Por que algumas pessoas traem enquanto outras são fiéis?

Publicado em 12.05.2010

Para responder a essa pergunta pesquisadores estão se dedicando à ciência dos relacionamentos. Eles estão analisando desde fatores biológicos até respostas psicológicas de pessoas que recebem um “olhar interessado” de alguém que não conhecem.

Os resultados sugerem que enquanto algumas pessoas são naturalmente mais resistentes às tentações, outras precisam se policiar para conseguir manter um relacionamento monogâmico.

Homens que carregam uma variação genética identificada pelos cientistas, por exemplo, tinham menos chances de serem casados (e aqueles que eram comprometidos normalmente estavam em casamentos infelizes com esposas insatisfeitas).

Enquanto o “gene da fidelidade” mostra que um casamento estável pode ser “genético”, outras pesquisas indicam que o cérebro pode ser treinado para resistir à tentação.

Testes psicológicos feitos em homens e mulheres casados mostravam aos voluntários fotos de pessoas atraentes. Quanto mais comprometidos eles eram com seus parceiros, mais depreciavam as pessoas das fotos. A teoria é que, quando estamos realmente comprometidos com alguém, não achamos outros tão atraentes.

Outro teste colocava os voluntários em uma sala de espera com atrizes ou atores que deveriam flertar com eles – sem que eles soubessem que tudo era armação. Depois, no consultório de um pesquisador, eles respondiam a um questionário sobre a qualidade de seu relacionamento atual. Uma das perguntas principais indagava se, diante de uma traição, o voluntário perdoaria seu parceiro.

Os homens que “aceitaram” o flerte com a atriz da sala de espera afirmavam, na sua maioria, que não perdoariam as esposas ou namoradas. Já as mulheres que aceitaram a “paquera” do ator perdoavam o seu parceiro mais facilmente. [Telegraph]

Autor: Luciana Galastri

é jornalista. Viciada em livros, lê desde publicações sobre física a romances de menininha do estilo "Crepúsculo". Toca piano desde os oito anos de idade e seu estilo de música preferido é o metal.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

33 Comentários

  1. Achei bem interessantes os comentários, sem pretensão alguma concordo com alguns e não concordo com outros, dizer que homens não são monogâmicos pode ser muito simplista como parte sim de sua cultura ele pode ter interesse por outras pessoas assim como as mulheres também eu quero dizer atração o que não significa ir para a abordagem estando com um relacionamento e nem por isso trair a pessoa, o fato é que para muitos ter interesse achar bonito ou bonita ou gostosa ou gostoso pode se considerar uma traição,Não vi ninguém dizer que as pessoas poligâmica podem mudar e eu acredito nisso, sou prova disto.

    Thumb up 0
  2. “Quanto mais comprometidos eles eram com seus parceiros, mais depreciavam as pessoas das fotos”

    Claro, os defeitos servem como escudo psicológico para continuarem fingindo que não gostavam do que viam hehe. Isso é muito comum.

    Thumb up 3
  3. Acredito sinceramente que se você tem o que precisa não há necessidade de buscar lá fora. Toda pessoa é sujeita as tentações, mas isso não quer dizer que você tenha a obrigação de cair nelas. Mulher não troca o certo pelo duvidoso, não põe em risco o “concreto” pelo abstrato…
    Ser fiel ou infiel… tudo se resume em ser ou não satisfeito!
    Agora, existem aqueles indivíduos (homens e mulheres) que são insatisfeitos por natureza.

    Thumb up 10
    • Como se fosse ‘natural’ sentir-se atraído por uma só pessoa por muito tempo. As pessoas fingem, só isso.

      Thumb up 1
  4. Concordo totalmente com ENZO, tenho 28 anos e já percebi isto também, não é só idade avançada que se tem experiencia, é saber obserevar e a maioria não sabe, pois desde inicio encontramos várias pessoas que passam por nossas vidas e como sempre a maioria não sabe o que é honestidade entre familia, trabalho, relacionamento, amizade. Se não tem honestidade em um deles é indigno de confiança em outros departamento.DUVIDA?
    Outra coisa, voces homens deste site, falam bláblaaaaa, sao isso mesmo, pessoas controladas, por que ainda, me desculpe não conheci nenhum homem assim, voces só sabem BLA, BLA, BLA…

    Thumb up 5
  5. @Lu

    Hauehuehueue, o Arnado Jabor pode ser um retardado, mas o “Erico A, Abreu e Lima” tem razão não tem?

