Novos aviões “orgânicos”: tecnologia amiga do ambiente

Por , em 20.06.2011

O futuro dos aviões será cultivado organicamente. O banco em que você estará sentado nos voos poderá ser feito de plantas, e o combustível produzido com óleo de sementes e até algas. Materiais não renováveis como plástico ou metal não estarão presentes nesses aviões do futuro.

Voar pode ser a solução para a escassez dos recursos naturais: viajando no céu, longe das estradas, o chão pode ser utilizado para a agricultura e para a preservação do meio-ambiente.

O avião orgânico é inspirador em um momento de grandes desafios enfrentados pela indústria da aviação, como a superlotação nos céus. A previsão é a de o tráfego aéreo cresça cinco vezes ao longo das próximas décadas.

Além disso, as companhias aéreas terão que atender uma clientela cada vez mais exigente, já que até 2050 a população deverá quase dobrar para mais de nove milhões de pessoas.

Pensando nos jovens, cientistas pretendem desenvolver uma nova maneira de voar, barata, eficiente e sustentável, claro. Aliando a tecnologia atual aos desejos de rapidez e segurança, a empresa Airbus deve lançar uma cabine semelhante a um carro voador, que ajudaria a escapar das ruas congestionadas das grandes cidades.

O carro voador seria composto de leves e fortes materiais, teto transparente e até inteligência artificial para se adaptar as necessidades do usuário.

A questão mais complexa até agora é o preço. Viajar para qualquer lugar no seu país e do mundo, de forma rápida e segura, parece possível com o avanço das tecnologias. Mas mesmo quando for lançado, o veículo voador ainda estará longe do poder aquisitivo da maior parte da população.[BCC]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

2 comentários

Deixe seu comentário!