Os grandes mistérios de Marte

Por , em 6.07.2011

Marte, o quarto planeta a partir do sol, recebe seu nome em homenagem ao deus romano da guerra (e graças à sua cor de sangue-ferrugem).

Do ponto de vista exploratório, o apelido é apropriado: Marte lutou contra a maioria dos nossos avanços científicos. Mais da metade das naves espaciais enviadas para estudar o planeta vermelho (que foram mais de 40) fracassaram, algumas se perderam no espaço, e outras desmoronaram na superfície do planeta.

Apesar disso, nossa curiosidade sobre Marte nunca diminuiu. Várias missões continuam insistindo no planeta dos potenciais marcianos (uma de uma nave chamada Curiosidade, inclusive).

Os cientistas esperam que essas novas missões ajudem a responder velhos mistérios desse mundo, que incluem:

Morada da vida?

Não há como falar sobre Marte sem levantar a questão da vida. Muitos cientistas consideram o planeta vermelho o lugar mais provável em nosso sistema solar em que a vida extraterrestre poderia ter se desenvolvido uma vez – ou mesmo ainda existe. O que todo mundo quer saber é: o planeta já abrigou vida?

Hoje, e na maior parte de sua história, Marte é um mundo frio, seco e desolado. Mas várias linhas de evidência apontam que o planeta já foi quente, úmido e muito mais parecido com a Terra – isso cerca de quatro bilhões de anos atrás, no início de sua vida.

Para criar vida, é necessária água. E adivinhem? Sinais indicam que Marte já foi absolutamente encharcado. Minerais na sua superfície, tais como sulfatos e argilas, só poderiam ter se formado na presença de água.

Muitas características geológicas sugerem que grandes torrentes de água fluíram no planeta. Uma enorme quantidade de água ainda existe em Marte, mas congelada e afastada (nas calotas polares), como permafrost e gigantes geleiras subterrâneas recém-descobertas.

Evidências de vida microbiana marciana já vieram em muitas formas: uma experiência contestada na década de 1970; um famoso “meteorito marciano”, recuperado na Antártida, com estruturas estranhas que alguns pesquisadores interpretaram como minúsculos fósseis preservados na rocha que decolou de Marte; e baforadas de metano na sua atmosfera fina que poderiam ter uma origem biológica.

De quente e úmido a frio e seco

O próximo grande mistério sobre Marte é: o que aconteceu? Marte era quente, molhado e interessante apenas 500 milhões a um bilhão de anos atrás. E daí a diversão simplesmente acabou?

Futuras missões de exploração em Marte levarão equipamentos mais sensíveis para ajudar a responder as perguntas inter-relacionadas sobre a vida e a mudança gritante de condições no planeta vermelho.

A NASA vai pousar em Marte no próximo verão do hemisfério norte e começar a analisar rochas enviando imagens a Terra para estudo. Além disso, a Agência Espacial Europeia está preparando uma nave para um lançamento ao planeta em 2018. Uma missão de recolha de amostras de solo e rochas de Marte tem sido considerada, mas ainda não está programada.

Pouco a pouco, os cientistas esperam responder se Marte já teve uma atmosfera espessa, e também como a atividade geológica e o vulcanismo influenciaram o planeta ao longo das eras. Afinal, Marte é a casa do Vale Marineris, um dos sistemas cânions mais longos conhecidos, e de Monte Olimpo, o maior vulcão do sistema solar.

Dois hemisférios muito diferentes

Marte é muito diferente de norte a sul: as planícies mais jovens com poucas crateras predominam no norte, enquanto montanhas antigas cheias de crateras caracterizam o hemisfério sul. O hemisfério norte também é em média de 5 quilômetros menor do que o sul. Como?

A melhor aposta para a “dicotomia hemisférica” de Marte é um impacto gigante que deve ter ocorrido no norte a partir de um corpo do tamanho de Plutão quatro bilhões de anos atrás. Se a teoria estiver correta, isso significaria que 40% do norte de Marte é na verdade uma cratera de impacto. Isso daria ao planeta outro superlativo geológico: a maior cratera de impacto do sistema solar.

Luas engraçadas e irregulares

Marte tem duas luas pequenas, em forma de batata, chamadas Fobos e Deimos. Em muitos aspectos, incluindo tamanho, forma, cor e composição aparente, as luas parecem ser asteroides capturados pela gravidade rebelde de Marte. Mas o fato de que Fobos e Deimos têm órbitas circulares em cima do equador de Marte desafia esse conceito.

Seria muito improvável que dois asteroides capturados tivessem essa trajetória e história subsequente para se resolver em tal arranjo orbital. Como Fobos e Deimos realmente chegaram a Marte permanece um mistério.