    Thumb up 0
    • Nem sempre, Robson… Nem sempre. Claro que por partes sim, mas sempre se torna um assunto relativo. Existem milhões de motivos, e você sabe disso.

      Thumb up 0
  6. Esse site está cheio de babacas machistas que igualam todas as pessoas com se elas não fossem diferentes!

    Thumb up 2
    • Pior ainda sao as babacas feministas, hipocritas, toda mulher fala que elanao trai, mad a que fala isso e a que mais trai, principalmente feminazis que odeiam homens…

      Thumb up 0
  7. Robson

    Desculpa,mas quem escuta um retardado como Arnaldo Jabor não pode ser levado em consideração.

    Thumb up 1
  8. A infidelidade nao eh machista. A infidelidade eh estimulada pela propria mulher. Quando vc pergunta como vai sua filha ela responde: Minha filha esta namorando firme o Dr. Fulano pra casar. E o seu filho. Ah, meu filho eh um garanhão, mil mulheres, nao quer nada, esta aproveitando a vida. Dito isso com a mesma alegria ou maior do que a que anunciou o namoro serio da filha.

    Thumb up 14
  9. Wanderson, eu não consegui entender o seu ponto. Poderia me explicar? O que tem a ver grau de “maturidade” com um relacionamento sério?

    Pela minha experiência de vida eu percebi que isso não acontece como você descreveu. Eu pude perceber que acontece totalmente ao contrário.

    Eu acho que uma pessoa imatura “emocionalmente” mantém os laços afetivos o quanto mais “fortes” possíveis. Lógico que não são todos. Tenho alguns exemplos como algumas histórias que vemos por ai de mulheres que apanham de seus maridos mas continuam morando com eles. Fora os relacionamentos que não dão certo, mas duram décadas. Também sabemos das brigas por vários motivos: ciúmes, conversas sobre relacionamentos e o tédio em si, porque sabemos que tudo que se torna repetitivo tende a ser tedioso. Essas pessoas [a maioria] mantém esses relacionamentos à décadas, ou até mesmo a vida toda. Por quê? Elas estão ligadas a reputação, estão preocupadas com o status. E quem faz isso? Pessoas imaturas “emocionalmente”.

    Bom, eu quero ouvir teu ponto. Não sou o dono da razão.

    Thumb up 8
  10. FERNANDO SÁVIO, valeu sua opinião é muito interessante seu ponto de vista. Eu opinei daquela forma baseado em meus anos de vida (53) e experiências nos quais, trabalhando só em cinco empregos diferentes, pude notar o comportamento das pessoas que me cercavam. Eram bons profissionais, não posso negar, mas traiam de alguma forma os companheiros de trabalho como as próprias empresas. Alguns amigos que tive e que pulavam a cerca constamente, me deram motivos para que perdesse a confiança. Nesses tipos de relacionamentos, se não estivermos paralelos nas mesmas práticas, o que leva um comprometimento de fidelidade, pode ter certeza que uma hora o adúltero pisará na bola com os amigos.

    Thumb up 5
  11. “Os resultados sugerem que enquanto algumas pessoas são naturalmente mais resistentes às tentações, outras precisam se policiar para conseguir manter um relacionamento monogâmico.”

    Creio que esse fato se dá graças ao fator de “grau de maturidade’ que cada indivíduo possui em relação aos relacionamentos afetivos.
    Uma pessoa imatura emocionalmente não consegue levar um relacionamento sério adiante e por isso mesmo traem,infelicitando a si mesmo e aos outros a seu redor,simples assim.Sem essa de que nossos instintos falam mais alto e que somos descendentes de primatas e que por isso mesmo devemos agir como animais no cio.
    Esse tipo de discussão vai muito para o lado moral,sempre,muito além de simples teorias reducionistas ou mecanicistas feitas por pesquisas mal acabadas em cima de um assunto complexo que é o espírito humano.

    Thumb up 4
  12. 1o – Foi comentado que as mulheres tambem sentem desejo, assim como os homens. Mas tinha que vir uma feminista pra falar o obvio e se incomodar….
    2o – Ezio… Não acho que, quem trai sua mulher não seja digno de confiança pra nada, são coisas diferentes trair uma esposa e um amigo (igualmente importantes, mas diferentes)… E tu nem sabe mas tu confia em algum adúltero que não te conta as peripécias dele por causa da tua opinião…

    PS: Sou contra a traição em casamentos e namoros… Quem tá ficando é porque não tem coragem pra namorar e tem que levar chifre mesmo!

