Jacarés deixam o focinho congelar para fora da água para não morrerem sufocados

Por , em 11.01.2018

Ciclone bomba é um fenômeno natural em que uma tormenta aumenta significativamente em 24 horas devido a uma forte baixa da pressão atmosférica. Um desses eventos atingiu o leste dos Estados Unidos entre a última semana de 2017 e primeira semana de 2018, e as temperaturas chegaram a -10 °C em vários estados.

Jacaré-do-pantanal parece sorrir ao ser clicado com coroa de borboletas

Nestas condições, a água de rios e lagoas congelou, e os jacarés que habitam a região tiveram que mudar de estratégia de sobrevivência. Normalmente durante os meses de frio, os répteis ficam dormindo no fundo da água e emergem uma vez ao dia para respirar. Com a superfície da água congelada, porém, passar o dia no fundo poderia significar a asfixia dos animais. Para evitar isto, eles se colocam em uma posição extremamente desconfortável: ficam com o focinho para fora da água e esperam que ela congele lentamente ao redor deles.

O resultado é impressionante. A superfície da água congelada é interrompida por protuberâncias que lembram pedras ou folhas, mas que na verdade se tratam de focinhos de jacaré. [Science Alert, Swamp Park]

Vídeo: rugidos de jacarés precedidos de infrassons fazem a água “ferver”

Confira abaixo o vídeo completo:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (20 votos, média: 4,80 de 5)

Deixe seu comentário!