Arquiteto desenha casa de contêineres incríveis, e o interior é tão bom quanto o exterior

Por , em 4.10.2017

Viver em um monte de contêineres no meio do deserto não soa como algo muito legal e confortável, não é mesmo?

Exceto que é, se estivermos falando da impressionante criação do designer londrino James Whitaker.

“Sabe o que ficaria legal aqui?”

No início deste ano, Whitaker esteve na casa de um cliente em Los Angeles, nos EUA, enquanto este mesmo cliente recebia a visita de alguns amigos.

Com tempo de sobra, o grupo decidiu fazer uma pequena viagem para conhecer o seu terreno na zona desértica do Parque Nacional Joshua Tree.

Uma das amigas do cliente presentes no passeio sugeriu que uma obra de Whitaker, um escritório que ele havia projetado vários anos atrás, mas que nunca tinha sido construído, ficaria muito legal naquele terreno.

A próxima vez que o cliente foi para Londres, ele entrou em contato com o designer. Como resultado, a obra vai finalmente sair do papel.

The Joshua Tree Residence

A casa de 200 metros quadrados inclui uma cozinha, uma sala de estar e três quartos com banheiro.

A construção é feita de vários contêineres de transporte, ligados e configurados em ângulos diferentes, criando a ilusão de uma flor que prospera no deserto, ou uma estrutura vinda de outro mundo inteiramente.

A obra tinha sido pensada inicialmente para um produtor de filmes com uma paixão por projetos criativos.

Agora, a chamada “The Joshua Tree Residence” será erguida em um terreno de 90 acres na Califórnia, e a construção está prevista para começar no próximo ano.

Uma vez terminada, a residência, que será alimentada por energia solar a partir de painéis no telhado, oferecerá vistas deslumbrantes da paisagem desértica circundante a partir de suas muitas janelas e grande deck de madeira. Incrível, não? [BoredPanda]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (9 votos, média: 5,00 de 5)

1 comentário

  • Roberto Monteiro:

    90 acres = 36,4 hectares (ha) = 364.200 m quadrados. Para se ter uma ideia do real tamanho, em medidas que todos entendam. No RS usamos ha.

Deixe seu comentário!