,

Vídeo perturbador mostra o que a raiva faz com seres humanos

Por , em 8.12.2017

Como era de se esperar, não é muito agradável ver um ser humano com os sintomas da raiva. O vídeo abaixo, feito no Irã com um paciente que havia contraído a doença após o ataque de um lobo, é chocante. Ele mostra todos os estágios dos sintomas, até a morte do paciente. A raiva é uma doença contagiosa que ataca mamíferos, comumente associada a cães, pois eles são os principais transmissores da doença para humanos, porém animais silvestres, como lobos, raposas, morcegos, gambás, etc, também podem transmiti-la. A raiva é, quase na totalidade dos casos, fatal.

Os 9 vírus mais mortais da Terra

Apenas dois casos de cura da raiva foram registrados no mundo todo. O segundo deles aconteceu no Brasil em 2008, quando um garoto de 15 anos no Recife recebeu um tratamento feito com coma induzido e a utilização de um antiviral, que já havia sido usado em uma garota em Milwalkee, nos EUA, que foi a primeira a ser curada.

“A raiva é causada pelo vírus da raiva (gênero Lyssavirus) que se instala e multiplica primeiro nos nervos periféricos e depois no sistema nervoso central e dali para as glândulas salivares, de onde se multiplica e propaga”, explica a bióloga Karlla Patrícia, do site Diário de Biologia, onde o vídeo foi postado.

10 doenças que matam (ou podem matar) qualquer pessoa em um dia

“O sintoma clínico mais associado a raiva é a dificuldade de engolir. Quando algum líquido entra em contato com a garganta, ele é violentamente expelido. Ao mesmo tempo, uma contração muscular dolorosa no abdome faz a pessoa se contorcer de dor. Daí o termo hidrofobia, ou seja, medo de água”, diz ela.

Além disso, após um período com sintomas genéricos, como febre e mal estar, outros sintomas mais específicos podem surgir, como ansiedade, agitação, agressividade, confusão mental, paralisia, convulsões e espasmos musculares.
A pessoa com raiva passa a ter dificuldade para engolir alimentos sólidos também, o que faz com que o paciente engasgue e tente cuspir toda a saliva que tem na boca. Após os primeiros dias, a salivação começa a ficar mais intensa e o corpo começa a ter convulsões, o que leva à imobilização do paciente.

10 Doenças mortíferas que contraímos de outras espécies (ou passamos para elas)

O vídeo (que contêm cenas fortes) mostra alguns destes sintomas.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (29 votos, média: 4,41 de 5)

1 comentário

Deixe seu comentário!