Petróleo é ameaçado por fungo que fabrica combustível

Por , em 4.11.2008

Um fungo encontrado recentemente em árvores da floresta da Patagônia fabricam combustível de maneira mais eficiente do que qualquer outro método.

Na realidade o fungo é tão bom ao transformar material vegetal em combustível que os pesquisadores disseram que a descoberta coloca em questão a teoria de como o petróleo cru foi feito pela natureza.

Os descobridores do fungo também afirmam que o novo fungo pode simplificar o processo de fabricação de biocombustíveis, pois bilhões de acres de terras sem uso podem ser usadas para cultivar material cru para fabricá-lo. Biocombustível de outros vegetais como milho e cana-de-açúcar são fabricados através de processos meticulosos e o produto final é caro e não exatamente amigo do meio ambiente.

O fungo que recebeu o nome de Gliocladium roseum, realmente se destaca na multidão.

Gary Strobel, da Universidade Estadual de Montada, nos EUA, disse que este é o único organismo que mostrou ser possível produzir uma combinação importante de substâncias combustíveis. Ele também pode formar compostos diesel à partir da celulose, o que o torna uma melhor fonte melhor de biocombustível de tudo o que conhecemos até o momento.

Um artigo publicado na revista científica Microbiology de novembro mostrou que os cientistas estão trabalhando para desenvolver o potencial de produção de combustível do fungo.

O fungo cresce dentro de troncos de [árvores] olmo na floresta da Patagônia (Argentina e Chile). Análises mostraram que ele produz uma grande quantidade de hidrocarbonetos e derivados do diesel. Eles chamaram o combustível que o fungo G. roseum de “myco-diesel”.

Cerca de 400 milhões de toneladas de resíduos produzidos por fazendas, que não podem ser digeridos pela maioria dos seres vivos, poderão ser transformados diretamente em combustível pelo fungo Gliocladium roseum, pois ele consegue digerir celulose.

A descoberta também coloca em xeque as teorias de como os combustíveis fósseis foram criados.

“A teoria aceita é que o petróleo cru, que é usado para fabricar diesel, é formado dos restos de plantas e animais mortos que foram expostos ao calor e pressão por milhões de anos”, disse Gary. “Se um fungo como este está produzindo myco-diesel por toda floresta eles pode ter contribuído pelo surgimento de combustíveis fósseis. [LiveScience]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (4 votos, média: 5,00 de 5)

13 comentários

  • Daniel:

    Falácia…este foi um dos artigos mais forçados dos últimos tempos…sem contar ainda que foi publicado um corrigendum onde ficava claro que na verdade a maioria dos compostos detectados como sendo produzido pelo fungo na verdade eram contaminantes oriundos do processo de extração. Fail!!

    Sobre os carros elétricos…ótimo…não haverá mais poluição nem guerra por causa do petróleo…só quero ver de onde vão arrancar tanto lítio, cadmio e outros metais pesados para a construção das baterias…Chile! te liga! Vc seria o novo oriente médio.

    Fiquem esperto com uma coisa! Não existe solução fácil para nada…nada!!!!!!!!!

    • bruno2266:

      Dou graças a Deus por não fazer parte do mundo no qual você está imerso

  • job de oliveira:

    boa tarde!
    esta descoberta é muito importante para o nosso futuro, esperamos que o brasil ajude para este dezenvolvimento.

  • joao:

    Quero salientar que nos temos uma costa maritima de dar inveja aos outro paises, que chamamos de mare não para de se movimentar, e uma fonte inesgotavel de energia e ja esta alagado se colocar uma boia produz energia eletrica, nada mais justo do que se adptar a natureza e deixar de tentar reconstrui-la ao n favor, ja chegamos a conclu~sao não podemos com ela vamos nos unir a ela

  • Transeunte:

    Na verdade essa teoria de que o petróleo existente no mundo é feito de florestas e dinossauros está ultrapassada… Pela quantidade e disponibilidade existentes, defende-se que é muito mais provável que ele seja formado por processos físico-químicos naturais, do que pela decomposição de animais mortos… []’s!

  • ValerioRN:

    Ha 10 anos o reporte da GLOBO Cesar Trali , mostrou uma materia sobre um por acaso gravei. o carro ar ..
    carro Frances movido a “AR” . nos estamos esperando .
    Esta descoberta em talvez 2030 … possa se tornar comercial …..
    quando ja não podermos respirar …. sera .
    esta geração não sera beneficiada por esta descoberta ……..

  • Eder:

    De onde vem energia?
    Energia não vem somente de hidroeletricas não, existem outros meios de energia que podem ser obitidas sem a nescessidade de alagar ectares de florestas para ciração de hidroeletricas; temos metodos como EOLICA (dos ventos) e a CELULAS SOLARES.

    Só não são usadas porque são renovaveis e não agridem a naturesa, por isso não são viaveis aos grandes barões do petroleo.

    Imaginem um carro com o capô ou com o teto forrado de celulas foto-eletricas captando a luz do sol e transformando em energia para o proprio carro, ele proprio iria se carregar enquanto vc anda pela cidade.

  • Nailê:

    Bom, que o petróleo é muito poluente desde seu processo de extração até a sua utilização, como em combustíveis para carros, sacos plásticos, entre outros, nós já sabemos. O biocombustível, eu também não considero como uma forma menos poluente, pois os agrotóxicos tenderão a aumentar na utilização, e a monocultura irá se sobressair de fato. A mamona é altamentetóxica, nem se sabe dos efeitos reais ainda, e já a estão cultivando para biodiesel, só por ser considerada a mais oleoginosa… Mas este fungo, me parece que mesmo não necessitando de tantos processos para que se torne utilizável como combustível, tenha o mesmo efeito do biocombustível, no fato de serem então plantadas somente estas árvores da qual ele é parasita, assim como ocorre hoj com o eucalipto e o pinus. Está na hora de fazermos como nossos amigos orientais: andar de bicicleta! Não polui, e ainda ficamos com o corpo em forma, além de ser mais barata a compra e a manutenção!

  • Caroline:

    Também concordo que, em vez de encontrar outro combustível substituto ao petroleo, é melhor uma fonte alternativa.
    Podiam encontrar uma solução pro lixo atômico e aí investir em usinas nucleares, ou um jeito de armazenar energia solar pra usar à noite.

  • Guilherme:

    Carro elétrico? Achas que a eletricidade vem donde?
    Utilização de fontes de energia não poluidoras são inviaveis economicamente para o Estado. Para a criação de nossas hidrelétricas foram alagados hectares de floresta nativa, o material organico no fundo dos lagos se decompoe e libera toneladas de gases do efeito estufa.
    Energia nuclear, como todo o resto, também liberam centenas de toneladas de resíduos poluidores na atmosfera!
    Ou seja, estamos longe de de começar a diminuir a liberação de gases do efeito estufa..não tem jeito.

  • Olavo:

    E assim continuaremos queimando bastante combustível, e poluindo bastante as cidades. Tá certo que o biocombustível é melhor que o petróleo, mas tá mais do que na hora de usar outras fontes de energia, principalmente para transportes. Que venha logo o carro elétrico.

  • Evandro D.:

    Isso é fascinante!

  • Islan:

    Acho que esta descoberta será uma boa para que no futuro os combustiveis fiquem mais baratos.

Deixe seu comentário!