Médicos não estão avisando pais que seus filhos estão acima do peso

Por , em 6.12.2011

Claro, nenhum pai quer ouvir que seu filho é gordo. Mas se essa informação vier de um médico, é mais do que um simples desagrado: é pertinente para a saúde da criança, o que é sem dúvida mais importante que sua aparência.

No entanto, um novo estudo americano descobriu que médicos e outros profissionais de saúde podem ser reticentes em avisar os pais que seus filhos estão acima do peso.

Na pesquisa, menos de um quarto dos pais de crianças com sobrepeso se lembram de alguma vez ter ouvido que seu filho tinha um problema de peso.

Nos EUA, essa constatação é preocupante, especialmente nesta época em que aproximadamente 17% (ou 12,5 milhões) das crianças e adolescentes são obesos, segundo dados do Centro para Controle e Prevenção de Doenças americano. E a tendência se alastra em outros países.

Mesmo para os pais de crianças que são claramente obesas, apenas cerca de metade recordam de um médico ter mencionado uma preocupação de peso.

E porque isso acontece? Sendo os pesquisadores, pode ser que os médicos hesitam em discutir o assunto devido ao estigma da obesidade. Também, alguns profissionais de saúde podem não estar familiarizados com o índice de massa corporal, gráficos e definições relacionadas com sobrepeso e obesidade. Ou, alguns médicos podem não ser diligentes o suficiente para tornar a mensagem clara, particularmente para os pais que não a querem ouvir.

Porém, essa mensagem é crucial por três motivos básicos: vários estudos têm mostrado que os pais subestimam a gravidade do peso de seus filhos; os pais seriam mais propensos a acreditar que seu filho está muito gordo e melhorar sua dieta se um médico lhe dissesse isso, e manter um peso saudável quando criança é mais fácil do que mais tarde na vida, especialmente se o adulto tem um histórico de estar acima do peso.

A boa notícia do estudo, no entanto, é que as populações de maior risco para a obesidade infantil – crianças afro-americanas, hispânicas e as mais pobres no seguro de saúde público – tinham maior probabilidade de serem avisadas sobre o excesso de peso ou obesidade.[LiveScience]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

8 comentários

  • Bovidino:

    Infelizmente a maioria dos médicos não estão avisando nada.
    Limitam-se ao problema imediato. Solicitam muito exames. Receitam muitos remédios e não estão nem aí para a prevenção.
    Parece que realmente querem que as pessoas continuem doentes para continuarem alimentando o comércio da medicina.

  • Gui Melo:

    Eu tenho uma prima que tem 9 anos e é enorme, e é culpa da minha tia SIM! A menina não obedece ninguém, faz o que quer come o que quer, é mimada e mal educada, os pais sabem a situação dos filhos, mas assisti faustão é melhor.

  • Roberto:

    Pois é Natasha, deviam avisar pelo menos aos pais cegos, para que eles soubessem que os filhos estão acima do peso. E desde que a consulta não seja pelo SUS, porque aí não vale a pena falar, já que pobre quando tem um filho gordinho logo pensa que a criatura está é esbanjando saúde. Para que contrariar? Como é porca a miséria… diante do preconceito e da omissão.

  • gloria:

    Nem precisa do méddicos dizer aos pais , pois eles ñ são cegos nem burros e nem ignorantes, conhecem os filhos melhor q todas as outras pessoas,criança gorda é culpa dos pais q niglegenciam em sua educaçao alimentar, escolar , familiar e social.

    • Igor:

      Muita gente acha q para emagrecer tem q comer pouco, desde criança sempre comi muito, porem comidas boas como inhame, arroz feijão, carne, macarrão, pão integral com queijo de coalho, banana com mel e farinha láctea, etc e nunca fui gordo(muito pelo contrario)

    • Sylvinha:

      Ngm engorda, digamos, 20kg em 2 dias…Se a pessoa engordar 200g por semana, provavelmente ela e quem está em sua volta constantemente ñ reparará de imediato, porém, de 200g em 200g se chega aos 100kg…A opinião do médico é importante até por ñ ser uma pessoa acostumada a cada pequeno aumento de 200g.

  • Cherry:

    E precisa avisar??? Excesso de peso nao é uma coisa dificil de se notar né…alias até conheço gente que quase se mata pra tentar esconder , sem ter resultado…. kkkkkkk…..

    • Mariana:

      O problema é quando os pais também são gordos e não veem isso como um problema… E os filhos só são assim por causa deles, é tudo questão de educação.

Deixe seu comentário!