Estudo: este exercício melhora o funcionamento do cérebro e previne demência

Por , em 31.10.2016

Fazer levantamento de peso frequentemente pode fazer o cérebro trabalhar melhor e prevenir a demência, conclui nova pesquisa conduzida por pesquisadores australianos. Este estudo é uma ótima notícia para prevenir a doença, já que atualmente a estimativa global é que 135 milhões de pessoas desenvolvam demência até 2050.

O estudo, publicado na revista Journal of American Geriatrics Society, acompanhou 100 pessoas com idades entre 55 e 86 anos com Comprometimento Cognitivo Leve (CCL) que passaram a fazer musculação seguindo orientação dos cientistas. O CCL é considerado um precursor do desenvolvimento do Alzheimer e outras formas de demência.

Viuvez aumenta as chances de demência

Em 2014, o mesmo grupo de pesquisadores publicou um artigo descrevendo como as habilidades cognitivas melhoram com o levantamento de peso. Os benefícios duraram por até 12 meses depois que o estudo foi concluído.

“O que observamos neste estudo de acompanhamento foi que a melhora na função cognitiva estava relacionada com o ganho de musculatura e força. Quanto mais forte a pessoa se tornou, melhor o cérebro ficou”, diz o pesquisador principal. Dr. Yorgi Mavros, da Universidade de Sidney (Austrália).

Qual é a diferença entre Alzheimer e demência?

2x por semana, com regra dos 80%

Por um período de seis meses, os participantes do estudo se exercitaram com pesos duas vezes por semana, usando equipamentos com apenas 80% do peso máximo que podiam levantar. Conforme ficavam mais fortes, os pesos iam aumentando, mas sempre respeitando a regra dos 80%.

Exames de ressonância magnética do cérebro dos participantes mostraram que algumas áreas do órgão cresceram com o passar do tempo. Apesar de estudos futuros serem necessários para avaliar e a mesma mudança acontece em todas as idades, Dr. Mavros já ficou tão satisfeito com os resultados positivos que publicou uma recomendação para todos:

“Quanto mais pudermos incentivar as pessoas a praticarem treinos de resistência como levantamento de pesos, mais chances teremos de ter uma população envelhecendo com saúde. O segredo, porém, é se certificar que a atividade seja praticada pelo menos duas vezes por semana e com intensidade suficiente para maximizar os ganhos de força. Isso traz o maior benefício para o cérebro”, diz ele. [Big Think]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (11 votos, média: 4,55 de 5)

Deixe seu comentário!