Nascidos prematuros podem ter menor capacidade mental

Por , em 7.12.2011

Uma pesquisa da Universidade de Helsinki, na Finlândia, investigou até que ponto existe relação entre o nascimento prematuro, sob condições adversas, e as faculdades mentais já no início da vida adulta. E foi descoberto que nascer antes do tempo, embora não cause sérias deficiências cerebrais, tende a reduzir a capacidade mental das pessoas.

Para o teste, foram recrutados 208 jovens adultos finlandeses, metade dos quais haviam nascido com muito pouco peso (menos de 1,5 kg), mas se recuperaram e sobreviveram. A partir de alguns experimentos, no entanto, constataram que os prematuros apresentaram menores índices de atenção, memória, além de um menor QI, de maneira geral.

Nos Estados Unidos e na Europa, está em teste um novo tipo de educação suplementar para pessoas que apresentam dificuldades cognitivas. Este método, chamado de “educação remedial”, é concebido para ser aplicado depois do Ensino Médio, e era essa a faixa etária dos participantes da pesquisa.

A ideia da educação remedial, segundo os pesquisadores, seria amenizar uma diferença que se cria naturalmente entre os prematuros e os nascidos no tempo certo, embora essa “desvantagem” nem sempre seja tão grande assim.

A equipe que conduziu o teste recomenda, além disso, que os pais de bebês nascidos com baixo peso procurem especialistas, que possam ajudar a estimular o cérebro dos filhos, ainda na primeira infância. [Reuters]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

12 comentários

  • Lou Lcjbes:

    Minha filha nasceu com 5 meses e meio ,hoje está com 15 anos e uma das melhores alunas do colégio!!! e aí cientistas????

    • Marcelo Ribeiro:

      Leu a parte do título onde está escrito “podem”?

  • Euzinho:

    Não precisam se sentir ofendidos por uma estatística gente…

    Isso é uma estatística, representa uma média geral, se vocês analisarem várias estatísticas vão descobrir fatos estranhos mesmo.

    Homens por exemplo apresentam maior taxa de QIs extremamente altos (mas também maior taxa de QIs extremamente baixos) do que mulheres.
    Agnósticos e ateus tem em média mais instrução que pessoas muito religiosas.
    Pessoas obesas tendem a ter menor grau de escolaridade também.

    Mas na ciência costumamos dizer que correlação não indica causa.

    E casos individuais não contrariam estatísticas, que são análises de médias.

    O Brasileiro comum adora samba e futebol, mas cá estou eu que não gosto de nem um nem outro, mas não torno a média estatística inválida.

  • Isabela:

    Eu já ouvir falar que bebês nascidos com 7 meses são inteligentes e os que nascem de 8 são mais “burros”.Eu só não tenho certeza disso…

    • gloria:

      Isabela é mentira , tenho uma filha q nasceu de 8 meses, é a pessoa mais inteligente q conheço, somos pobres, ela sempre estudou em escolas públicas do estado, faltava muito por causa da Simdrome de Cronh, um mal q ela nasceu , houve ano q ela passou por decreto, por ñ poder fazer as provas pois estava internada , passou na Unicamp sem Enem, na primeira chamada, fez o bacharelado c\ louvor, mesmo doente ,e morando em outra cidade q ñ é Campinas . Fez mestrado c\ bolsa da Caps, terminou c\ louvor fez doutorado c\ bolsa da Fapesp, ganhou bolsa do governo p\ estudar na Itália , morou um ano em Florença ,eu mandava os medicamentos dela de avião, terminou o doutorado, agora trabalha como tradutora p\ grandes firmas p\ grandes negócios , é professora de Ingles, sabe 8 idiomas. Continua tomando medicamentos caríssimos pagos pela prefeitura , sua saúde deixa a desejar ,mas sua inteligencia é muito acima da média . Ela é o xodó de seu orientador na Unicamp devido sua inteligencia e suas responsabilidades c\ os estudos. Já pensou então se ela fosse de nove messes?

    • helida:

      voce e uma otima mae para ela Gloria

  • monica:

    Isso não tem nada a ver. Nasci de 7 meses e meio, tenho baixo peso e sou pequena,mais sou exelente nas notas, e sou a melhor da turma, uma das melhores da escola, e olha que estou na 8 serie… Sempre fui boa. E mais, eu estou adiantada. 13 anos na oitava serie,quando se na verdade, o certo é 14 anos na ooitava. Acho q isso nao tem nda a ver,

    • Rodrigo M. Traverso:

      Estou exatamente na mesma posição que você. Ótimo aluno, sempre melhores notas, um ano adiantado na escola (13 anos no 9º ano do ensino fundamental (antiga quinta série)) e sou prematuro. Nasci com 8 meses. Acho que depende da pessoa. Se ela se esforçar e/ou tiver uma boa educação ou até boa influencia de pessoas ao seu redor não importará seu tamanho ou tempo de gestação de sua mãe pois ela conseguirá atingir todos os seus objetivos.

    • Rodrigo M. Traverso:

      Desculpem antiga oitava série.

  • Susi Orloski:

    Minha irmã nasceu com trinta e dois cm e um quilo e duzentos, sempre foi muito bem nos estudos se formou em uma das melhores faculdades do Brasil, hoje após fazer doutorado na alemanha foi trabalhar na França, isso é muito vago pra mim que tenho um exemplo contrário tão perto…

  • wm:

    Então, quem influencia mais no desenvolvimento mental, o baixo peso ao nascer ou a prematuridade? O estudo parece não explicar.

    • Renata:

      Nasci prematura e não me sinto prejudicada….Acho que são Casos e casos! E WM, o estudo explica que é por causa do baixo peso….

Deixe seu comentário!