Crianças na África do Sul imunes ao HIV podem ser a resposta para a cura da AIDS

Por , em 4.12.2016

Será que existe uma defesa natural contra o vírus da AIDS? Segundo os cientistas, a resposta é sim. Porém, essa proteção havia sido observada somente em outras espécies de primatas fora a nossa, que passaram milhares de anos desenvolvendo uma espécie de “imunidade” através da seleção natural. Até agora.

Homem britânico pode ser a primeira pessoa curada do HIV

Porque, incrivelmente, a mesma coisa parece estar acontecendo em um grupo especial de seres humanos: as nossas crianças. Pesquisadores testaram 170 amostras de sangue de crianças da África do Sul, todas elas HIVs positivas. O vírus, porém, não se desenvolveu para a AIDS em nenhuma delas. Na verdade, seus sistemas imunes estavam relativamente saudáveis.
Nova pílula para prevenir Aids pode ser 100% eficaz

“Estes são os primeiríssimos sinais de coevolução do HIV em humanos”, afirmam os pesquisadores Ann Chahroudi e Guido Silvestri, da Universidade Emory, nos EUA.

Mas como isso pode sequer ser possível? Os pesquisadores ainda estão tentando identificar o mecanismo, mas aparentemente o sistema imunológico das crianças está ignorando o vírus completamente, algo sem precedentes. Normalmente, os sistemas imunológicos atacam o HIV de forma violenta, o que pode deixar as defesas do corpo extenuadas, enfraquecendo-as e deixando com que o vírus se estabeleça.

Descoberto anticorpo que neutraliza 98% das cepas de HIV

Esta nova descoberta, entretanto, pode revolucionar como os pesquisadores encaram os tratamentos contra a AIDS. “Uma das coisas que este estudo mostra é que a AIDS não tem tanto a ver com o vírus HIV, mas com a resposta do nosso sistema imunológico a ele”, diz Philipp Goulder, da Universidade de Oxford, na Inglaterra. [Business Insider]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (7 votos, média: 4,71 de 5)

2 comentários

  • eber:

    Agora o povo africano é “as nossas crianças” ou seria um laboratório de pesquisa para os países ricos?

    • Willian Lima:

      Então os “países ricos” deveriam parar de tentar desenvolver uma cura pra AIDS? Essa descoberta deve ser ignorada?

Deixe seu comentário!