Sonda da NASA explora bordas do sistema solar

Por , em 8.12.2011

A distância entre a Terra e o sol, que é mensurada em quase 150 milhões de quilômetros, equivale a uma Unidade Astronômica (1 UA). Em uma zona localizada a quase 120 UA, nas bordas do sistema solar, navega uma sonda espacial que está há mais de 34 anos em operação no espaço. A Voyager 1, controlada pela NASA, parece ter ingressado em uma nova região do universo da qual se conhece muito pouco.

A tal área, que estaria próxima das fronteiras para o desconhecido no sistema solar, é chamada pelos pesquisadores de “região de estagnação”. Nesse ponto do espaço, já não há sequer a influência do chamado vento solar, que consiste da emissão constante de partículas provenientes de nosso astro central.

Mudanças físicas começam a ficar nítidas nesta localidade do espaço. O campo magnético do sistema solar, por exemplo, fica comprimido, e expulsa partículas altamente energéticas para fora, no espaço interestelar. Uma espécie de “purgatório cósmico”, enfim. Isso faz do Voyager 1 o artefato espacial mais distante da Terra. A fronteira final do sistema solar é chamada de “heliopausa”.

A sonda Voyager 1 continua avançando em direção a essa linha fronteiriça, e os cientistas não sabem prever ao certo o que ainda está por vir. O artefato espacial tem combustível e condições tecnológicas para operar até 2020, e tudo o que for descoberto daqui em diante deve ser novidade. [MSN]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (7 votos, média: 5,00 de 5)

35 comentários

  • Itamar Fontes:

    Hj os sinais de rádio dela são transmitidos com 0,5watts e denota 19 horas e 34 min para ir mais o mesmo para voltar.

  • aztoufo:

    hahhahaahahahahahahaahahaha
    hhaahahhahaahahhahahahahhaha
    hahahahahahahhaahhahahahahaha
    haahhahaahahahhahahahahahaha

    tira foto de deus e mande pra mim
    ver ja ke esta tao logue ne aproveita
    e ve se acha a casa do thor nao vamos
    esquecer do star wors manda ve se o caixao de darke
    veidre ta vagando por ae essa sonda telescopio e akilo
    ke chamamos de nasa pessoas ke fazem vc pensar ke esta a par
    do universo mais isso ae e coisa criado por computador photo chop jente acorda isso e midia querendo ganhar dinheiro as custa do imposto dos americanos idiotas o maxixo ke a nasa foi no espaço nao pasou da yonosferra uma camada protetora natural daterra ou melior o campo maguinetico que fika em vouta daterra ela nao pasou disso galera nem mesmo foi a lua

    • Renato:

      Aztoufo, lamentáveis, seu comentário e seu português.

    • Amadeus E:

      A sua opnião me deu cancer… Mas, quem somos nós para lhe empedir de dizer-la né, infelizmente não podemos…

  • Pedro Vaz_de_ANGOLA:

    Se essa sonda avançar + 1.500 Km + perto do sol, vai ser toda queimada, e n vai sobrar sequer combustível.

    • Renato:

      Pedro, esta nave está há mais de 34 anos se afastando da Terra (e do Sol), viajando atualmente a mais de 17 quilômetros por segundo, já ultrapassou a órbita de Plutão, percorre 1500 quilômetros em aproximadamente um minuto e meio, e não há possibilidade de se aproximar do Sol.

    • Pedro Vaz_de_ANGOLA:

      É isso mesmo Renato, pelos vistos, essa nave já não volta tão cedo não, tomara que encontre novidades, só não sei como ela consegue enviar os sinais aqui na terra, uma vez que está muito distante, que maravilha!

    • Renato:

      Pedro, esta nave não deve voltar nunca. Os sinais são enviados por ondas de rádio, e devido à distância, eles demoram mais de 16 horas para chegar à Terra. Concordo com você: é realmente uma maravilha.

    • Itamar Fontes:

      Renato, hj o sinal de rádio leva 19 horas e 36 min para ir + o mesmo para retornar!

  • Jasiel:

    E se a nave acabar a gasosa? Ele vai voltar prá reabastecer? kkk

  • eduardo:

    e tudo o que for descoberto daqui em diante deve ser novidade

  • Maurício Xavier Fayzano:

    Numa dessas ela descobre que a borda é de… CATUPIRY!
    kkk!

  • Glauco Noiado:

    Esta sonda não existe, isto é uma invenção dos cientistas malvados da NASA tentando nos enganar.

    • Gilberto M.:

      É evidente! O homem também não foi a Lua, como todo mundo sabe.

    • Glauco Fumado:

      Logicamente essa sonda é uma invenção destes cientistas para “provarem” suas teorias sem fundamento. Se o professor McCarry tivesse feito uma sonsa ela já teria ido até o fim do universo.

    • EltonPaes:

      hahaha!

