Seu corpo pode prever o tempo

Por , em 17.02.2011

Tem gente que pode sentir quando vai chover nos próprios ossos. Esse é o caso de Robyn Nichols, que tem artrite reumatóide desde os 2 anos e agora, com 37, é capaz de perceber uma mudança no tempo até dois dias antes que aconteça.

Apesar de alguns aspectos positivos, como sempre saber quando carregar um guarda-chuva, esse tipo de sexto sentido tem um preço: dores nas articulações e dificuldade de movimentação.

E o que faz as pessoas com a doença tão espertas em prever o tempo? Segundo especialistas, uma mudança repentina na pressão barométrica, ou o peso do ar, faz as articulações incharem.

Este inchaço é especialmente doloroso para as pessoas que sofrem de artrite, devido à quantidade de pressão e fluidos em suas articulações. Quando as articulações inflamam, qualquer fluido diminui a amplitude de movimento do doente.

Por exemplo, Robyn, que vive em Illinois, EUA, está acostumada ao frio, mas não a nevasca. Por causa de uma onda que atingiu recentemente o Centro-Oeste, ela não pode sair de casa por uns dias.

O tempo não tem efeito apenas nas pessoas com artrite. Alterações na pressão barométrica causam dor em pessoas que sofrem de sinusite, trombose venosa profunda (coágulos de sangue) e enxaquecas.

No caso das pessoas com sinusite, metade dos pacientes pode prever o tempo com base em quando eles começam a sentir dor. Começa com um pouco de dor facial, e pressão nos seios. Então as pessoas se tornam sensíveis à luz.

Segundo os médicos, embora a melhor opção de um paciente quando confrontado com uma enxaqueca induzida pelo clima seja apenas “enfrentar a tempestade”, existem medidas que as pessoas podem tomar quando sentem as dores. Por exemplo, não tomar atitudes que desencadeiam ou pioram enxaquecas, como tomar vinho tinto, não pular refeições, dormir regularmente, se hidratar e se exercitar regularmente.

Outra vítima do clima de inverno são as pessoas com osteoartrose. Em todos esses casos, muitas das pessoas que são negativamente afetadas por mudanças climáticas acreditam que se mudar para um local com clima mais constante vai ajudar a diminuir os sintomas.

Infelizmente, os médicos afirmam que não é tão simples. As pessoas geralmente se sentem melhor em temperaturas mais quentes, mas as tempestades podem acontecer em qualquer lugar.

No entanto, climatologistas afirmam que algumas regiões são mais favoráveis para as pessoas que vivem com doenças como artrite. Por exemplo, nos EUA, é muito incomum que um sistema de baixa pressão intenso atravesse o Arizona ou Novo México, que são protegidos por montanhas. E mesmo no verão, as maiores mudanças como furacões e tempestades tropicais estão suficientemente longe dessas regiões. Tudo isso oferece aos pacientes mais movimento e menos dor, o que pode sinceramente valer a pena. [CNN]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 4,00 de 5)

10 comentários

  • José Angels:

    É um inferno para mim, sinto depressão muito intensa e um desejo de abandonar meu corpo…Horas antes ,principalmente no verão.

  • Márcio Martins:

    Eu posso prever com enxaquecas e enjôo, mas acredite, isso não é um dom, e sim uma maldição, rsrsrs.

  • Ramon De Souza Vieira:

    Os animais costumam sentir também, a cachorra aqui de casa costuma ficar maluca e estranha (mais que de costume) quando vai chover muito,de inundar a cidade. E isso quando o céu ainda tava limpinho!!

  • enejonas:

    os animais tambem!aqui em casa toda vez que eu vejo as formiguinhas correndo em fileira, mesmo estando o ceu todo azul já digo:-guarda-chuva amanha no trabalho!!!

  • maria:

    legal saber q ñ sou a unica nem louca pois eu sinto dor no corpo,de cabeça, nausea,e tontura.

  • Marcos Guim:

    Muito legal esse artigo. Parabens. Mas, para o Cosme um recado: o “olho de peixe” é , na realidade, uma infecção provocada pelo vírus HPV, que se instala em segmentos profundos da pele, deixando a região extremamente sensível a qualquer alteração, inclusive variações climáticas pois a colônia se encapsula de tal forma que até a temperatura no estrito local é administrada pelo vírus. O ideal não é extraí-lo, mas eliminá-lo usando ácidos próprios ou nitrogênio, comprado hoje em farmárcias…

  • cosme:

    Por que será que isso acontece com agente?
    Tenho nos meus dois pés,um tipo de calo que é conhecido como “olho de peixe”,e cada vez que muda o tempo ou vai chover,esses
    calos dói muito,arde bastante.Se isso acontece na parte da manhã,a tarde chove ou faz frio,se ocorre a tarde ou a noite,no dia seguinte,amanhece chovendo ou com tempo fechado .
    O lado bom disso é que se as dores nos pés aparece na parte da manhã,eu vou trabalhar prevenido e não passo frio e nem fico molhado com a chuva.

  • Luciana Maróstica Zen:

    Já fiz 2 cesáreas e sinto coçar antes de chover, qdo o tempo começa a mudar. Qual seria a razão?

  • Ieda:

    Muito bom saber que outras pessoas sentem o mesmo que eu. Sinto que o clima vai mudar 1 dia antes, não só para chover ou vice-versa, mas também as alterações bruscas na temperatura, muito comum nos últimos anos. Sofro de artrite reumatóide há 12 anos, e qdo ocorrem estas mudanças, as dores nas articulações aumentam consideravelmente, o que me conforta é já saber que logo após a chuva cair ou sol voltar a brilhar, ou mesmo a temperatura ficar estável, as fortes dores e o inchaço diminuirão. O difícil é fazer com que as pessoas acreditem que isto é possível.

  • Mercedes:

    Eu sei quando vai chover. Eu sempre digo que “chovo” antes….transpiro muito! Terrível….e sim, as juntas incham muito.

Deixe seu comentário!