Natal: dar mais presentes nem sempre é o melhor

Por , em 24.12.2011

Quando for comprar os presentes de Natal para seus amigos e familiares, lembre-se que presentear uma única pessoa com vários itens nem sempre é a melhor opção. Um novo estudo da Universidade de Michigan e da Universidade de Princeton mostra que, ao dar um presente caro juntamente com uma surpresa extra mais barata, o presente principal diminui de valor aos olhos do destinatário.

Digamos que você queira dar um lindo e caro vestido para alguém e acrescente um brinco de dez reais. Embora possa parecer que essa adição deixe o presente mais interessante, dar apenas o vestido pode ser a melhor escolha.

Isso porque as pessoas normalmente percebem o item caro sozinho como um ato mais generoso do que a combinação do item caro com o mais barato. Por isso, pense bem antes de dar seu presente de Natal legal junto com várias bugigangas… [LiveScience]

Último vídeo do nosso canal: A Terra não orbita exatamente o sol mas um ponto virtual no espao

21 comentários

  • luana:

    sinceramente gente,ninguém precisa fazer uma pesquisa pra saber isso.
    isso é mais do que natural qualquer um que tenha um pouco de noção sabe disso
    rsrsrrs

  • Eu:

    E é necessário fazer uma pesquisa sobre isso? :O

  • Angélica M.:

    Interessante, pena que o Natal passou e só li isso hoje… Fiz exatamente isso, um belo presente com uma lembrancinha mais barata junto.
    Hehehe

  • PASTOR MARCELO:

    NÃO SE ESQUEÇAM DO VERDADEIRO SENTIDO DO NATAL:
    JESUS CRISTO NOSSO SALVADOR.

    • Ezio José:

      É! Pastor… As Igrejas Evangélicas deveriam criar outra data para comemorar o Natal. Esse 25 de dezembro foi instituido pela Igreja de Roma e é cheio de misticismo, coisa que os evangélicos “abominam”. Nas Protestante (evenagélicas – pregando o VT) vale fitinhas, fogueiras santas, pombinhas, anéis, água do jordão da torneira do pastor e etc, mas ícones adotados pela Igreja que Pedro criou, não…

  • Ezio José:

    Criamos um estigma na sociedade que torna-se uma obrigatoriedade presentear no Natal em virtude do nascimento de Jesus e da figura dos três Reis Magos (Belchior, Melchior e Baltazar) na Manjedoura com a mirra, o ouro e o incenso. (Isto tem um significado mísitico bem diferente diante dos dógmas e do comércio da fé).
    Particularmente, não tenho uma data específica para presentear alguém. Faço isto quando acho que minha intuição está me guiando para tanto. De que adianta uma data única em 365 dias? Viver um estado crístico natalino por um dia fervoroso e depois cair fora dessas maravilhas?

  • VÉIO GAGÁ:

    é meus jovens isso é mais obvio que dormir de olhos fechados ,seria como vc dar um ATARI 2600 EM UMA CAIXA DE PLAYSTATION 3
    ta na cara que iria CHATEAR
    APROVEITANDO E DESEJANDO UM FELIZ NATAL A TODOS
    E QUE VENHA 2012!!!!

  • Ana Lourenço da Rosa:

    Todo presente é bem vindo! Entretanto, o curioso e até certo ponto misterioso é a forma como as pessoas esquecem ou preferem esquecer para poder se divertir sem culpa numa bela CEIA DE NATAL. Será que muros altos podem dimuniuir e separar a riqueza da pobreza? Mas, voltando à temática de dar presente para alguém, só vai perceper se errou ao dar mais de um presente para uma mesma pessoa se ela for do nível financeiro elevado, etc. Experimente encher um cesta transbordando de vários objetos de preços diferentes e dê a alguém que não tem nada – veja bem a reação verdadeira de alegria (…). É bom lembrar que o NATAL é o Aniversário de JESUS, isso ainda, em tempo… Ana Lourenço da Rosa/Tocantins/Brasil.

    • Ezio José:

      É! Jesus ganhou três presentes, um de cada Rei Mago.
      Baltazar, Belchior e Melchior cada um conforme o tamanho do bolso ou o sentido do presente?

  • ANILSON TADEU MARTINS:

    Boa informação, porem em pleno dia de natal , acho um pouco tardia !

    • Flor de Lis:

      Pior foi pra mim, amigo… que tava sem computador e sem net e só consegui ver isso hj. rsrs.

  • Ari:

    O importante não é o valor do presente recebido e nem a etiqueta e sim a intenção de quem deu pois dando com carinho e amor por menor que seja ja se torna uma preciosidade e isto vale na hora de retribuir também tudo depende da situação de cada um e se um é caro o outro é barato não importa porque depois de aberto se usa ou se guarda e o que ficou marcado mesmo foi a lembrança do momento.
    abraço

    • Ezio José:

      Atrás das intenções é que reserva o inusitado!

    • Flor de Lis:

      Verdade.

  • Roberto:

    A questão presentear ou ser presenteado é muito diversa: há quem goste de presentear e quem gosta de receber presentes,quem “SÓ” gosta de receber presentes, existem também pessoas que não gostam de presentearem ou de serem presenteadas por acharem que os presentes corrompem e também há quem goste da reciprocidade, eu particularmente gosto muito, estamos numa época propícia é tempo de integração!!! F E L I Z N A T A L P A R A T O D O S !!!

  • Comandante Millan:

    Gostei muito do comentário, uma bela observação.
    A lembrancinha anula o impacto pretendido com o presente principal.
    Deixe a lembrancinha para outro dia, se possível dias antes ou quem sabe nunca!!!

  • ANTONIO CELSO:

    Eu também acho que dar presentes é um assunto muitíssimo delicado.
    Além disso, presente para adultos é uma coisa e presentes para crianças, outra completamente diferente.
    Tenho visto crianças que infelizmente não merecem presente algum, senão alguns castigos e bem dados.
    Outras, já são obedientes e mais atenciosas, que merecem sim um presentinho de vez em quando.
    Mas que se trata de um tema extremamente delicado e complexo, não resta a menor dúvida.

  • MARCIA CAETANO:

    Respondendo ao sr marco, primeiro prefiro o presente e depois como complemento um gostoso abraço

    • Joao:

      Isso é porque você é futil!

  • gil manuel ribeiro filipe:

    Pode ser verdade ou não…

  • Marco:

    Um abraço com muito gosto naquela pessoa que vc mais gosta tem valor inestimavel ! o presente vem como um complemento !

Deixe seu comentário!