Produto chinês transforma carne de porco em carne de boi em apenas 90 minutos

Por , em 28.04.2011
O Departamento Chinês da Indústria e do Comércio recentemente descobriu um “extrato de carne” utilizado por pequenos restaurantes ao redor de Hefei – cidade de quase 5 milhões de habitantes, a mil quilômetros ao sul da capital Pequim – que magicamente transforma carne de porco em carne de boi.

A China tem uma fama internacional de imitar produtos estrangeiros em solo chinês e vendê-los como se fossem originais. Isso não quer dizer que os chineses não fazem coisas originais também, mas seu talento de reproduzir praticamente qualquer coisa é lendária.

A fama de réplicas de comidas, por sua vez, não é tão difundida assim. No entanto, e por incrível que pareça, isso existe. Há registros de pessoas que “fabricam” ovos utilizando produtos químicos em laboratórios montados em suas próprias casas. E agora, a onda da vez é o aditivo que transforma carne de porco em bife de boi em apenas uma hora e meia.

O produto, “mágico” porém muito questionável, aparentemente se tornou popular em pequenos restaurantes chineses em Hefei, Fujian, Jianxi e outros locais em todo o país. Grande parte do sucesso se dá graças à economia: a carne de boi na China é duas vezes mais cara que a carne de porco: um quilo de bife bovino é vendido por cerca de 20 yuan, enquanto os custos do porco somam apenas10 yuan. Por isso, alguns proprietários de restaurantes decidiram comprar o extrato de carne bovina – o litro sai por 45 yuans – e usá-lo para maximizar os lucros.

Após rumores da propagação do aditivo em toda a China, um repórter local conseguiu colocar as mãos em uma garrafa do extrato e decidiu documentar seus efeitos em uma reportagem. Segundo ele, o produto realmente funciona: apenas 90 minutos depois de tê-lo despejado sobre um pedaço de carne de porco, o alimento já cheirava e se parecia com um bife bovino. A carne muda de cor e fica mais escura. De acordo com o repórter, não há diferença sensível entre a carne real e a versão falsificada.

Enquanto o aditivo dá lucro aos proprietários de restaurante, ele pode não ser tão benéfico assim para a saúde dos consumidores. Médicos afirmam que o uso a longo prazo do produto tem consequências graves, incluindo deformidades e câncer.

[OddityCentral]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

23 comentários

  • Renatao:

    Bem na verdade esse tipo de produto é muito velho usado no mundo inteiro e tambem é fabricado no Brasil, sei disso porque trabalho numa industria alimenticia ha 10 anos e lidamos exatamente com esse tipo de produtos, tem com aroma de peixe frango porco gado, tem ate fumaca liquida pra fazer salame com gosto de defumado mas que nunca passou por uma camara de defumacao, resultado, carne de 2a por preco de 1a salame defumado mas com alto teor de umidade ou seja vender agua e farinha por preco de carne. sejam bem vindos a INDUSTRIA ALIMENTICIA

  • Rogerio Augusto con Mucho Gusto:

    Muito bacana essa ideia, uma sugestao de filme: soylent green (nao sei o titulo em portugues) mas vale a pena assistir
    ai, vc vera a possibilidade de comermos carne humana ( de pessoas mortas, claro) e transformar em alimento.
    Agora com esse aditivo de sabor, sua coxa vai ter sabor vaca, sabor peixe, sabor javali rs, ecaaa rsrsr

    • Ricardo Camillo:

      Tu ta bem né tem ido ao médico tomado seu remedinho direito ARRE ÉGUA e cada uma.

  • Thiago:

    Comprei esse produto ontem , na 25 de março !!! : D

  • Mauro:

    Já,já êste produto estará à venda na Galeria Pagé (SP) nas lojas do Sr. Lao. Também nos camelôs do Bráz (SP), na Vinte e Cinco de Março (SP).

  • juca:

    uauaua Microbóst de Vaca vai lançar o

    WGA (VVaca Genuine advantage) para informar ao consumidor

    sobre as vantagens de comer um bife original

    uauauauauau

  • Hugo:

    “Por isso nunca usei e nunca usarei produtos da China”

    Você usa, só não sabe que usa ^^. As cópias ruins todos conhecem que são os famosos produtos de baixa qualidade chinesa. As cópias boas você compra achando que é original…

    Descobri isso na própria China encontrando tudo que eu tenho de eletrônico e roupa 100% idêntico e custando 10% do que paguei.

  • bronce:

    já agora, transformar carne de cão e gato em peru.

  • Ni:

    pena que o manipulador da carne nao corta as unhas neh…hsuhsuhs…porco é ele….hahahaha

  • Edison:

    Marcelo, acho que não, mas transformar humanos em bois… aí sim ashuhuashushuhuahushuhuas
    Wait… está é a fórmula inversa do Michael Jackson… escurece carne

  • Glauco:

    Daniel,
    Boa! Os bons tempos da China passaram a milhares de anos.

  • Daniel:

    Dinheiro a China ja tem, mais nunca tera o Glamour!

  • Sonia:

    Eu sou Angolana.
    E há cerca de 5 mais coisa, menos coisa o nosso governo assinou uma série de acordos com o governo Chinês, que possibilita a entrada em massa de muita gente daquele país, de entre estas pessoas há uma grande particularidade para presidiários que vão terminar as suas penas aqui, imaginem o que será de nós.
    Um país devastado por quase meio século de guerra, recebendo “ajuda” de ex presidiário, consequências: voces já viram médico fazer operação a luz de vela? já viram fazer transfusão fora de laboratório, isso e muito mais é coisa de Chinês em Angola…
    Mais noticias me perguntem, agora vão lá transformar porco em boi, isso é magia de filme ou de Hollyhood ou da Bollihood……

  • Marcelo Ribeiro:

    Pirataria é coisa séria! Os pecuaristas devem criar uma coligação contra a falsificação da carne de boi e que promova campanhas sobre a vantagem de ser comer boi original.

  • Marcelo Ribeiro:

    Será que o produto transformaria humanos em porcos?

    • Paulo Carneiro:

      Não será necessário.
      O homem já o é.
      Além de outros animais.

  • Glauco:

    Não podemos nos esquecer que também somos feitos de carne e que esse produto entra direto em nosso sistema digestivo.

    Além disso, de acordo com certos aborígenes canibais, a carne do homem, principalmente o homem negro, é muito semelhante à carne de porco. Imaginem o que esse produto faz dentro da gente!!

  • Muc:

    Depois acham estranho quando os filhos nascem com deformidades.

  • Tiago:

    Sempre sempre verifique as procedências chinesa ou não se não tiver uma fonte segura conserteza trara danos.

  • Volker:

    Os Chinocas inventam tudo, mas não se preocupam com os danos colaterais.
    Por isso nunca usei e nunca usarei produtos da China.
    Não existe controle absolutamente nenhum.

  • O Holandês Voador:

    A China é muito estranha.

  • Tatiana:

    Literalmente shing-ling

  • Priscila Araújo:

    Minha nossa, carne pirata?! A China se superou agora! #Morta HSUSHAUSAHSUSH

Deixe seu comentário!