Guarda-chuva samurai causa confusão com a polícia nos EUA

Por , em 18.08.2010

Você lembra que, em nossa lista de sugestões para presentes de dia dos pais, nós listamos um guarda-chuva que parecia uma espada samurai? Pois bem, se você realmente comprou o presente para seu velho, pode querer trocá-lo por outra coisa.

Um universitário inocente, que estava usando seu guarda-chuva samurai nas costas, se prevenindo de uma iminente tempestade na cidade de Atlanta (nos EUA), foi denunciado à polícia local por porte de armas.

Ele ganhou o guarda-chuva de sua namorada, que estuda e habita no mesmo campus que ele, na Universidade Georgia. Segundo a garota, o rapaz chegou no seu quarto usando o guarda-chuva preso nas costas para ajudá-la a limpar o dormitório. Eles perceberam que havia alguns carros de polícia no local, mas não deram muita atenção ao fato.

O namorado foi embora e deixou o guarda-chuva no quarto da namorada. Momentos depois, ela recebeu uma ligação a aconselhando a deixar o dormitório porque os policiais estavam dizendo que o local era perigoso. Quando estava saindo do prédio, foi interpelada por um policial, que descreveu seu namorado para ela e perguntou se o sujeito estava armado.

Pediram para que ela ligasse para o namorado e para que ele trouxesse a “arma”. Quando ele abriu sua “espada”, os policiais decidiram que o trabalho por lá estava terminado – quando a equipe da SWAT de Atlanta estava na Universidade, armada com rifles.

Então, leitor, pense duas vezes antes de comprar o seu guarda-chuva samurai, se você não está atrás de encrenca. [Gizmodo]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

18 comentários

  • websuffer:

    É, isso nos mostra como os americanos vivem sob o medo.

  • Rodrigo Paim:

    kkkkkkkkkkkkkkkkk

    Por que isso só os jovens na Dinamarca, que tiverem a casa cercada pela elite da polícia porque os vizinhos acharam que estava tendo um intenso tiroteio de madrugada, quando na verdade era só o jogo alto demais http://www.guiadopc.com.br/games/7907/swat-prende-gamers-barulhentos.html

    Esse tipo de coisa acontece

  • Marcos:

    Olá a todos !
    O problema não é o guarda-chuva em si mas os fofoqueiros que sempre estão de olho no que as pessoas fazem …
    Mak, muito boa sua observação !
    🙂
    Abraços

    • Fernando Ramos:

      Já reparou que se você vir algo do género e não alertar as autoridades e se de facto a pessoa transportar uma arma real, que essa arma pode ser usado logo a seguir para matar alguém?
      Como se sentiria se soubesse que podia ter evitado a morte de alguém se não fosse tão negligente?
      As autoridades servem para isso. Para manter a segurança e nós, como cidadãos, temos a obrigação de colaborar na NOSSA segurança. Pode ser que esta atitude por parte de outras pessoas seja a diferença entre a vida e a nossa morte.

      Fizeram bem em denunciar.
      Eu à partida, e por saber que poderia trazer confusão, não usaria tal coisa na rua. A não ser que quisesse provocar as autoridades. Que foi o que aconteceu.

    • Bovidino:

      Seus argumentos até fazem sentido para determinadas situações.
      Todavia, é muita ingenuidade achar que nessa circunstância poderíamos evitar alguma coisa. É evidente que se alguém quizer praticar um crime, não vai andar exibindo a sua arma, ainda mais pendurada nas costas. Os criminosos geralmente são cuidadosos e seus crimes são inesperados. E se vamos desconfiar de tudo e de todos nos tornamos neuróticos.

  • Rogerio:

    COM CERTEZA não queria estar na pele deste rapaz!!!!

    CONCERTEZA é algum tipo de arma que mata a língua

    portuguesa, cortando em rodelas , é claro…

  • Farofa:

    http://www.thinkgeek.com/geektoys/japanfan/b625/
    se alguem quiser comprar um, mais o mais legal desse site é o guarda-chuva lighsaber (sabre de luz de Star Wars)
    procure por umbrela, que voce acha (é o primeiro)

  • ivone:

    E quando o policial pensa que uma furadeira é uma metralhadora e atira no cidadão que está trabalhando com a mesma no telhado de sua residência? Rio de Janeiro – BRASIL.

    • Fernando Ramos:

      Azardo trabalhador. Burrice do policia. Esse policia merecia ser despedido.

  • katia:

    É, quando eu vi aquele guarda chuva, achei meio sinistro e pensei: Nunca comporaria uma coisa assim.Mas não pensei que podesse causar tanto transtorno.kkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Um abraço aos meus amigos comentaristas.

  • gargwlas:

    mas convenhamos.. com paranoia.. sem paranoia.. uma espada samurai naum nem de perto uma ameaça quanto uma pistola com 15 tiros…… e diga-se de passagem que a compra de armas por la é liberada

    • Fernando Ramos:

      Não é ameaça para quem tem a arma de 15 tiros.
      Mas é uma ameaça para quem passeia na rua despreocupadamente e de repente se vê atacado por um louco.

  • Rafael:

    Daqui a pouco vai surgir um artigo “Cinto de cerveja causa confusão”, sobre como um rapaz “armado” de cervejas foi confundido com um homem-bomba.

    :/

  • Hugo:

    concerteza não queria estar na pele deste rapaz!!!!

  • Jorge:

    Desde o Onze de Setembro eles estão com o pensamento no “nunca se sabe”. Por isso se tornaram tão paranoicos.

  • Fhillipe:

    Nossa, isso tudo por causa de um guarda-chuva? Tudo bem que o combate ao crime deve ser eficiente, mas a inteligência e o bom senso também são necessário… :S

    • Fernando Ramos:

      O como saber que se tratava de um guarda chuva sem ser chegando ao individuo para confirmar?
      A melhor forma é agir de forma segura para esclarecer a situação.

  • Mak:

    Americano é paranóico mesmo. Aqui no Brasil, o carinha pode andar com uzi, pistola, etc, e ninguém denuncia.

Deixe seu comentário!