Obras de arte podem influenciar pensamentos suicidas?

Por , em 14.07.2010

A nova estação de metrô da capital russa se chama Dostoevskaya, em homenagem ao autor Fyodor Dostoevsky. Ela é repleta de mosaicos em tons de cinza com cenas das histórias de Dostoiévski, caracteristicamente obscuras e violentas. Uma das imagens mostra o protagonista do livro “Crime e Castigo” assassinando duas mulheres com um machado, e outra mostra um homem apontando uma arma para sua cabeça.

Essa obra de arte tem chamado a atenção de profissionais da saúde mental e aficionados: será que ela poderia encorajar um comportamento suicida?

É cedo pra dizer, mas os psiquiatras garantem que uma imagem de alguém com uma arma apontada para sua cabeça é problemática e pode ser convidativa ao suicídio.

Imagens de suicídio, seja na arte, no cinema ou em qualquer mídia, podem fazer o ato parecer mais real para pessoas vulneráveis, que provavelmente sofrem de depressão ou outras doenças mentais. Mas não podemos culpar de todo o mosaico: obras de arte geralmente só afetam pessoas que já estão em situação de risco.

Os meios de comunicação podem levar a imitação de comportamentos suicidas. Instituições contra o suicídio pedem que a mídia não revele fotos ou detalhes do evento, e nem “glamorize” artistas que se suicidaram, para não estimular outras pessoas a copiar o comportamento.

Além disso, há casos em que vidas foram salvas por se restringir o acesso a um método de suicídio – por exemplo, colocando barreiras em pontes. Algumas pessoas podem simplesmente procurar outras formas de se matar, mas o comportamento suicida é geralmente impulsivo, e isso pode ganhar um tempo precioso que permita que a pessoa reconsidere.

Segundo os psiquiatras, ainda mais importante é reduzir o estigma sobre problemas de saúde mental. Dessa forma, mais pessoas podem conseguir a ajuda que precisam. [CNN]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

8 comentários

  • mironi:

    As imagens devem afetar o psicológico da pessoa assim como sons forma e etc.,e é isso,o que afeta os sentidos deve mudar o humor para uma pessoa normal porque cada um tem seu gosto,né

  • Leyde:

    Não somente obras de artes influenciam ao crime, mas todo o tipo de informação que contém violência.

  • José Ricardo:

    Vou me jogar da ponte.
    Voltei,esqueci que a enchente levou a ponte que tinha aqui.

  • Kattane0:

    As imagens afetam sim. Pode ser a gota d’água. Mas não o determinante. Mas se de alguma forma (não expondo as imagens) pudessemos salvar uma vida, valeria a pena omiti-las. Todas as vidas são importantes, também as das pessoas com tendência suicida.

  • Nei:

    Agora teremos que decorar as fachadas com o tema de Ursinhos Carinhosos.

  • squish:

    Achei as fotos dos mosaicos!

    http://jostamon.blogspot.com/2010/06/literary-stations.html#links

  • Rafael:

    Acho que uma obra de arte que serve de exemplo deste tipo de influência é Os Sofrimentos do Jovem Werther, de Goethe, que ao ser lançado gerou uma onda de suicídios na Europa.

    😉

  • Andréia:

    Eu concordo, pois há muitas pessoas que estão tão vulneráveis a isso devido estarem com desequilíbrio emocional muito grande, depressivas, e como já citado, com problemas mentais. Vendo imagens como esta, infelizmente levam muitos a esse ato terrível. Há muitos casos sobre isso, como o caso de um jovem ter visto uma cena de filme, da pessoa entrando no cinema e atirando em todo mundo; ele fez o mesmo, só não me lembro dizer seu nome, e parece que ele se matou.

Deixe seu comentário!