    Thumb up 0
  13. Gustavo… Não fale o que não sabe.
    Por que você acha que estariamos alastrando doenças? Esse estilo de vida [monogamo] existe a pouco tempo em nosso curriculo de espécimes primatas. E se isso que você disse fosse verdade, será que exixtíria algum primata hoje? Pense.

    Fora que essa história de doenças é falha em relação à ciência. É falha porque a evolução resume-se em adaptar-se ao ambiente e condições de vida que se tem. O mesmo aconteceu com os seres anaeróbicos quando no Planeta Terra começou a ter abundância de oxigêneo. Eles morriam e alguns poucos, cerca de 99%, sobreviveram; estes são nossos ascestrais.

    Essa história iria se repetir na nossa história de espécie primata. Com essas “doenças”, 99% iria ser exterminada e iria sobrar apenas os ageis, apenas os adaptados. Ou seja, teriamos uma combinação maior de genes, e com isso uma adaptação total à qualquer tipo de doença, clima, predadores etc. Pois na verdade pesquisas já foram feitas e provaram que quem vive na área urbana tem o pulmão mais resistente comparado ao de quem vive na área rural. Imagine um caipira desse, sendo egoísta igual você, evitando manter relações com outros “tipos de pessoas”, será que ele iria reproduzir crias com gênes resistentes a poluição? Será que essas crias teria uma vida saúdavel morando na cidade grande e tendo uma forte esposição à poluição? Viu só? Assim surge as doenças respiratórias, ou seja, foi totalmente ao contrário do que você disse, pois nesse exemplo o caipira evitou relações com outros “tipos de pessoas” e gerou crias não adaptadas. Por isso é importante a “mistura de raças”. Lógico que não há apenas esse exemplo, existem diversos exemplos, basta pesquisar. Um deles eu encontrei hoje no site britânico BBC. Era sobre os Tibetanos. Dê uma pesquisada no que os ciêntistas descobriram sobre.

    Thumb up 2
  14. Como podemos hoje em dia creditar nas pessoas..tantas coisas vemos passar ao nosso redor,pessoas que gostamos de montão com palavras mentirosas enganosas…
    eu nao entendo até quando vai ser assim entre homens e mulheres,por isso vivemos com dor e sofrimento no relacionamento…o que devemos fazer para mudar-nos?? eu digo!! começamos a mudar nosso modo de agir pensar com as pessoas..esforçar-nos o maximo em ser mais verdadeiros consigo mesmos,tome iniciativa.
    se algo te dificulta,peça a Deus sabedoria…

    Abraços a todos.

    Thumb up 2
  15. Homens e Mulheres são diferentes, cada um deve ser tratado de uma maneira, e infelizmente como diria Arnaldo Jabor “Para a mulher trair precisa de um motivo, já um homem precisa de uma bunda!!!”

    PS:. Cesar, vc usou uma lógica muito avançada para a cabeça de mulher heuheueheue.

    Thumb up 2
  16. Misabel, você está entrando em contradição. Se os homens fazem sexo “com qualquer uma”, estas “qualquer uma” são mulheres que não se cuidam, não cuidam do corpo e não selecionam os parceiros. O contrário do que você diz.

    Outra coisa, o estudo foi feito com homens e mulheres. E MULHERES.

    Thumb up 3
  17. Eu gostaria de saber porque os homens acham que as mulheres são iguais a ele? A mulher normal sente desejos sim, mas não é o mesmo que os homens. Ela se cuida mais, cuida mais de sua saúde, do seu corpo e não se entrega a qualquer um por ai, como a maioria dos homens fazem. E não venham me dizer que isso é sexo saudável, que absolutamente não é. Tanto é que a grande maioria dos portadores de aids casados contaminam suas esposas e não ao contráro. Ou seja, tá mais do que na hora dos homens começarem a se cuidar melhor e escolher melhor ainda suas companheiras (tanto fixas como temporárias).

    Thumb up 5
  18. Gustavo

    O artigo diz exatamente o contrário do que você afirma. Ele afirma (a partir DE ESTUDOS, e não de achismo, como você fez) que as pessoas, quando estão comprometidas em um relacionamento, são fiéis.

