Empresa reinventa a roda e transforma bicicletas comuns em híbridas

Por , em 23.10.2013

A bicicleta está se tornando cada vez mais um meio de transporte comum entre a população que busca fugir do trânsito e ter um estilo de vida mais saudável. Para incentivar seu uso, governos vêm implantando ciclofaixas, a fim de dar mais segurança e comodidade aos ciclistas.

Agora, para os amantes da bicicleta, a nova invenção é a chamada “Roda de Copenhagen”, projeto do Instituto de Tecnologia de Massachusetts. A empresa Superpedestrian, de Boston (EUA), recebeu US$ 2,1 milhões (cerca de R$ 4 mi) em financiamento para ajudar a construir uma roda que transforma algumas bicicletas padrão em híbridas.

Trata-se de uma bicicleta com um motor, que facilita as pedaladas. “A maioria das cidades são construídas em torno de topografias que exigem transporte motorizado. Para caminhar e andar de bicicleta fica muito difícil”, afirma Assaf Biderman, fundador do Superpedestrian.

A Roda de Copenhagen substitui a roda traseira de uma bicicleta, e possui um motor alimentado por uma bateria interna e inteligente, que com sensores e aplicativos mede o esforço feito pelo ciclista para oferecer um impulso adicional. “Pedalando em uma superfície plana ou até em uma subida, o condutor vai se sentir exatamente o mesmo”, disse Biderman.

A bateria não precisa ser carregada todas as noites, pois o motor também funciona como um gerador. A empresa afirmou ainda que a roda deve encaixar na maioria das bicicletas normais e poderá ser comercializada a partir do próximo ano (os pedidos podem ser feitos a partir de novembro). [The New York Times]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

6 comentários

  • Nuno Domingues:

    Legal e pode ter uma implicação interessante; a aposentadoria do câmbio mecânico tradicional e a substituição por um câmbio continuamente variável inteligente!

  • lorenzo:

    comprem uma bicicleta de 21 marchas que da pra subir até uma parede sem fazer mt esforço kkkkkk

  • Lucas Noetzold:

    o pessoal ja anda sedentário assim

  • engvictorh_10:

    É assim que se começa, um motorzinho para ajudar na pedalada aqui, ali; vai melhorando o motor aqui, ali.. e quando se ver, já estaremos novamente com uma 300, 600RR, R1.

    • Miguel Porto:

      Apesar de ter curtido a idéia, eu admito que pensei a mesma coisa que você XD

  • Luis Carlos:

    isso sim é bem legal

Deixe seu comentário!