65% dos assentos infantis não são usados corretamente

Por , em 17.05.2009

A grande maioria dos assentos infantis e para bebês são instalados de maneira indevida, o que pode machucar as crianças em caso de acidente. É o que descobriram pesquisadores do Programa de Segurança Automotiva do Hospital Riley para Crianças na Escola de Medicina da Universidade de Indiana, nos EUA.

Os assentos devem estar dispostos corretamente para que o cinto do carro fique firme, assim, diminui as chances de ferimentos nas crianças em caso de acidentes. Como quarenta e quatro estados dos EUA exigem por lei a utilização dos assentos, a utilização aumentou e os pesquisadores sentiram a necessidade de observar se estavam sendo utilizados de maneira correta. Eles acharam algum problema em mais de 65% dos casos, como cinto frouxo, mal colocado, colocado por trás das costas da criança, ou sob o braço.

O primeiro autor deste novo estudo, Dr. Joseph O’Neil, alega que os resultados obtidos mostram que os assentos não estão cumprindo seu papel na proteção das crianças por causa do mau uso. O’Neil afirma que os pais devem se certificar, ao colocar as crianças nos assentos, de que o cinto está bem colocado e afivelado. Crianças de até 13 anos devem usar os assentos no banco de trás para que o cinto sirva e as proteja de forma devida.

Em caso de dúvida sobre a maneira correta de instalação, observe as instruções afixadas na própria cadeirinha. [Science Daily]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 2,00 de 5)

Deixe seu comentário!