    É bom tomar cuidado, na hora de contradizer o resultado de um estudo, você tem que ter uma boa razão, e não só achismo.

    Thumb up 1
  19. Bem… no meu RACIOCINIO, ja q sou um ser PENSANTE, não confio muito no q as pesquisas cientificas atestam como sendo VERDADE ABSOLUTA, ja q muitas dessas verdades ditas no passado, hoje ja foram comprovadas q estavam totalmente equivocadas, prefiro acreditar q o carater no final é o q faz toda e total diferença, no relacionamento amoroso sou fiel a quem amo… mas so a quem amo…rsrs

    Thumb up 2
  20. Só de uma coisa eu tenho certeza: homens ou mulheres infiéis em seus relacionamentos matrimoniais não são dignos de confiança. Se uma pessoa é capaz de trair um comprometimento dessa magnitude, não pensará duas vezes em trair um amigo, a empresa onde trabalha ou o país que governa.
    Basta observar os exemplos que estão às nossas voltas. Não tem como contestar.

    Thumb up 7
  21. O problema da fidelidade não é se se é homem ou mulher. O problema é cultural porque o homem é “educado” no sentido de ser o pegador, o fudêncio e o garanhão, alardeando suas conquistas aos 04 ventos (quem não já pegou uma gostosona e contou para os amigos ?). Já a mulher é (ou foi hehehe) “educada” para ser, pelo menos, mais discreta mas nutre os mesmos desejos que nós. Com a ‘liberação” feminina, os índices de infidelidade masculinos e femininos estão muito próximos (quando se fala a verdade nas pesquisas), o que mostra um comportamento similar a ambos os sexos.
    Abraços

    Thumb up 5
  22. Não creio que “Se não pudéssemos mudar, estaríamos matando uns aos outros e fazendo uma suruba global, disseminando doenças e provavelmente aniquilando nossa espécie ou o planeta.” Gostaria de lembrar que os grandes avanços da ciência partem do pressuposto da mistura e testes nunca antes realizados, ou seja, é impossível dizer como seria o mundo se tivesse uma suruba global, talvez todos morrecem, ou talvez chegássemos a genética perfeita, uma vez que o nosso organismo tende a procurar a cura para qualquer doença que venha a ter.

    Mas isso nunca pode ser a justificativa para o “pular a cerca”.

    A monogomina talvez seja o maneira mais fácil de se ter estabilidade financeira e psicológica, é claro q isso depende da parceira (o). Contudo creio q antes de entrar em um relacionamento, seja ele qual for é importante definir antes, que tipo de relacionamento vc deseja ter a com a pessoa, dizer isso a ela, assim ninguem enrola ninguem. Acredito q a questão de traição varia de acordo as circustâncias tb, nao creio q uma pessoa seja capaz de trair outra pelo simples desejo sexual, deve haver outros motivos como insatisfação com o parceiro, em razoes físicas ou psicológicas. Em outras palavras, “cada qual com seu cada qual”, esse é um problema que sempre irá variar de situação e pessoa. Pesquisas só mostra um resultado geral, e como nao somos iguais, nao podemos ser julgados iguais tb.

    abraços a todos.

    Luiz Artur M. Moura
    Pedagogo.

    Thumb up 6
  23. Douglas Miranda:
    Se não pudéssemos mudar, estaríamos matando uns aos outros e fazendo uma suruba global, disseminando doenças e provavelmente aniquilando nossa espécie ou o planeta.

    Alguém colocou consciência e razão dentro de nossas cabeças, agir por instintos nos regressaria a primatas. A monogamia auxilia no controle, evolução e manutenção da nossa espécie.

    Quando não há razão, não precisamos colocar nosso próximo em nível de igualdade, mas possuímos razão, logo tendemos a colocar a mulher como ser igual ao homem. Se seguíssemos nossos instintos isso não aconteceria.

    Thumb up 0
  24. essa foto aí tá sendo usada de novo?
    Já usaram quando falaram de pessoas mestiças!

    Thumb up 1
  25. A monogamia não é da natureza do homem, ao contrário da mulher. Isso vem desde os primórdios. E o que é do nosso instinto a gente não pode mudar, mas podemos tentar adptar segurando a barra mantendo a gaiola fechada pro passarinho não escapar.

    Thumb up 1

Envie um comentário

Leia o post anterior:
spaceship
A relatividade de Einstein será testada no espaço

A operação da Nasa e...

Fechar