As luas poderiam ter se formado a partir de material retirado de Marte por um impacto, assim como nossa lua, e mantiveram uma forma irregular porque lhes faltava a massa e gravidade correspondente para se tornarem esféricas.

Também, nas décadas de 1950 e 1960, nasceu a especulação que Fobos e Deimos pudessem ser artificiais – mas isso já foi desmascarado, juntamente com todos os outros rumores marcianos sobre irrigações, canais, rostos humanos esculpidos em rochas e pequenos homens verdes com armas de laser.[Space]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

25 comentários

  • Derley Wythor:

    Li alguns comentarios de pessoas religiosas sobre esse artigo e fiquei chocado.
    A biblia deixa claro que Deus, Jesus, anjos e ate mesmo os demonios sao do ‘ceu’, ou ceja, sao extraterrestres. Basta saber de que planeta.
    Marte pode sim ter abrigado vida, e muito ainda esta para ser descoberto.
    PS: Ha, para os religiosos pergunto: voces ja leram a biblia? Eu ja li ela 05 vezes de capa-a-capa apezar de ateu.

  • Raquel Santos:

    Fico horrorizada com o que esse crente cabeça de batata disse.Como o seu Deus é pequeno, menor que a sua cabeça.Deus fez somente a Terra, e todo o Universo que é infinito sem ninguém.Para de ler a Biblia e vai meditar no Himalaia.

  • NewTusa:

    É o homem procurando pelo em ôvo.Tão fácil de entender, que se houvesse vida em outros palanetas, com certeza o Senhor iria nos falar através da sua palavra.Mas o homem tenta com a sua inteligência limitada, provar (e jamais vai conseguir)que existe vida em outros planetas. Ele quer, porque quer, tentar desmascarar a verdade que está escrita, que não mudou, não muda e jamais mudará.Se continuassem estudando para conhecerem mais a DEUS, seria muuuiiito melhor;pois estariam estariam crescendo em conhecimento do Espírito de DEUS aí sim, estaríamos vivendo muito melhor e usando o tempo(pois a nossa vida é como um sopro) com muuiitoo mais proveito, não estaríamos nessas condições em que vivemos, com tanta crueldade, ganancia, inveja e por aí vai.Nós insistimos nos erros porque não buscamos a DEUS.
    É isso aí.

    • NewTusa:

      A sabedoria de DEUS é loucura para o homem. Não adianta; os maiores cientistas dessa terra, jamais chegarão a um bilionésimo da grandeza do conhecimento de DEUS. O que temos que fazer, é nos curvar-mos diante do Todo Poderoso e nos humilhar-mos diante da sua grandeza, porque sem ELE não somos nada, agora ELE sem nós, continua sendo DEUS.

    • thiago:

      voce esta errado idiota existem vida la fora um dia vamos prova nao panhei deus contra a ciencia humana.

  • um nerd comun:

    evidencias mostram que debaixo das calotas polares de marte a

  • VICENTE:

    PARA UM UNIVERSO QUE ESTA EM CONSTANTE EXPANSÃO,POIS SEU CRESCIMENTO É INFINITO,PORQUE NÃO HAVER VIDA??..ATÉ PORQUE FOI CRISTO QUEM DISSE:”NA CASA DE MEU PAI HÁ MUITAS MORADAS”!!
    *************ESPERO SER UM MUNDO ONDE RESPEITEM A VIDA E O MEIO AMBIENTE….E HOMENS DE GRANDEZA MENTAL!!!

  • sten:

    Acredito na possibilidade de existencia de vida Marciana…Se outrora ja ouve h2o,logico agua tras vida.Mas forca aos cientistas k incansavelmente trabalham pa desvendar o misterio…….

  • Luiz:

    falha demográfica é d+ pra minha kbçinha.

  • CAMMILLA:

    EU achei bem legal NO FUTURO EU VOU A IR TA

  • LUCIANO MANZETTI:

    hum ola a todos:so saberemos realmente sobre marte qdo o homem por os pes la.e explorar o planeta inteiro nao so uma pq parte como fez a s sondas.

