Máquina mede o grau de dores

Publicado em 26.09.2011

“A dor está fraca ou muito forte? E aqui, dói?”. Quando o médico faz perguntas como essas, muitas vezes temos vontade de bater nele. Afinal, explicar uma dor é algo muito difícil. Mas, agora, uma máquina poderá fazer esse trabalho difícil para nós.

Uma boa comunicação sobre a dor é realmente uma lacuna na medicina. A única maneira que os médicos obtêm as informações que eles precisam é cutucando o local onde pode estar doendo ou vendo você se contorcer enquanto ele pergunta sobre como você se sente. Bem, esses não são os processos mais eficientes do mundo.

Mas esse problema pode ficar no passado. Pesquisadores descobriram um novo método que examina o cérebro do paciente determinando se eles estão com dor, e em que grau. A nova tecnologia ainda está em estágio de desenvolvimento, mas no estudo inicial apontou o grau de dores corretamente em mais de 81% dos casos.

O sistema certamente ficará melhor, já que está apenas em seus primórdios. Além de livrar as pessoas das perguntas irritantes dos médicos, o sistema poderá ajudar os pacientes que não podem se comunicar detalhando a dor. A desvantagem? Agora será mais difícil mentir que você está com muita dor para deixar de fazer alguma coisa chata. [Gizmodo]

Autor: Stephanie D’Ornelas

É estudante de jornalismo, adora um café e um bom livro. Curte ciência, arte, culturas e escrever, mesmo que sejam poesias para guardar na gaveta.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

2 Comentários

Envie um comentário

Leia o post anterior:
iphone-5-foto-a1
iPhone 5 será lançado no dia 4 de outubro

Finalmente foi anunc...

Fechar