sempre o número 1), subtraia 18 dias do ciclo mais curto, e 11 dias do ciclo mais longo.

Supondo que o ciclo mais curto de uma mulher seja de 26 dias, e o mais longo dure 33, os resultados serão 8 (26 – 18 = 8) e 22 (33 – 11 = 22). Nesse caso, o período mais fértil da mulher seria a partir do 8º dia até o 22º dia do ciclo.

4. Método de ovulação Billings

Com este método, a mulher pode descobrir seu período fértil a partir do muco cervical. Os hormônios que controlam o ciclo menstrual afetam o tipo e a quantidade de muco durante o mês.

Pouco antes da ovulação, a quantidade de muco é maior. Durante a ovulação, o muco é mais claro e escorregadio, e depois de quatro dias, torna-se mais escuro e aparece em menor quantidade. Portanto, a mulher é mais fértil quando há mais muco.

5. Dieta da fertilidade

Não é necessário fazer uma dieta para engravidar, mas alguns alimentos podem aumentar as chances de concepção. Alguns nutrientes podem ajudar o corpo a se preparar para a gravidez, enquanto outros diminuem a possibilidade de ter um bebê.

Não é comprovado que a cafeína afeta a capacidade de uma mulher engravidar, mas ainda assim ela deve ser consumida com moderação. Estudos indicam que a cafeína pode bloquear a capacidade do organismo de absorver ferro e cálcio, que são nutrientes fundamentais para mulheres grávidas.

Carboidratos processados devem ser evitados, pois muitos nutrientes essenciais são extraídos do grão, incluindo antioxidantes, vitaminas do complexo B e ferro – todos essenciais para aumentar a fertilidade. Cereais integrais podem ajudar o corpo a se preparar para a gravidez, pois têm muito mais nutrientes do que carboidratos processados. Invista em pães integrais e grãos alternativos, como arroz selvagem e quinoa.

Consumir frutas e legumes frescos também pode aumentar as chances de gravidez. Os fitoquímicos e antioxidantes desses alimentos acabam com os radicais livres que podem danificar óvulos e órgãos reprodutivos, além de diminuir o esperma. E a quantidade de espermatozoides de um homem definitivamente afeta as chances de gravidez. Para manter um número ideal de esperma, os homens devem ter um peso saudável, evitar fumar ou ingerir álcool. [LiveScience/ABC da Saúde/Wikipedia]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 3,00 de 5)

2 comentários

  • franobre:

    Meu comentário é cavernoso, mas, como pai de dois filhos, fico pensando para que esses calculos e tabelinhas? Para se marcar o dia e hora em que se deve fazer sexo? Estranho! Um casal que se sente atraído e que esteja em perfeita saúde, não precisa disso de forma alguma. Basta manter relações sexuais todos os dias. Qual o problema? Se durante meses e meses, um casal transa todos os dias e, mesmo assim não engravidar, é porque um dos dois (ou ambos) tem problemas mais sérios. Simples assim!

    • Cesar Grossmann:

      Talvez não seja tão simples assim.

      A mulher fica fértil em um período limitado, o esperma só fica vivo no corpo da mulher por um determinado período, só aí você já tem uma “janela” em que a fertilização pode acontecer. E considere que tem que ter uma contagem mínima de esperma…

      Tem mulher que engravida só de “sentir o cheiro da cueca”, mas tem os casais em que isto não acontece tão facilmente, mesmo com os dois sendo saudáveis.

Deixe seu comentário!