      Esses caras zoam com o glauco
      uaheuaheuaheuaeuhae

    • Cesar:

      Não estou querendo falar nada,mas vocês tem curso superior em que?Pós-graduação em que?Mestrado em que?Doutorado em que?Pois é amigos,esses cientistas “charlatões” tem,o homem não foi a Lua,prove,sem ser por aquelas conspirações infantis de fotografias e teses de pessoas que estudam pela internet e querem saber mais do que todos os cientistas do mundo.Quando foi anunciado que “Buzz” Aldrin e Neil Amstrong tinha pisado na Lua a primeira coisa que os soviéticos tentaram provar foi que tudo era uma grande invenção,até eles se deram por vencidos e acabaram parabenizando os EUA pelo feito e prosseguiram com seus projetos para ultrapassá-los novamente,com a primeira estação espacial,que conseguiram apesar de terem sidos ultrapassados novamente pela Skylab,foi quando responderam a altura com a nobre MIR,maior estação construída por um único pais até hoje.Quanto a Voyager 1 de chegar ao fim do universo,se ela estivesse duas vezes a velocidade da luz estariam possivelmente ainda entrando em outra galáxia,pois o universo é infinito,para vocês que são muito entendidos, infinito quer dizer que não tem fim,34 anos não são nada para o universo,agora só faltam dizer que a ISS e o Hubble também são farsas norte-americanas,assim como dizer que quem controla o mundo são os Illuminates,kkkkk vão pesquisar melhor e deixar de serem estúpidos,vocês com essas mentalidades são os dito cujo que fazem questão da humanidade não se desenvolverem psiquicamente e tecnologicamente ,ajudem a raça a progredir e não desmentir os feitos da progressão que já fazemos e fizemos.Não estou aqui para ser bonzinho,mas para demonstrar minha opinião,que como ânus,cada um tem o seu.

    • Renato:

      Cesar, parabéns.
      Eu não daria uma resposta melhor.
      Também estou cansado desta ladainha de “maior mentira do século XX” e outras negações de inúmeras conquistas espaciais, malgrado a total falta de escrúpulos dos atuais vencedores.

    • Giovane:

      Pelo jeito a única invenção aqui é o seu cérebro.

  • RATO BRAVO:

    ou, núúúúúú
    essa região deve rolar coisa demaaaais, paralelos demaaaaaais!
    abençoados são, aqueles que estão explorando o universo assim!

  • Tigre:

    Legal é saber que daqui a muito tempo, centenas ou milhares de anos, a sonda vai voltar. As partículas que se chocam com a nave estão fazendo ela desacelerar, e vai chegar a um ponto que a aceleração será 0, daí ela vai começar a acelerar no sentido oposto, e isso, um dia, vai fazer ela voltar na direção do nosso planeta.

    • Gilberto M.:

      Eu acho que não.

    • Denis Lima:

      Ela não vai voltar.
      Nela tem um disco de ouro com informações da terra para outras civilizações tomarem conhecimento de nós.
      A propósito: eu pensei que esse treco tinha saído de operação há mais de vinte anos.

  • bruno bardog:

    cOMBUSTIVEL ??? VIXII!!E PARA ELA REABASTECER, VAI TER QUE RETORNAR MAIS 44 ANOS! HEHEHEH

    • Romário Huebra:

      Ela usa um mini-reator nuclear qe dura vários anos, mais não pra sempre.

  • Romário Huebra:

    A maior invenção da humanidade a Voyager 1.

    • Renato:

      Não a maior invenção, mas a mais perfeita, pois continua enviando dados para a Terra 34 anos após seu lançamento.

  • Daniela:

    Uau!

  • leonardoneen:

    Sensacional!

  • usagi-chan:

    EU ADOREI quantas coisas maneiras E D+ a gente pode encontrar nas bordas do sistema solar!!! bjs gente!

  • Leandro:

    Dizer que o objeto está tão distante da terra, como eles recebem informações dela? Que tipo de informações. Seria interessante saber essas coisas. É incrível saber o quanto ele já vagou no espaço e ainda está no limite do sistema solar, claro “ainda” soa ridículo devido a enorme distância, mas é desencorajador saber que 30 anos no espaço e tem planetas por ai a distâncias muito maiores e que talvez nunca chegaremos a conhecer e que talvez pudessem abrigar vida como a Terra.

    • Tigre:

      As informações devem chegar aqui por meio de ondas de rádio, e devem levar um bom tempo para isso. A Voyager manda informações sobre as partículas encontradas nessa região do espaço, os campos magnéticos, esse tipo de coisa (Eu acho).

    • Gilberto M.:

      Olha, Tigre, não tenho certeza se está certo, mas a lúz leva pouco mais de 8 minutos para percorrer uma ua (unidade astronômica), então em 120 ua (como diz o texto), a lúz demoraria 8 X 120 = 960 min = 16 horas. Não sei se os sinais eletromagnéticos da nave chegam a Terra a essa velocidade, talvez demorem um pouco mais que isso, mas a conta é mais ou menos essa.

    • Amadeus E:

      Que eu me lembre, é exatamente(quase ‘-‘) 16 horas mesmo, são 16 horas de pura expectativa para novas informações que podem revolucionar a nossa visão do espaço!

    • Itamar Fontes:

      Hj os sinais de rádio dela são transmitidos com 0,5watts e denota 19 horas e 34 min para ir mais o mesmo para voltar.

Deixe seu comentário!