20 ilustrações controversas que mostram personagens da Disney vivendo nos tempos modernos

Por , em 17.01.2018

“Felizes para sempre” mal funciona nos contos de fada, não é mesmo? A vida real é bem diferente.

E é por esse motivo que o artista visual mexicano José Rodolfo Loaiza Ontiveros resolveu destruir o mito de vez, atualizando-o para os tempos modernos.

Especializado em cultura pop, Rodolfo desenha personagens queridos e famosos, em especial da Disney, em contextos pouco ortodoxos e até mesmo controversos.

A ideia do artista é explorar o tema geral da “perda da inocência”, enquanto testa a tolerância de seu público.

O que aconteceria com os amados personagens clássicos se eles fossem de carne e osso, e confrontados por mundo de fama frenético e intenso, como o que sabemos que existe?

Será que esses personagens continuariam parecendo perfeitos, ou se mostrariam suscetíveis a drogas, álcool, assédio e vaidade? Usando humor negro, Rodolfo acaba com a imagem que temos desses seres fictícios, além de desafiar o eterno e onipresente final heterossexual de todas essas histórias, considerado por ele desatualizado.

O que você acha das obras polêmicas de Rodolfo? Acesse sua página na rede social Facebook para saber mais sobre sua arte. [BoredPanda]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (44 votos, média: 3,57 de 5)

3 comentários

  • Antonio Leite:

    Achei de extremo mal gosto e desrespeitoso com a obra de Walt Disney e com a pureza da infância de uma grande parte das pessoas que viveram nessa época onde os problemas eram no contexto histórico totalmente diferente. Aconselho veemente que os artistas primeiro cuidem de seus problemas pessoais e depois parem de se espelhar em personagens que nada há ver tem com essas obscenidades com os personagens. Não tenho preconceitos nenhum, mas isso é uma afronta a toda uma geração. Um desrespeito a toda uma cultura. Isso além de ser desagradável é pura falta de criatividade. Criem seus personagens, façam arte com poesia, não confundam perversidade com arte.

    • Cesar Grossmann:

      “Mau gosto”. Eu discordo que seja falta de criatividade.

    • Luciano Bitencourt:

      Concordo com o Antonio Leite isso não é criatividade é mudar o rumo de uma história natural e acrescentar malicia e maldade.

Deixe seu comentário!