  • Cláudio Guedes:

    Nos contos Sumérios,a rivalidade entre Anu e Alalu,resultou com a fuga de Alalu para a Terra e a descoberta de ouro!Exilado mas com o ouro da terra,Alalu volta a ser importante,mas briga novamente com Anu,e os sete que julgam sentenciam Alalu ao exílio em Marte!!!Com a sua morte,uma rocha esculpida com o aspecto do rosto de Alalu,serve-lhe de tumba!!!Marte era apenas uma estação de passagem para o processo de transporte do ouro para o planeta Nibiru!!!Enfim esta história foi escrita há 4500 anos antes de cristo e para saber mais,basta ler O Livro Perdido de Enki,de Zacharia Sitchin!!!Abraçossss…

    • Newtusa:

      Sai, disso claudia!!! vai buscar a verdade e a salvação palavra de Deus, antes que seja tarde, pois o Senhor está te dando a ultima e unica oportunidade para tu seres salva; pois ELE é misericordioso e infinitamente grande para lhe tirar desse engano, que eu andava também por essas paragens. Esse caminho que tu estás indo, termina num abismo sem fim. Acorde enquanto estás com vida; porque, depois segue-se o JUÍZO.
      Que planeta Nibiru, que nada, historia essa mentirosa escrita 4.500anos, isso não quer dizer nada. Tudo isso não passa de enganação, para tirar da verdade todos os que acreditam nessas tolices,pois o outro veio para: matar, roubar e destruir, e o Senhor veio para dar vida, e vida com abundancia. Acordeeee!!!! enquanto é tempo, pois a nossa vida é como sereno da noite; ao amanhecer desaparece.A nossa vida é um sôpro.
      É isso aí.

    • thiago:

      vc esta esta de Nibiru,isso eu concordo mais vc evanglica chata como muitos purai questiona a ciencia e panhei deus no meu para com isso decha de ser idiota entre DEUS E HOMENS,deus e nosso criado e nosso pai ele criou todo universo, se o homen procura vida em outro lugares nois procura outros meio de sobreviver nesse mundo perigoso, eu thiago tenho fe eu tem deus e logico.

  • Márcio M:

    Matéria muito interessante. Acho possível ter vida em Marte levando em conta que existe água. Li outras matérias aqui mesmo no Hypescience que, uma estrela em formação libera água “em seus pólos”. Li outra matéria dizendo que, descobriram um planeta isolado (que não orbita em um sistema – como no nosso caso o Solar) e que também possui água e condições de vida (apenas sua temperatura é extremamente fria, e também potencial gravitacional diferenciada). Sendo verdade essas informações, nosso universo está repleta de água. Logo a existência de vida é possível não só em Marte, mas outros planetas até mesmo não “descobertos/investigados” pela ciência.

    • Marcos- DF:

      Olá a todos, olá Márcio M !
      Concordo inteiramente com seu comentário ! O problema é que a Ciência às vezes cai no próprio buraco. Exemplo: há tempos atrás, os cientistas diziam que não poderia haver vida ET porque no espaço não haveria água. Então, agora que sabemos da existência de água abundante no espaço, significa que temos vida ET no Universo, né não ? Agora, esperar que seja de forma humanóide é outra estória …
      Abraços !

  • roberto l:

    Na minha opinião, a raça humana não chegará a descobrir os segredos do planeta vermelho. Temos que nos se preocupar com o aquecimento global, onde estudos comprovam que entre os anos de 2054 a 2060 a terra passará por problemas climáticos, afetando a biodiversidade do planeta, sendo que várias espécies de animais e plantas deixarão de existir. Precisamos de políticas ambientais, para a diminuição do CO2 e concientização por parte do ser humano. Marte pode apresentar meios de abrigar o ser humano, mas temos que nos preocupar com o nosso planeta e criar posteriormente um segundo planeta.

  • Marte:

    Leva a pensar que Deimos e Fobos seriam resquícios do – provável – bólido que atingiu Marte.

  • ualifer:

    acredito que poça ter existido vida em marte a alguns anos atras,encontraram vestigios de agua

  • Chico Lobo:

    É bem provável que em poucos anos o ser humano vai botar os pés lá e depois abandonar o planeta como fizeram com a Lua.

    Se o ser humano soubesse o caminho do inferno, com certeza ele já teria ido lá pra ver como é.

  • Andrômeda:

    Acredito que haja vida microbiana em Marte.

  • H Santos:

    Um dia a humanidade ainda acreditará que eu fui abduzido!

  • Glauco Mega_X:

    Bem acredito que Marte nos guarda mts mistérios, existem dezenas de teorias sobre o planeta que pelo google earth mesmo mostra curiosidades que não podem simplesmente serem explicadas como uma “falha demográfica”.

    A Nasa já sabe que la tem sim algo a ser explorado, se ela não soubesse daria prioridade pra outra pesquisa na minha opinião.

    • Roberto:

      demográfica refere-se a população. No caso de marte, trata-se de falha marçográfica, nem geográfica é. Há coisas estranhas naquele planeta.

    • big bang:

      FALHA DEMOGRAFICA? NAO SERIA GEOLOGICA?

Deixe seu comentário!